Dicas

O que são e por que ficaram mais frequentes os sequestros de DNS?

Lisandro Carmona de Souza, 1 Dezembro 2017

Os ataques ao DNS afetam todos os dispositivos da nossa rede, em todos os sistemas operacionais, e não é preciso ser um gênio para executá-los.

Cada vez conectamos mais aparelhos à nossa rede: desde os dispositivos inteligentes da Internet das Coisas até os nossos aparelhos de sempre: computadores, smartphones e tablets, notebooks. Para que tudo isso se conecte entre si e com o mundo, cada ponto possui um endereço IP único, que precisa ser encontrado para nos conectarmos. A gente nem repara, mas quem faz esse trabalho são servidores poderosos, capazes de responder em milissegundos aos nossos pedidos. Tudo passa pelo servidor DNS e ele precisa ser poderoso para dar conta do recado.

Com um servidor DNS você pode digitar www.avast.com em vez dos números do endereço IP do nosso servidor (77.234.41.52, neste caso). Normalmente, esse serviço é feito pelo seu provedor de internet. Seus aparelhos, em geral, estão configurados “para obter as configurações DNS automaticamente” e, talvez por isso, que você nunca se preocupou com o DNS.

E se alguém conseguir se passar pelo servidor DNS?

Bem, nesse caso, podemos ir parar em um site falso, nossos dados podem ser roubados, nossa internet será “sequestrada”. Os cibercriminosos sabem disso e disparam uma série de ataques através do DNS ou de phishing:

  • Alteração do DNS no roteador que utilizamos, afetando toda a rede
  • Alteração dos parâmetros do nosso computador
  • Ataques interferindo em nossas comunicações online (man-in-the-middle), entre o nosso computador e o servidor DNS
  • Roubo de informações através de janelas falsas que se colocam na frente dos verdadeiros aplicativos
  • Venda dos dados da sua navegação: o seu DNS tem acesso a todas as informações da sua navegação. É sabido que os dados do servidor DNS do Google é utilizado pela gigante para, depois, enviar propaganda direcionada para você

Como se proteger contra tudo isso?

A Avast sempre tem que estar um ou vários passos na frente dos cibercriminosos. Por isso, além da proteção contra malwares que tentam alterar as configurações do seu DNS ou mostrar janelas falsas para roubar os seus dados, oferece também toda a proteção dos servidores DNS da Avast. A função Site Real direciona todos os pedidos DNS através de comunicações criptografadas com os servidores seguros da Avast:

  • Tudo é feito automaticamente, de forma transparente, sem que você tenha de alterar nada no seu computador Windows

  • As comunicações são criptografadas: nem o Google nem o seu provedor de internet terão acesso aos dados da sua navegação na web. A Avast nunca disponibiliza para terceiros as informações pessoais como o conteúdo da sua navegação, por isso, sua privacidade é garantida. Todos os dados que trabalhamos são anônimos e agregados (muitos usuários ao mesmo tempo, em conjunto, nunca individuais ou que possam identificar você)

  • Também são bloqueados os ataques “man-in-the-middle” e você nunca irá parar em um site falso ou de phishing

Navegue tranquilo(a), com a segurança e a privacidade do Site Real e, além disso, você pode testar essa função gratuitamente por 30 dias. Quer um momento mais adequado para fazer isso que as compras de fim de ano?

Proteção do Real Site do Avast contra phishing e sequestro de DNS