Notícias corporativas

Uma mensagem do CEO da Avast, Ondrej Vlcek

Avast, 29 Janeiro 2020

A todos os nossos estimados clientes, parceiros, funcionários e investidores.

Eu queria aproveitar esta oportunidade e abordar a situação relativa à venda de dados dos usuários da Avast através da sua subsidiária, a Jumpshot. A principal missão da Avast é manter a segurança das pessoas em todo o mundo e eu compreendo que as recentes notícias sobre a Jumpshot feriram os sentimentos de muitos de vocês e, acertadamente, levantaram uma série de questões, incluindo a questão fundamental da confiança.

Como CEO da Avast, eu me sinto pessoalmente responsável e gostaria de pedir desculpas a todos os interessados.

Proteger as pessoas é a principal prioridade da Avast e deve estar incorporada em tudo o que fazemos em nosso negócio e em nossos produtos. Qualquer coisa em contrário é inaceitável.

Por estas razões, eu – juntamente com o Conselho de Administração – decidi encerrar a coleta de dados da Jumpshot e descontinuar as operações da Jumpshot, com efeito imediato.

Para entender por que tomamos esta decisão, permitam-me fornecer algum contexto. Iniciamos a Jumpshot em 2015 com a ideia de ampliar nossa capacidade de análise de dados além do nosso objetivo principal de segurança. Isso ocorreu durante um período em que se tornava cada vez mais evidente que a segurança cibernética se tornaria um enfrentamento de Big Data. Pensamos que poderíamos alavancar nossas ferramentas e recursos e fazer isso de forma mais segura do que inúmeras outras empresas que estavam coletando dados.

Desde o princípio, a Jumpshot operou como uma empresa independente, com uma gestão e Conselho de Administração próprios, construindo seus produtos e serviços através dos dados vindos dos produtos antivírus Avast. Durante todos esses anos, tanto a Avast quanto a Jumpshot agiram completamente dentro dos limites legais e demos as boas-vindas à introdução do GDPR na União Europeia em maio de 2018, por ser um rigoroso marco jurídico que nortearia a forma como as empresas deveriam gerir os dados dos seus usuários. Tanto a Avast quanto a Jumpshot se comprometeram a 100% de conformidade ao GDPR.

Quando assumi como CEO da Avast sete meses atrás, dediquei muito tempo a reavaliar cada parte do nosso negócio. Durante este processo, cheguei à conclusão de que as operações de coleta de dados não estavam alinhadas com as prioridades de privacidade da nossa empresa para 2020 e além. Para mim, é um ponto fundamental que o único objetivo da Avast seja tornar o mundo um lugar mais seguro, e eu sabia que, em última análise, tudo na empresa teria de se alinhar com essa nossa Estrela Polar.

Ainda que a decisão que tomamos irá lamentavelmente impactar centenas de funcionários da Jumpshot e dezenas dos seus clientes, é absolutamente a coisa certa a ser feita. Acredito firmemente que isso irá ajudar a Avast a focar e desbloquear o seu potencial para cumprir a sua promessa de segurança e privacidade. Além disso, agradeço especialmente aos nossos usuários, cujo recente feedback acelerou a nossa decisão em agir rapidamente.

Esta mudança representa um novo capítulo na história da Avast de manter as pessoas seguras em todo o mundo. Estamos animados em demonstrar o nosso comprometimento com as prioridades de inovação e de segurança, com um foco especial em 2020 e além. Agradeço o seu contínuo apoio e a confiança que vocês depositam em nós. Não iremos desapontá-los.

Respeitosamente,

Ondrej Vlcek, CEO da Avast