Segurança Cibernética

Por que um antivírus pode ser gratuito e uma VPN não?

Lisandro Carmona de Souza, 3 Novembro 2017

Acreditamos que segurança é um direito de todos. Você nunca teve a curiosidade de saber por que existe uma versão gratuita do Avast Antivírus?

Você nunca se perguntou por que existe o Avast Free Antivírus e não temos uma VPN gratuita? Quais as diferenças entre as versões gratuita e paga dos nossos produtos de segurança? Se você pensou que a capacidade de detecção de vírus e malwares é menor na versão gratuita, errou.

Nós levamos a segurança a sério. Desde o princípio, a Avast contou com um antivírus gratuito porque sempre acreditamos que a segurança é um direito de todos na internet. Então como a empresa se financia? O antivírus gratuito é mais "fraco"? Não, temos todo interesse de que as funções essenciais de segurança sejam as mesmas em todos os produtos porque nossos usuários são os nossos sensores internacionais para que cada novo arquivo "desconhecido" seja enviado para análise. Confiamos tanto na qualidade dos nossos produtos gratuitos que só eles são enviados para testes independentes - como os da AV-Comparatives e AV-Test.

E como fica a privacidade? Meus arquivos estão sendo enviados para a nuvem? Você não precisa se preocupar. Também levamos muito a sério a sua privacidade. Os textos pessoais (do Word ou Excel, por exemplo), fotos e vídeos, não são avaliados: eles não têm interesse para nós. Apenas arquivos executáveis, scripts, macros e outros códigos é que são enviados e analisados na nuvem e, mesmo assim, de forma completamente anônima. Também não há conflitos de direitos autorais: os criadores de malware não recebem nada por seus "códigos originais" e "inovações".

Mas voltando à pergunta, como a empresa funciona? As versões pagas trazem funções extras que não são fundamentais para a segurança dos usuários comuns. Quem precisa dessas funções por ter uma navegação de risco ou simplesmente porque quer contar com a conveniência e tranquilidade dessas funções, ajuda-nos a manter os nossos usuários gratuitos e toda a infraestrutura.

Não é o mesmo raciocínio no caso das ferramentas de melhoria de desempenho e dos nossos aplicativos para Android ou iOS. Aqui funciona o modelo comum adotado pela maioria das empresas de software: a versão gratuita é reduzida, com menos funções, e com publicidade que permita o financiamento das versões gratuitas.

E no caso do Avast SecureLine VPN? Por que não há uma versão gratuita? Uma VPN é um produto de segurança e privacidade. Para cobrir os custos com a infraestrutura - servidores em todo o mundo e uso de banda de internet - só há dois caminhos: se for gratuito, o aplicativo VPN terá de vender os seus dados para terceiros, seu tráfego será analisado e informações relevantes serão vendidas. Nos dias de hoje, é quase impossível cobrir esses custos apenas com publicidade. Por isso, por respeitarmos a sua privacidade e podermos entregar um aplicativo que não diminua a sua velocidade de navegação, o Avast SecureLine VPN é um aplicativo pago.

E aí? Matou a sua curiosidade sobre os antivírus gratuitos e pagos?

Carlos Muza