Segurança Cibernética

Samsung Galaxy S10 não passa no teste de reconhecimento facial | Avast

Lisandro Carmona de Souza, 18 Junho 2019

O delicado equilíbrio entre segurança e conveniência: vida mais fácil, mas menos segura. E mais: ataques ao Telegram e millenials que se expõem a maiores riscos.

JaneManchumWongPara obter uma tela sem bordas, a Samsung teve de reduzir a segurança do reconhecimento facial e o Galaxy S10 está sendo enganado por fotos e vídeos até de parentes próximos, pois o celular usa apenas a câmera e não os sensores para identificar o proprietário, por exemplo, o infravermelho e uma câmera extra para a íris dos olhos. O Galaxy S10+ confundiu Jane Wong (foto) com seu irmão e desbloqueou a tela.

As equipes do AndroidWorld, The VergeUnbox Therapy, Slashgear e da pesquisadora Jane Manchun Wong mostraram outras falhas de segurança. Os especialistas continuam recomendando usar outras formas mais seguras de desbloqueio do dispositivo (PINs numéricos e leitor de digitais ou, pelo menos, padrões).

Telegram: a bola da vez

Na semana passada, o aplicativo de mensagens Telegram foi manchete tanto pela invasão dos celulares e vazamento de mensagens entre procuradores e juízes quanto pelo ataque de negação de serviço (DDoS) que tentou “derrubar” seus servidores. Usuários (principalmente nas Américas) experimentaram problemas de conexão.

TelegramUm ataque DDoS ocorre quando um site (ou servidor) recebe uma quantidade absurda de acessos com a intenção de tirá-lo do ar. Não há roubo de mensagens ou invasão dos celulares. Houve uma suspeita inicial de que os ataques teriam sido provocados por hackers brasileiros, mas o fundador do Telegram postou que os endereços IP da rede zumbi responsável pelo ataque estavam predominantemente na China, coincidindo com os protestos político-sociais em Hong Kong que eram coordenados através do aplicativo.

Millenials se expõem a maiores riscos de segurança

annie-spratt-604126-unsplashUm relatório da Symphony Communication Services - plataforma de colaboração baseada na nuvem - mostra que a geração do milênio (millennials ou geração Y) são três vezes mais propensos a baixar e compartilhar informações confidenciais da empresa (incluindo financeiras) em seus dispositivos do que seus chefes (os baby boomers). Infelizmente, não estão preocupados com a segurança da sua empresa nem com o seu próprio emprego:

  • 27% deles admitem que não conhecem as diretrizes de TI dos seus empregadores
     
  • Um em cada quatro admite usar o seu e-mail pessoal para realizar negócios
     
  • Um em cada três admite usar seu dispositivo pessoal para assuntos profissionais

O relatório mostra também como usam aplicativos de comunicação não aprovados pela TI, compartilham informações confidenciais em aplicativos de bate-papo, falam mal do chefe e fofocam sobre colegas de trabalho. Segundo o relatório, eles são um dos pontos mais fracos da segurança de uma empresa ou escritório.

Google Play ampliou o prazo de reembolso de compras

O prazo de reembolso na loja oficial do Google passou de 15 minutos para até 4 dias ou, dependendo da forma de pagamento, até 30 dias. O Google não informou os motivos dessa mudança, mas vai levar muito mais tempo para você receber o seu dinheiro de volta, caso você se arrependa de uma compra.


A Avast é líder global em segurança cibernética, protegendo centenas de milhões de usuários em todo o mundo. Saiba mais sobre os produtos que protegem sua vida digital em nosso site e receba todas as últimas notícias sobre como vencer as ameaças virtuais através do nosso Blog, no Facebook ou no Twitter.

Christian Wiediger Annie Spratt