Dicas

Golpes de suporte técnico: dicas sobre como se proteger

Nancy Nunziati, 13 Maio 2019

Saiba como detectar, evitar e se proteger dos piores golpes de suporte técnico.

Seu computador foi infectado. Para remover os vírus, entre imediatamente em contato com o suporte técnico.

Existe alguma coisa pior do que ver uma mensagem assustadora na sua tela como essa? Não caia nessa. Esses “avisos” fazem parte dos golpes online predominantes que dão aos golpistas e cibercriminosos acesso remoto ao seu computador. Em 2017, a FTC recebeu mais de 150.000 denúncias desses golpes.

Como funcionam os golpes de suporte técnico

Os golpes de suporte técnico usam várias táticas de intimidação. Eles fazem as vítimas acreditarem que o seu computador foi infectado por malwares e que tudo o que podem fazer é pagar por serviços de suporte técnico desnecessários que supostamente consertarão problemas no computador, dispositivo, plataforma ou software afetado.

Os golpes de suporte técnico têm muitas formas. Mas os cinco golpes mais comuns são por telefone, pela internet, por mensagens pop-up, por e-mail e por anúncios online. Saiba como identificá-los:

Golpes por telefone

Os golpistas ligam para você e dizem que são do suporte técnico de uma grande empresa de tecnologia ou de um fornecedor conhecido. Depois, se oferecem para resolver problemas com o seu computador. Os golpistas encontram seu número de telefone em bancos de dados telefônicos que estão publicamente disponíveis e podem até mencionar informações pessoais quando falam com você.

Depois de ganhar a sua confiança (ou de assustar você), eles direcionam você a um site que parece legítimo, para instalar um software, ou pedem o seu nome de usuário e a sua senha para “consertar” o problema no computador. Seja qual for o método usado, o principal objetivo é passar a controlar remotamente o seu computador, para que possam infectá-lo e executar seu plano sinistro, seja roubar seus dados pessoais ou usar seu computador para infectar outros (e, provavelmente, as duas coisas juntas!)

Os golpistas geralmente usam softwares que podem exibir falsos números de telefone quando ligam para você, assim parecem legítimos, pelo menos no que se refere ao número de telefone que está fazendo a ligação. Eles também podem usar celulares roubados para aplicar os golpes. O mais importante é lembrar que você pode não perceber o golpe porque ele parece ser uma comunicação oficial, mas fique atento(a)! Se você suspeitar que se trata de um golpe, desligue o telefone.

Golpes pela internet

As empresas golpistas fazem várias coisas para parecerem legítimas na internet. Primeiro, elas registram um domínio com “erros de digitação” (também conhecido como “sequestro de URL”), e passam a aplicar golpes que se baseiam em erros de digitação feitos ao inserir um endereço de site em um navegador (p.ex., twwitter.com em vez de twitter.com ou Gooogle.com no lugar de Google.com).

Os visitantes que entram nesses endereços (URLs) são frequentemente redirecionados para sites com malwares ou sites de golpes de suporte técnico. Uma vez lá, as vítimas são bombardeadas com mensagens, como a acima, dizendo que o seu sistema operacional foi infectado por um vírus. Ou a página imita a “Tela Azul da Morte" do Windows. Esses sites, às vezes, apresentam logotipos oficiais (mas não autorizados) de empresas de software e segurança conhecidas.

O código dessas páginas de suporte técnico é escrito em JavaScript invasivo, que não permite que a vítima feche janelas de alerta ou saia do site. Como uma mosca presa em uma rede e desesperada para se libertar, as vítimas costumam ligar para o número gratuito para obter “ajuda” com o “vírus de computador” ou “infecção por malware”.

Os golpistas mandam baixar um arquivo que permitirá que seus “técnicos” consertem o problema remotamente e, assim, obtêm o controle total sobre o seu computador de um local remoto. Eles cobram das vítimas entre US$ 150 e US$ 500 por suporte técnico desnecessário e, pior ainda, o arquivo que você baixou era, na verdade, um malware que agora está em seu sistema, provavelmente escaneando seus arquivos em busca de informações pessoais que podem ser usadas para roubar a sua identidade.

critical-security-warning-safari-alert

Esse golpe de mensagem popup antigamente só incomodava os usuários do Windows,
mas agora também tem como alvo os do Mac.

Mensagens pop-up

Se você estiver navegando online e vir uma mensagem de erro de seu sistema operacional ou software antivírus, trate-a com cuidado. Esses popups não são gerados pelo seu software de segurança. Qualquer mensagem que peça para ligar a um número, pagar por um plano de proteção ou clicar em um botão “escanear agora” é um golpe.

