Dicas

Confira essas seis medidas para proteger seus dispositivos móveis

Emma McGowan, 7 Maio 2021

Dispositivos móveis podem sofrer ataques cibernéticos. Mesmo se o seu smartphone ou tablet estiver com você, seus dados podem não estar seguros. Confira essas seis medidas para protegê-los

Smartphones se tornaram extensões de nossos corpos. Eles armazenam de tudo, desde nossas memórias mais íntimas, passando por informações bancárias e até mesmo nossos restaurantes preferidos. Eles são essenciais, pessoais e altamente “roubáveis”. Esses aparelhos também podem sofrer ataques cibernéticos. Isso significa que, mesmo que você sempre esteja com seu smartphone ou tablet, os dados contidos neles podem não estar seguros.

Como se proteger diante desse cenário? Confira essas seis medidas para manter seus dispositivos móveis seguros.

1. Use uma senha

Certifique-se de que ninguém tenha acesso aos seus dados sigilosos, fotos, e-mails etc., usando sempre uma senha. Sabemos que pode ser irritante ter que digitá-la toda vez que quiser entrar no aparelho, mas vale a pena.

Se você conecta seu smartphone constantemente, é possível configurá-lo para que ele fique desbloqueado em determinadas localizações, como em sua casa. Não recomendamos que ele fique desbloqueado no trabalho, já que os riscos de roubo do aparelho são mais altos ali do que em sua casa. 

2. Desative as informações de localização das fotos

Você sabia que toda foto tirada no celular conta com dados de informação geográfica, ou geotags? Ao compartilhar imagens em mídias sociais, essas informações vão junto. Se você se arrepia somente com a ideia de alguém na internet ter acesso à localização exata da sua casa (e deveria), então é melhor desativar as geotags das suas fotos*. 

3. Desative o Bluetooth

O Bluetooth é uma tecnologia fantástica. Ele possibilita a conexão de dispositivos de forma que era possível apenas em filmes de ficção científica. Mas ele também sempre oferece um outro ponto de entrada para o seu smartphone. Mesmo que cibercriminosos precisam estar bem próximos a você para efetuar um ataque Bluetooth, para que arriscar? É só desligar essa funcionalidade quando ela não estiver em uso. E, como bônus, sua bateria vai durar mais tempo!

4. Use uma VPN

O uso de uma rede privada virtual (VPN) em todos os seus dispositivos, inclusive em smartphones e tablets, protege você contra cibercriminosos e espionagem governamental, do seu provedor de internet e de qualquer um que possa tentar observar suas atividades online. VPNs criam uma conexão segura entre seu dispositivo e o servidor na forma de um “túnel” criptografado.

5. Não se esqueça de ativar suas funcionalidades de segurança

Caso tenha um iPhone ou iPad, você pode ativar a funcionalidade “Buscar”, que vai ajudá-lo a rastrear seus dispositivos perdidos ou roubados. Para Android, geralmente há a opção “Encontre meu dispositivo”. Ambas as possibilidades não irão apenas ajudar a rastrear seus dispositivos, mas também darão a opção de apagar todo o seu conteúdo caso não consiga recuperá-los. Isso oferece proteção adicional contra o acesso de estranhos aos seus dados pessoais. 

6. Tome cuidado com permissões a aplicativos

Apps precisam de autorização. É assim que eles funcionam. Mas algumas empresas se aproveitam disso para pedir mais permissões de acesso do que precisam. Então pense com cuidado se as permissões solicitadas por um aplicativo realmente são necessárias. Por exemplo, o Instagram pode querer saber sua localização, mas como isso pode beneficiar você? A resposta depende de como você usa o aplicativo. 

Permissões desnecessárias para aplicativos também são a forma favorita de agentes maliciosos ganharem acesso a um dispositivo. A equipe do Laboratório de Ameaças da Avast descobriu inúmeros exemplos de permissões de aplicativos utilizadas por cibercriminosos para instalar malwares nos aparelhos dos usuários. Agora você já sabe, veja se uma solicitação faz sentido.



A Avast é líder global em segurança cibernética, protegendo centenas de milhões de usuários em todo o mundo. Saiba mais sobre os produtos que protegem sua vida digital em nosso site e receba todas as últimas notícias sobre como vencer as ameaças virtuais através do nosso Blog, no Facebook ou no Twitter.

* Original em inglês.