O guia essencial para segurança em Macs

Nancy Nunziati, 31 Agosto 2018

Conheça o software de segurança integrado ao Mac que vem de fábrica, além de outras dicas e ferramentas para mantê-lo em segurança online contra vírus, ransomwares e outras ameaças virtuais.

Os Macs são belas máquinas, tanto em aparência quanto em desempenho. Design elegante, sistema operacional intuitivo, apps que definem tendências e, claro, a segurança antimalware integrada na plataforma, colocam esses computadores entre os itens mais queridos dos seus proprietários.

Ter um software antivírus para Mac é realmente necessário?

Há décadas, os usuários de Mac têm um histórico de segurança excepcional e isso se deve a dois motivos. Primeiro, os Macs são construídos com recursos de proteção robustos e poucas vulnerabilidades exploráveis. Segundo, a maior parte do mundo usa Windows e, por isso, eles são os maiores alvos dos cibercriminosos. Mas a maré está mudando e os cibercriminosos estão aprendendo a contornar os protocolos de segurança do Mac.  

Com o KeRanger de 2016, o primeiro ransomware cavalo de Troia para Mac OSX e o Patcher de 2017, um ransomware para Mac disseminado por BitTorrent, vimos que os Macs não estão completamente invulneráveis. É verdade que eles são criados para serem seguros, mas há várias configurações de segurança extra que melhoram a sua proteção se você as utilizar.  Além disso, os ataques de malware em Macs não são a única coisa para você se preocupar. Cibercriminosos estão sempre criando novos sites falsos, e-mails de phishing e muitos outros ataques, tentando induzi-lo ao erro. Então, o que você pode fazer? Antivírus é o primeiro passo. Além disso, essas 7 dicas vão melhorar a sua proteção.

Siga essas 7 dicas de segurança para manter o seu Mac protegido

Aqui está tudo que você precisa saber sobre segurança no Mac e como se proteger.

Dica para Mac 1 – Examine suas configurações de “segurança e privacidade” para MacOS

Primeiro, vamos examinar o conjunto de ferramentas de segurança integradas. Em Preferências do sistema, clique em Privacidade e segurança. Você deve ver 4 abas: Geral, FileVault, Firewall e Privacidade. Clique no ícone do cadeado para fazer alterações (ele solicitará uma senha para prosseguir).

mac-security-privacy-screen

Aba Geral - Desative o início de sessão automático e defina a senha

A ação mais importante é feita nessa aba: configurar uma senha necessária para iniciar a sessão. Se você tem a opção de desativar o início de sessão automático, marque essa caixa. Defina uma senha boa e forte para que nenhum intruso, seja um bisbilhoteiro da família ou um ladrão de laptops, possa passar da tela de início da sessão.

Nessa janela, você também pode alterar sua senha e configurar para que ela seja exigida por quantos minutos quiser sempre que você entrar após o repouso ou ao iniciar a proteção de tela.

Aqui, você também pode selecionar se quer que os apps sejam baixados apenas da Apple App Store ou também de “desenvolvedores identificados”. Como regra geral, todos os apps são analisados e comparados com os padrões da Apple, portanto, você pode confiar em tudo que baixar da Apple App Store. Baixar apps de “desenvolvedores identificados” não é necessariamente uma má ideia, pois a Apple aprova apenas desenvolvedores que provaram ser confiáveis, mas os apps em si não foram analisados da mesma maneira que na loja da Apple.

Aba FireVault - Ative-o

Essa é a segunda aba em Segurança e privacidade. O FireVault criptografa os dados em seu disco rígido para que, se houver algum invasor, ele não possa descriptografar seus dados sem uma senha ou chave de segurança que você define. Recomendamos ativar o FireVault.

Criptografar todos os seus dados é trabalhoso, mas seu Mac fará isso em segundo plano enquanto seu computador estiver ligado, por isso, você não notará nenhuma inatividade.

Aba Firewall - Ative e revise apps e serviços

Essa é a terceira aba em Segurança e privacidade e é algo que você com certeza já conhece. Se já trabalhou no mundo corporativo, você sabe que todas as empresas que se importam com segurança usam um firewall para proteger sua rede ao bloquear o tráfego de entrada indesejado. Recomendamos ativá-lo.

