Notícias corporativas

CyberSec & IA Praga: como a Inteligência Artificial nos ajuda a viver livres e seguros

Jeff Elder, 25 Outubro 2019

Palestrantes de 11 nações atraíram uma multidão para a conferência de Inteligência Artificial na segurança cibernética.

A cibersegurança deve encontrar novas formas de empregar a Inteligência Artificial (IA) para tornar o mundo mais seguro e protegido, disseram os pesquisadores e palestrantes nesta sexta-feira na CyberSec & IA Praga*, conferência organizada pela Avast e pela Universidade Técnica Checa. 

“Como a IA pode nos ajudar a viver livres e seguros?” Michal Pechoucek, o novo Diretor de Tecnologia da Avast (foto acima), pediu ao público no anfiteatro do Centro de Arte Contemporânea de Praga, o DOX. “Podemos resolver este enigma”.

“Como a IA pode nos ajudar a viver livres e seguros? Podemos resolver este enigma” - Michal Pechoucek, novo Diretor de Tecnologia da Avast

A conferência trouxe palestrantes e apresentadores de 11 países para discutir temas que incluíram a batalha da máquina versus a máquina de IA contraditória e a pirataria nas eleições.

CyberSecAI

Entre as sessões para uma multidão no elegante centro industrial e de projetos de pesquisa DOX, estudantes admirados participaram de workshops que incluíram a representação de complexos conceitos através de personagens Pokemon, talvez a primeira reunião do Pikachu e pesquisadores de IA da história da cibersegurança.

rajarshibetterA própria IA da Avast ensina com os seus antivírus premiados, produtos anti-rastreamento, o inovador Omni* para proteção da Internet das Coisas (IoT) entre outros produtos como proteger os usuários todos os dias, disse o Diretor de IA da Avast, Rajarshi Gupta (foto) em uma apresentação explicando a “verdadeira IA para pessoas reais”. O ponto central, segundo ele, é que a “IA em segurança é algo real, que trabalha diariamente para proteger centenas de milhões de usuários dos produtos da Avast”. 

O tema da conferência foi uma combinação de problemas diários e de pesquisa acadêmica de elite.

“A segurança das eleições nos afeta a todos”, disse o pesquisador Alex Halderman (foto), professor de ciência da computação da Universidade de Michigan, que pesquisou pirataria em eleições por todo o mundo uma década antes que a eleição presidencial de 2016 dos Estados Unidos fosse parar nas manchetes.

alexbetter“Da próxima vez as coisas podem ser muito piores”, disse ele a respeito da eleição de 2020 nos EUA. Sua sugestão – pouco comum para uma conferência de segurança cibernética – foi usar cédulas de papel, lado a lado com as urnas eletrônicas nas eleições. “Se pudermos ter um mecanismo de proteção física, vamos quer tê-lo com certeza”. Os Estados Unidos e outros países precisam começar a trabalhar com urgência sobre isso, disse ele.

bettersadia

A IA contraditória, que os pesquisadores da Avast têm chamado de “corrida armamentista ativa (que) faz da IA em segurança algo particularmente desafiador”, foi um dos principais temas do dia, explorada em uma conversa da pesquisadora Sadia Afroz (foto) da Avast e em outras sessões do evento de hoje.

Os ataques via IA contraditória contra os mecanismos de detecção de malwares nos aplicativos e sistemas de segurança cibernética “podem parecer algo teórico, mas, na verdade, já estão acontecendo no mundo real”, disse Afroz. O mercado da segurança cibernética deve trabalhar para atualizar os modelos de IA para que eles possam se autodefender de tais ataques que evoluem constantemente, disse ela.

Fechando o encontro, houve um painel intitulado “IA boa e má” moderado pelo jornalista Dave Gershgorn e apresentado por acadêmicos de três nações, além de Rajarshi Gupta, Diretor de IA da Avast. “Os algoritmos não são o problema. Eles não são maus. É responsabilidade da comunidade a construção dos seus modelos e o seu treinamento adequado”, disse Gupta. Mais tarde, ele acrescentou que a segurança cibernética é “o único campo da IA onde temos um verdadeiro adversário. Vamos todos trabalhar juntos para levar este campo para a frente”.

“É responsabilidade da comunidade a construção dos seus modelos e o seu treinamento adequado” - Rajarshi Gupta, Diretor de IA da Avast

A conferência CyberSec IA & Prague continuará a ser um lugar onde a comunidade de Inteligência Artificial para segurança cibernética irá se reunir.

Pechoucek, o CTO da Avast, disse que a conferência foi o cume de um ano de trabalho. “E isso aconteceu. Este sonho se tornou realidade”. Ele anunciou então a CyberSec & IA Praga* 2020. Este evento vai acontecer aqui no ano que vem.