6 dicas para melhorar a sua privacidade online em 2019

Andre Munhoz Pinto, 3 Janeiro 2019

Faça uma promessa para o ano novo de melhorar a sua segurança online seguindo essas dicas.

Vai lá, siga em frente e prometa a si mesmo que irá investir um pouco mais na sua própria proteção online este ano. Esta será a sua resolução mais fácil de cumprir, e iremos ajudá-lo nesta missão ao compartilhar algumas informações e links necessários para isso. Aqui está o nosso presente de Ano Novo!

Mas antes de tudo, um lembrete, aqui estão as principais razões pelas quais você está fazendo estas promessas a você mesmo:

  • O mercado do crime cibernético continuará crescendo e encontrando novas maneiras de roubar identidades, dados e dinheiro

  • Oficialmente agora, com a neutralidade da internet, todas as táticas online de rastreamento, identificação e espionagem dos internautas são válidas para empresas e redes de publicidade

  • Além da neutralidade na internet, o rastreamento online tem se tornado uma atividade tanto legal quanto ilegal para qualquer empresa ou instituição

  • Com os vazamentos de dados ocorrendo cada vez com mais frequência, você realmente precisa ter o controle em suas mãos

Portanto, como aumentar a sua segurança e garantir uma proteção mais forte durante uma era marcada por invasões de privacidade?  

Seis dicas para melhorar a sua privacidade

1. Garanta que tudo está atualizado

Vamos começar pela parte mais fácil. A razão principal para criar novas versões de aplicativos e sistemas operacionais é a correção de segurança. Qualquer versão antiga que você esteja utilizando pode ser muito mais facilmente invadida do que uma versão mais recente e moderna. Atualize tudo para que você tenha, pelo menos, a segurança básica trabalhando a seu favor. Detalhe: mais de 50% dos aplicativos em PCs são antigos e necessitam atualização.

2. Atualize a segurança da sua Wi-Fi

No momento em que foi descoberta uma falha de segurança no protocolo WPA2 no ano passado, a Wi-Fi Alliance certificou uma série de produtos com o novo WPA3. O novo protocolo elimina a falha e melhora a segurança em geral. Nos próximos anos, o WPA3 se tornará um protocolo padrão, mas, atualmente, somente alguns roteadores e acessórios estão equipados com esta segurança avançada. Será uma mudança lenta, pois tudo deverá mudar com o tempo e você não conseguirá monitorar o aumento do número de produtos que serão certificados com WPA3. É importante lembrar que dentro de cinco anos deveremos estar todos usando o WPA3. Portanto, neste meio tempo, altere as credenciais de login do seu roteador, trocando-as de um nome de usuário e senha padrões, para algo único e diferente de qualquer outra das suas contas.

3. Use logins e senhas fortes

Descobrir suas senhas se tornou rapidamente uma atividade muito sofisticada e o submundo do crime cibernético é tão articulado que, assim que uma senha é descoberta, ela é adicionada a uma base de dados. Esta, por sua vez, é comprada e vendida na darkweb. É importantíssimo que as suas credenciais de login e suas senhas sejam não apenas complexas, mas também únicas. Siga as melhores práticas para senhas seguras e lembre-se de usar senhas diferentes para cada conta. Para criar senhas complexas de maneira instantânea, use o gerador gratuito de senhas aleatórias da Avast.

4. Use a autenticação de 2 fatores

Você provavelmente ouviu essa frase diversas vezes nos últimos tempos. Isso se deve ao fato de que uma camada extra de segurança é a melhor maneira de evitar que os fraudadores acessem suas contas sem a sua autorização. A autenticação de 2 fatores, ou 2FA, adiciona uma segunda camada ao enviar um código ao seu telefone ou requisitando uma resposta a uma pergunta de segurança. Você pode ir além e utilizar uma autenticação de multi-fatores, ou MFA, que usa partes especiais de hardware como chaves de segurança. A razão pela qual está todo mundo falando sobre 2FA é porque esta é uma solução inteligente e que funciona.

5. Use uma VPN

Uma rede virtual privada é um conexão pessoal à internet criptografada. Você é identificado(a) online pelo seu endereço IP e uma VPN permite que você tenha um endereço público e, portanto, anônimo. A sua identidade se torna anônima com uma VPN e, além disso, você terá muitos benefícios como, por exemplo: você pode usar uma Wi-Fi pública com segurança; fica livre das limitações geográficas para acessar conteúdos; dribla a discriminação de preços de acordo com a sua renda e muito mais. Experimente gratuitamente por 7 dias o aplicativo Avast SecureLine VPN e sinta a diferença.

6. Use um bloqueador de rastreamento

Mesmo estando em uma VPN, seus movimentos podem ser seguidos. O rastreamento não será capaz de identificá-lo, mas será possível ver por onde você andou. É aqui que entram em jogo os aplicativos de bloqueio de rastreamento. Além disso, utilize um navegador de confiança. Depois de disponibilizar proteção gratuita para o mundo todo, nossos pesquisadores criaram um navegador seguro, o Avast Secure Browser, um navegador gratuito que coloca como prioridade a segurança, colocando você no controle com ferramentas fáceis de usar e funções antirrastreamento.

Este ano, veremos muitos avanços tecnológicos, principalmente a evolução das casas inteligentes (smart homes). Nossas vidas estão ficando cada vez mais dependentes do mundo digital. Nossas contas e perfis online guardam as chaves de todos os nossos tesouros. Fazer uma promessa de aumentar a sua privacidade não é apenas uma boa ideia, isso pode representar a sua sobrevivência ao navegar online em 2019. Feliz Ano Novo!

Artigos relacionados