Golpes por e-mail

Cibercriminosos mandam e-mails de phishing muito parecidos com as mensagens e logotipos de empresas conhecidas. Funciona assim: o usuário desavisado recebe um e-mail supostamente de uma marca legítima como Amazon, Microsoft, LinkedIn, Alibaba, etc. O e-mail fornece ao usuário informações falsas, como relatar que um pedido foi cancelado ou que há uma nova mensagem que eles precisam abrir. O e-mail contém um link mal-intencionado que leva o usuário a um site falsificado, no qual são exibidas mensagens (como as descritas anteriormente).

amazon-cancelled-orderFonte: Microsoft

Anúncios online e listagens nos resultados de pesquisa

Muitos golpistas criam sites que anunciam seus serviços de suporte técnico. Ou eles podem exibir seus próprios anúncios online, esperando que você ligue para este número de telefone e peça ajuda.

Como se proteger de golpes de suporte técnico?

Empresas de suporte técnico legítimas não ligam sem motivo. Ao ligar, os golpistas vão alegar que são de empresas de software ou antivírus conhecidas. Mas lembre-se de que eles podem imitar facilmente os números de telefone oficiais, por isso, não confie no seu identificador de chamadas. Além disso, a Microsoft e outras empresas não enviam mensagens de e-mail nem fazem chamadas telefônicas não solicitadas para pedir informações pessoais ou financeiras, ou para oferecer suporte técnico e consertar seu computador. Se você quiser denunciar um golpe, pode fazer isso na página da Microsoft para denúncias de golpes.

Você viu uma mensagem pop-up assustadora? Evite clicar em qualquer aviso para se inscrever em um serviço ou ligar para um número. Mesmo se clicar no X para fechar a janela, você pode sem querer baixar malwares para o seu computador. Ao invés disso, pressione Ctrl + Shift + Esc no Windows, ou Command + Option + Esc no Mac OS, para ver quais programas estão abertos e feche completamente o seu navegador a partir de lá.

Nunca forneça as informações do seu cartão de crédito para pagar por algo solicitado nessas mensagens popup.

Fique de olho nos links patrocinados com spam. Quando pesquisar online por suporte técnico, tenha cuidado com os anúncios patrocinados no topo da lista de resultados. Muitos destes links parecem legítimos, mas são das empresas que enganam os consumidores.

Nunca dê o controle do seu computador a terceiros, a menos que você tenha certeza que se trata de um membro de equipe do suporte técnico que você mesmo contatou.

Você viu um e-mail desconhecido? Não clique em links. Os golpistas também usam e-mails para entrar em contato com as vítimas. Essas mensagens direcionam os consumidores a sites fraudulentos que abrem popups com avisos e números de telefone falsos.

“Meu Deus do céu! Acabei de me tornar vítima de um golpe de suporte técnico. E agora?”

Você pagou o golpista com o seu cartão de crédito? Ligue imediatamente para o banco ou a operadora do cartão de crédito. Infelizmente, eles lidam com esses problemas com frequência e vão guiar você pelas etapas necessárias para reverter a cobrança, se possível. Entre em contato imediatamente, antes que seja tarde demais para resolver o problema.

Se você permitiu acesso remoto ao seu computador, desligue a conexão sem fio ou desconecte o cabo Ethernet da rede. Atualize o software de segurança de seu computador e exclua os componentes que ele identifica como problemas. Talvez será necessário fazer backup dos dados, limpar os discos e reinstalar o sistema operacional. Se você não se sente à vontade com isso, considere levar seu computador a um técnico de reparos de confiança.

Passou seu nome de usuário e senha para um golpista? Altere sua senha imediatamente. Se você usa a mesma senha em outros sites e serviços, altere-os também e passe a usar sempre senhas fortes e diferentes para cada site.

Monitore todas as suas contas. Considere contratar um serviço de monitoramento de crédito ou de proteção contra roubo de identidade.

Avise sua família e amigos sobre esse golpe. Você ficaria surpreso com o número de pessoas que não sabem sobre esses golpes e se tornam vítimas deles.

Para os clientes da Avast que desejam ter suporte do produto, a equipe de suporte oficial da Avast está disponível apenas na página oficial https://support.avast.com

Sempre use um antivírus.  Experimente o Avast Free Antivírus, que ganhou o prêmio de Melhor Produto do Ano da AV Comparatives, empresa independente de testes de produtos de segurança.

 unsplash-logoKaitlyn Baker