Depois disso, clique em Opções do firewall. Na caixa de diálogo, você verá uma lista dos apps e serviços que seu sistema permite. Se quiser adicionar ou remover algum use os botões + e - na parte de baixo.

Além disso, marque a opção Ativar modo discreto. Isso fornece uma proteção extra, colocando um certo “manto de invisibilidade” em seu sistema. As redes externas que tentarem enviar um ping para ele não obterão resposta.

Aba Privacidade - Revise o acesso de apps e dados

Aqui, você seleciona quais apps têm acesso a quais dados. As categorias de dados são:

  • Serviços de localização
  • Contatos
  • Calendários
  • Lembretes
  • Fotos
  • Acessibilidade
  • Análises

Ao clicar em uma dessas categorias de dados, você verá, à direita, uma lista dos apps que solicitaram acesso a esses dados especificamente. Por exemplo, “Mapas” queria acessar seus Serviços de localização. Veja cada um deles e aprove o que fizer sentido. Quando terminar, clique no ícone de cadeado para a posição fechada e feche a janela.

Dica para Mac 2 – Saiba o que você está compartilhando

Em Preferências do sistema, clique em Compartilhamento. No lado esquerdo da janela, você verá uma lista de todos os serviços de compartilhamento. As caixas marcadas mostram o que você está compartilhando ativamente no momento. Clicar em um serviço mostra um resumo do que ele faz. Confira a lista e veja se você está compartilhando absolutamente o necessário. Não compartilhe o que não for essencial.

list%20of%20services-1

Dica para Mac 3 – Ajuste as configurações de segurança do seu navegador

Abra as Preferências do seu navegador, seja qual for, e localize as abas de segurança e privacidade. Leia suas opções e selecione todas que desativam rastreamento de sites. Se o navegador oferecer “navegação segura” na forma de um relatório de sites fraudulentos, marque também essa caixa. Confira se você está satisfeito com todas as configurações do seu navegador.

No Safari, na aba Privacidade, você pode selecionar Gerenciar dados de sites. Ao clicar nela aparecerá uma lista de todos os sites que você acessou e que mantêm dados em seu computador, seja na forma de cache, cookies, banco de dados ou simplesmente armazenamento local. Se nunca verificou essa lista, ela vai ser longa. Percorra e exclua os sites que considera não essenciais. Eliminar os cookies do seu computador significa apenas que, na próxima vez que iniciar a sessão, eles serão carregados novamente, em vez de confiar nos dados já armazenados em seu computador.

Dica para Mac 4 – sempre atualize, sempre faça backups

Pode parecer uma dica óbvia, mas precisamos incluí-la, pois muitas pessoas não fazem nenhum deles, apesar de serem etapas fundamentais para manter a integridade do seu Mac.

Quando as atualizações são emitidas, elas são planejadas para melhorar o sistema, geralmente na forma de segurança. Atualizações corrigem vulnerabilidades, fortalecem a segurança e melhoram o desempenho. Alguns temem que, se atualizarem o sistema, perderão algumas informações ou ficarão confusos com novas regras ou ferramentas. Precisamos eliminar esse medo injustificado das pessoas e apresentar a verdade: a atualização do sistema é sua amiga.

3-screen-app-storeRecomendado: marque tudo sob “Verificar atualizações automaticamente” e seu sistema operacional e apps serão atualizados automaticamente quando houver uma  disponível.

Não esqueça de fazer backup do seu Mac

Assim como alguns não atualizam, outros não fazem backup. Não é que eles não acreditam nisso. Todos sabem que um backup dos dados é útil para se precaver, mas simplesmente eles não dedicam um tempo para isso. Mas um backup vale muito a pena. Invista em um Apple Time Capsule ou um disco rígido externo e configure um backup noturno. Seu sono será mais tranquilo se você souber que, se algo acontecer com seu computador ou se ele for afetado por ransomwares, tudo que você precisa estará a salvo.  Se você quiser ver todas as opções, confira as diretrizes oficiais da Apple para fazer backup do seu Mac.

Dica para Mac 5 – Use o Find my Mac

Essa dica é para proteger seu Mac dos ladrões à moda antiga, aqueles simplesmente roubam e o levam embora. Com o Find My Mac, você pode localizá-lo em um mapa usando rastreamento por GPS, bloqueá-lo remotamente para que ninguém possa acessá-lo e até mesmo apagar todos os dados remotamente. Você precisa ajustar suas configurações para isso, por isso abra as Preferências do sistema e clique no cadeado para fazer alterações.

find-my-mac-screen

Primeiro, nas Preferências do sistemaSegurança e privacidadePrivacidade, marque Ativar serviços de localização.

