Segurança Cibernética

Android 10: um grande salto em segurança, privacidade e conveniência | Avast

Lisandro Carmona de Souza, 3 Setembro 2019

Mais segurança e privacidade – além de muitas melhorias na interface e novas funções – fazem do Android 10 o melhor sistema operacional do Google já lançado.

O lançamento da nova versão do sistema operacional do Google, o Android 10, quebra a tradição de nome de sobremesas – porque, entre outras coisas, as pessoas não sabiam qual sistema era o mais atual – e, além disso, vem com um novo logotipo* onde o robozinho só aparece da metade do rosto para cima:

Android_10Novo logotipo do Android em letras brancas e com apenas uma parte do robozinho

Com relação à privacidade, o Android 10 apertou o cerco:

  • O sistema irá perguntar ao usuário como os aplicativos podem ter acesso à localização e permitir apenas enquanto ele estiver em uso, bloqueando o rastreamento em segundo plano
     
  • As configurações de privacidade serão agrupadas em um mesmo menu, facilitando a vida do usuário. Você vai poder saber quais aplicativos têm acesso ao seu calendário, contatos, microfone ou localização
     
  • As permissões de acesso vão diferenciar tipos de pastas que podem ser acessadas, por exemplo, fotos, vídeos, áudios e downloads
     
  • Haverá uma forte limitação para que os aplicativos acessem os identificadores imutáveis do dispositivo (números de série e IMEI, por exemplo) para diminuir o rastreamento dos usuários e a segmentação de anúncios. Também serão tornados aleatórios os endereços MAC das redes Wi-Fi e Bluetooth, que são o paraíso do rastreamento em redes gratuitas
     
  • O Google Assistente deverá ter (parte do) seu processamento no próprio aparelho, sem que seus dados sejam enviados para a nuvem, ajudando pessoas com deficiências e aquelas com um plano de dados reduzido
     
  • Você não vai precisar mais instalar um bloqueador de telefonemas: telemarketing, robôs e cobrança, isto é, chamadas que vierem de números que não estão nos seus contatos poderão ser automaticamente rejeitadas. O aplicativo Telefone ainda vai tentar identificar a origem da chamada (nome comercial ou perfil nas redes sociais)

Quanto à segurança, o Google informou que o Android 10 introduz quase 50 novos recursos, por exemplo:

  • O Google irá enviar atualizações de segurança através de um módulo separado, o Android OS Framework, e os smartphones poderão receber as mais críticas através dos próprios mecanismos da Google Play Store, sem depender das fabricantes, por exemplo: codecs de mídia, controladores de permissões, componentes de rede. Em princípio, o usuário não vai nem precisar reiniciar o aparelho
     
  • Poucos aplicativos conseguirão acesso à área de transferência (por exemplo, teclados) e aplicativos sendo executados em primeiro plano: nada de continuar espionando o que a gente recorta e cola!
     
  • O recurso Scoped Storage (armazenamento com escopo, em tradução livre) poderá trazer dificuldades para vários aplicativos, mas aumentará a segurança, já que eles só poderão gravar dados em seu próprio espaço reservado (sandbox), não podendo afetar arquivos como fotos, áudios e vídeos
     
  • O tráfego de dados será melhor criptografado pelo protocolo TLS 1.3. Além disso, a conexão via aplicativos com outros dispositivos IoT será mais rápida e segura
     
  • Você vai poder compartilhar a sua conexão Wi-Fi (nome da rede e senha) através de um código QR, sem ter de procurar em baixo do roteador da operadora
     
  • Os novos esquemas de criptografia vão permitir separar ainda melhor os arquivos de sistema e aplicativos dos arquivos pessoais e de uso profissional 

  • Haverá uma melhor segmentação entre os processos de sistema e dos aplicativos (tiny sandbox), evitando vazamento de dados entre eles e também melhorias no Bluetooth e kernel que melhoram o nível de segurança dos dispositivos
     
  • Novos controles parentais vão permitir definir os limites de tempo de uso para cada aplicativo e configurações de autorização para instalação de novos aplicativos

Também surgiram mudanças na interface, ainda que muitas delas já estavam presentes nas ROMs customizadas:

android-q-modo-escuro-970x543

  • Você poderá escolher a cor dos destaques da aparência dos botões: branco, preto, verde ou roxo
     
  • Os ícones da central de ações poderão ter quatro formatos: padrão, gota, retângulo arredondado e squircle
     
  • O modo ou tema escuro será global e poderá ser acionado automaticamente no modo de economia de bateria. Os desenvolvedores terão liberdade para implantá-lo nos seus aplicativos. Lembrando que em dispositivos com telas OLED, isso pode representar economia de bateria
     
  • Como nos iPhones, ao deslizar uma notificação para esquerda, você poderá adiá-la ou configurá-la e para a direita, continua tudo igual, jogando fora a notificação
     
  • Vai ficar mais fácil compartilhar arquivos, pois os contatos mais recentes vão aparecer como sugestão no menu de compartilhamento
     
  • As notificações também poderão aparecer na forma de bolhas sobre a tela do smartphone, em vez da barra de status
     
  • Nas configurações da bateria, você pode ativar o cálculo do número de horas restantes com base no uso atual do aparelho
     
  • Agora, ao excluir um ícone (atalho) ou widget da tela inicial fará aparecer um botão para desfazer a ação, caso não tenha sido intencional
     
  • A nova barra de navegação na parte inferior da tela terá gestos para voltar a tela anterior, ir para a tela inicial, alternar entre aplicativos ou ativar o Google Assistente. O Google removeu o botão de voltar, que foi substituído por um gesto de deslizar a partir das bordas laterais
     
  • Em qualquer vídeo, podcast ou mensagem de voz nos aplicativos, legendas automáticas poderão aparecer sem a necessidade de conexão com a internet, facilitando a vida das pessoas com alguma deficiência auditiva
     
  • O novo aplicativo Bem-Estar Digital vai permitir deixar a tela em tons de cinza à noite, além de agendar o bloqueio de notificações e aplicativos – Modo Foco – quando você precisa de mais concentração ou, simplesmente, está de férias

android-bem-estar-digital-modo-sem-distracoes-2-768x678Um único toque e você bloqueia os apps que distraem e reduzem seu rendimento. Foto: Technoblog

Ainda que vá levar algum tempo para que todos tenhamos acesso a um smartphone com o Android 10, é bom ver que as coisas vão caminhando no sentido de termos mais segurança e privacidade em nossos dispositivos. Melhorias ainda são necessárias, especialmente na verificação dos aplicativos dentro da Google Play Store para bloquear propagandas invasivas e infectadas (malvertising), spywares e stalkerwares.

"O Google está adotando, com certeza, boas medidas de segurança para o fortalecimento do Android. "Mas onde eu penso que o Android ainda está pecando é ao verificar e limitar o uso excessivo de ferramentas de desenvolvimento de anúncios que são suspeitas e, além disso, a Google Play Store ainda precisa de muitas melhorias na verificação de aplicativos suspeitos" Nikolaos Chrysaidos, pesquisador de segurança e de malware da Avast

A Avast é líder global em segurança cibernética, protegendo centenas de milhões de usuários em todo o mundo. Saiba mais sobre os produtos que protegem sua vida digital em nosso site e receba todas as últimas notícias sobre como vencer as ameaças virtuais através do nosso Blog, no Facebook ou no Twitter.

* Original em inglês.

Tinh Khuong