[Atualização] Restaure imediatamente o seu roteador

Nancy Nunziati, 19 Junho 2018

Muitos ignoram os avisos de segurança que são dados diariamente, mas este do FBI é um que você deve levar a sério.

[Atualização 18 de junho]: Os usuários que usam uma segurança deficiente no roteador estão sob alto risco de ataques cibernéticos projetados para assumir o controle dos seus dispositivos conectados, roubar senhas e coletar outras informações pessoais confidenciais. Metade das pessoas entrevistadas (51%) nos Estados Unidos pela Avast, líder mundial em segurança digital, nunca entrou na interface de administração do roteador para alterar as credenciais de login de fábrica. Além disso, 72% nunca atualizaram o firmware do roteador. Tendo em conta as vulnerabilidades que os usuários enfrentam com o VPNFilter, é altamente recomendável atualizar o firmware do seu roteador e alterar a senha do administrador do roteador.

[Atualização 6 de junho]: Muitos outros dispositivos daqueles que se pensava inicialmente são afetados pelo VPNFilter. A Ars Technica estima que mais de 200.000 modelos adicionais possam ser afetados. Clique aqui para ver a lista completa dos roteadores afetados.

Recentemente, o FBI emitiu uma ordem de ação imediata para todos os pequenos escritórios e usuários de redes Wi-Fi domésticas: reinicializar o seu roteador o mais rápido possível. Um malware está chegando.

As chances de que o seu roteador esteja escondendo o perigo existe, já que ele simplesmente estará funcionando. Mas você precisa atuar e, quanto mais cedo, melhor. Se você é como muitos de nós, nem sempre atualiza o firmware do seu roteador (apenas 14% dos entrevistados fizeram isso recentemente nos Estados Unidos). Nem sempre altera a senha padrão do administrador (apenas 18% dos americanos fizeram isso) de acordo com a pesquisa do Broadband Genie. Mas, desta vez, você realmente precisa atuar.

router-survey2Fonte: Pesquisa de banda larga Genie, abril de 2018

Então, o que aconteceu?

Em todo o mundo, os cibercriminosos usaram o malware VPNFilter para comprometer cerca de 500.000 roteadores domésticos e de escritório, bem como outros dispositivos em rede.

O que exatamente o VPNFilter faz?

Esse malware é capaz de várias ações nefastas, incluindo tornar o roteador inoperável, coletar informações, abusar dos dispositivos e bloquear o tráfego de rede. Pior, este malware não está limitado a um determinado fabricante de roteador (até agora, Netgear, TP-Link, Linksys, MikroTik e QNAP foram confirmados como afetados) e também pode incluir roteadores que você obteve diretamente da sua operadora ou provedor de serviços de Internet (ISP). Este malware também já infectou outros aparelhos conectados à rede.

Em suma, o tamanho e a abrangência desse ataque de malware podem ser significativos.

Como posso proteger o meu roteador do malware VPNFilter?

Se você tiver um roteador em casa, no seu escritório ou em uma pequena empresa, deverá agir o mais rápido possível seguindo estas etapas para proteger a sua rede:

  • Reinicie o seu roteador. Desligue-o, aguarde 10 segundos e ligue-o novamente.

  • Altere a senha do administrador no seu roteador. (E certifique-se de que é uma senha única e forte. Veja dicas aqui).

  • Desative o acesso administrativo remoto ao roteador sempre que possível.

  • Se você quiser fazer tudo isso de uma vez só, talvez o melhor seja redefinir o roteador para as configurações de fábrica. Isso levará algum tempo, pois você precisará implementar todos as atualizações de segurança do roteador e, em seguida, configurar novamente o Wi-Fi para que todos os seus dispositivos possam se reconectar facilmente. Recomendamos que você verifique o manual do roteador ou entre em contato com o fabricante e siga as etapas cuidadosamente para fazer a redefinição e reconfiguração.

Artigos relacionados