Dicas

Facebook lança ferramenta para busca de emprego: veja como tirar o máximo dela

Lisandro Carmona de Souza, 1 Março 2018

A gigante das redes sociais adicionou uma nova ferramenta ao seu aplicativo: busca por vagas de emprego. Saiba como usá-la e veja nossas dicas para melhorar suas chances.

Ainda que o Messenger já contasse com essa funcionalidade, agora o próprio aplicativo do Facebook permitirá que recrutadores encontrem você através da rede social.

Ainda não há nada no Facebook Empregos, mas as empresas poderão oferecer vagas. Os usuários, por sua vez, poderão ser notificados se houver vagas em sua região, enviar um breve currículo – contendo, por exemplo, o histórico de emprego e instituições onde estudou – para criar e se candidatar. Nada será compartilhado em seu perfil e somente a empresa anunciante saberá que você se candidatou. Também será possível escolher o período quando deseja trabalhar.

Facebook: nova ferramenta de busca de empregos

Fonte: Facebook Empregos

Esta pode ser uma boa notícia, mas também pode ter chegado o momento de você revisar suas configurações de privacidade, pois os recrutadores terão acesso não só às informações que você enviar, mas a todas aquelas que estiverem marcadas como públicas no seu perfil.

Há alguns meses, alertamos para o fato de que os recrutadores e os profissionais de RH pesquisam as redes sociais antes de contratar – e de demitir – uma pessoa. E que o LinkedIn é uma vitrine do seu perfil profissional na internet e, geralmente, usado para atrair a atenção dos recrutadores. Com a nova ferramenta, o Facebook pretende morder um pedacinho desse mercado.

O “problema” é que o Facebook sempre foi um local onde você estava mais distendido e, sem pensar muito nas consequências, compartilhava informações demais a seu respeito. Pode ser também que, no passado, algumas das suas postagens já tiveram um conteúdo mais agressivo, ou pior, discriminatório. A quantidade de postagens que você “fazia” também pode afugentar os recrutadores.

Não deixe que o seu passado estrague o seu futuro

Sugerimos que você escolha o nível de privacidade das suas publicações: suas postagens pessoais podem ser engraçadas para os seus amigos, mas também podem prejudicar o seu ambiente de trabalho. Existe uma forma simples de escolher quem pode ver suas publicações.

Além disso, é muito importante revisar os direitos de acesso de outros aplicativos. Se você não tiver tempo (ou paciência) para revisar um por um, pelo menos remova os que você não usa mais. O Facebook é, de longe, o serviço que mais utilizamos para entrar em outras contas e serviços. O preço que pagamos por essa facilidade é entregar nossos dados pessoais, via Facebook, a essas mesmas contas e serviços.

Não deixe que o seu presente estrague o seu futuro

Uma dica básica para que a sua atividade atual no Facebook não possa ser mal interpretada pelos recrutadores (que podem começar a usar a nova ferramenta de busca em breve) é restringir o acesso ao seu perfil e escolher quem pode publicar em seu nome. Dedique alguns minutos para ver que pessoas e quais aplicativos podem publicar em seu nome, diretamente na sua linha do tempo. Talvez haja publicações que você nem sabe que estão sendo feitas...

Ainda não há uma previsão de quando o recurso estará disponível no Brasil. De qualquer forma, usando ou não a nova ferramenta do Facebook, se você está procurando um emprego e gostaria de saber porque não está recebendo telefonemas, as respostas podem estar nos seus perfis públicos das redes sociais: cuide da sua privacidade para que a privacidade cuide do seu emprego.

Procure a gente se quiser mais dicas sobre a segurança da sua conta no Facebook.

unsplash-logorawpixel.com