Depois, nas Preferências do sistemaiCloud, se rolar para o final da janela, você encontrará Find my Mac. Marque esta opção.

Por último. Find My Mac funciona apenas quando seu computador está online. Por esse motivo, você precisa ativar um usuário convidado para poder iniciar a sessão. Assim, se seu Mac for roubado, você poderá localizá-lo facilmente se os ladrões forem estúpidos o suficiente para iniciá-lo. Acesse Preferências do sistemaUsuários e grupos. No lado esquerdo, clique em Usuário convidado e depois marque a caixa Permitir que usuários convidados iniciem a sessão neste computador.  

Agora, sempre que quiser encontrar seu Mac, acesse icloud.com/find em outro computador e, se o seu estiver online, onde quer que esteja, você o verá.

Dica para Mac 6 – Instale segurança cibernética extra

Os protocolos de segurança da Apple são fantásticos, mas para ficar um passo à frente do crime virtual, você precisa realmente complementá-los com segurança adicional e software de privacidade, como:

Antivírus

Instalar um antivírus forte para Mac é um ótimo passo para defender sua vida digital. O Avast Security para Mac é gratuito e protege contra malwares, sites malignos e conexões Wi-Fi vulneráveis. Para ter um nível maior de proteção, obtenha proteção contra:

  • Ransomwares
  • Veja os invasores da sua Wi-Fi

ao comprar nossa versão Mac Security Pro.

Baixe o Avast Security para Mac - Gratuito

Rede Privada Virtual (VPN)

Criptografe a sua conexão com a internet e mantenha a privacidade online com uma VPN. É como alugar um carro com vidros fumê: ninguém poderá reconhecê-lo quando estiver cruzando as rodovias cibernéticas. Baixe um teste grátis de 7 dias do Avast SecureLine VPN e curta uma navegação sem preocupações.

avast-secureline-vpn-mac-dashboard

Gerenciador de senhas

Lembre-se de que cada senha que você cria deve:

  • Ter mais de 15 caracteres
  • Ser formada por várias palavras que sejam difíceis de adivinhar e
  • Ser exclusiva para essa conta (ou seja, nunca use a mesma senha em outras contas).

Se você cumprir essas práticas recomendadas para senhas, você terá uma enorme quantidade de senhas como o zelador de um prédio tem um molho de chaves. Isso pode ser muito confuso. Os gerenciadores de senha lembram-se de tudo para você e eles até geram senhas complicadas de alta segurança. Baixe o Avast Passwords para Mac e pare de se preocupar com senhas.

Ative a autenticação por dois fatores em todas as contas

Por último, ative a autenticação por dois fatores em todas as suas contas. Com o aumento sem precedentes no número de invasões e vazamentos de dados, a autenticação por dois fatores coloca a segurança em um outro patamar.

mac-productsUse um gerenciador de senhas para manter a segurança das suas senhas em todos os seus dispositivos

Dica para Mac 7 – Noções básicas de segurança

Além disso, siga sempre essas dicas básicas de segurança para ficar seguro online:

  • Instale apenas apps confiáveis da Apple App Store e outros sites oficiais.

  • Evite sites inseguros. Um software antivírus pode ajudar facilmente com isso.  Até mesmo produtos antivírus gratuitos fornecem essa proteção a você.

  • Cuidado com arquivos e links em emails. Veja sempre se você conhece o remetente (verifique o endereço de email real no campo “de”).  Se algo parecer suspeito, não clique em nenhum link no email nem baixe qualquer arquivo anexado. Os cibercriminosos usam engenharia social e técnicas de phishing para obter informações sigilosas de você.  Basta fechar o email e ignorá-lo.

Se você comprou um Mac, é óbvio que você se importa com desempenho e alta segurança. Mas, embora os cibercriminosos tenham focado predominantemente em Windows no passado, cada vez mais malwares estão sendo desenvolvidos tendo os Macs como alvo. Para impedir que você se torne um alvo, conheça as suas configurações de segurança e siga as dicas acima. Você quer manter seu sistema em ótima forma e nada é pior para um usuário de Mac que uma maçã estragada.

Artigos relacionados