Protecting over 200 million PCs, Macs, & Mobiles – more than any other antivirus

Arquivo

Arquivo de janeiro, 2014
28, janeiro, 2014

5 dicas de segurança de um experiente evangelista do avast!

howto2_enHá alguns dias, apresentamos você ao Evangelista do AVAST: Paulius Yla. Com cerca de 10 anos de experiência obtida ao prestar ajuda no fórum do avast!, Paulius pode ser facilmente chamado um expert em avast! Ele vem utilizando o nosso software desde 2003 e participou dos teste de dezenas de produtos avast! Paulius compartilhou conosco 5 dicas básicas e ABSOLUTAMENTE NECESSÁRIAS!

Dê uma olhada e não esqueça de seguir estas regras:

  • Utilizar um antivírus é absolutamente necessário. Não acredite naqueles seus amigos que dizem que não é preciso, que somente deixam o computador lento e assim por diante. Ele deve estar instalado e atualizado.
  • Um firewall deve estar habilitado também, ao menos o integrado ao Windows.
  • Nunca utilize software pirateado e craqueado, especialmente sistemas operacionais. Você nunca sabe que armadilha eles podem ter incluído no pacote.
  • Nunca ignore as atualizações do sistema operacional, deixe as atualizações no automático. As atualizações de outros softwares também são importantes. Na maioria dos casos elas consertam bugs, brechas de segurança, etc. e melhoram a segurança da sua internet.
  • Acredite, a internet é um terreno selvagem, por isso, tente evitar sites com má reputação ou sites de alto risco (peer-to-peer, sites adultos, etc.). Não há nenhum antivírus que possa proteger você de 100% das ameaças, por isso, utilize a ferramenta da sua própria cabeça!

fr635249706757607162

Obrigado por utilizar o avast! Antivírus e por recomendar-nos aos seus amigos e familiares. Encontre as últimas notícias, divirta-se, participe de concursos e muito mais no Facebook, Twitter, Google+ e Instagram. Dono do próprio negócio? Descubra mais sobre os nossos produtos corporativos.

Comments off
28, janeiro, 2014

Qual o seu QI da privacidade? Responda ao questionário e descubra!

A AVAST Software está orgulhosa de ser a campeã do Data Privacy Day (Dia da privacidade dos dados) celebrado anualmente no dia 28 de janeiro. Queremos animar você a fazer da proteção da privacidade e dos seus dados uma grande prioridade. Leia e descubra se você é um profissional da privacidade.

Descubra se você é um Privacy Pro ou se você precisa aprender mais sobre como proteger a sua informação pessoal online seguindo o Questionário de QI da privacidade. Responda ao questionário aqui mesmo, como um comentário a este artigo do blog. Os primeiros 5 participantes que responderem corretamente todas as questões ganharão uma licença do avast! SecureLine VPN para Android ou para iOS ou um ursinho de pelúcia do avast!. Você também pode responder ao questionário em nossa página do Facebook. O questionário termina na segunda-feira, 3 de fevereiro.

blog

Meu questionário de privacidade

1) As políticas de privacidade garantem que a sua informação será mantida de forma privada?

A. Sim.
B. Não.

2) Qual destas opções não é recomendada para compartilhar quando estiver utilizando uma rede WiFi pública?

A. O número do seu cartão de crédito.
B. As informações da sua conta bancária.
C. O número da sua seguridade social.
D. Todas as acima.

3) Você realmente deseja comprar online um presente de aniversário para o(a) seu(sua) amigo(a), mas está longe, de férias. Você pagou por uma conexão WiFi pública no hotel e, por isso, a sua informação estará segura. Está tudo bem comprar o presente para ele(a) utilizando o WiFi público do hotel.

A. Verdadeiro.
B. Falso.

4) Qual é a melhor maneira de utilizar os sites das redes sociais?

A. Configurar a privacidade e a segurança para o seu nível de conforto ao compartilhar informações.
B. Evitar compartilhar fotos e informações comprometedoras.
C. Você não pode confiar nas configurações de segurança padrão a cada vez.
D. Opções A e B.

5) Uma vez que eu arrume as minhas configurações de privacidade de um produto ou serviço, eu não tenho de configurá-las novamente.

A. Verdadeiro.
B. Falso.

6) Todos os aplicativos móveis pedem a você que habilite os serviços de geolocalização necessitam do uso de dados para funcionar.

A. Verdadeiro.
B. Falso.

7) Qual dessas senhas é a mais forte?

A. eNcrYP0123tion$
B. encryptioniscoo
C. Encryption123

8) Esta deve ser a sua senha para todos os sites, por isso, ela deve ser fácil de lembrar.

A. Verdadeiro.
B. Falso.

9) O que é um cookie?

A. Uma parte dos dados enviados por um site no navegador do usuário.
B. Um lanche criado em 1922.
C. Uma velha brincadeira que se tornou um fenômeno na internet.

10) Responda a esta última pergunta nos comentários do blog para concorrer! Quanto você valoriza a sua privacidade online?

Obrigado por utilizar o avast! Antivírus e por recomendar-nos aos seus amigos e familiares. Encontre as últimas notícias, divirta-se, participe de concursos e muito mais no Facebook, Twitter, Google+ e Instagram. Dono do próprio negócio? Descubra mais sobre os nossos produtos corporativos.

27, janeiro, 2014

Scam de tema musical para o Facebook deixa gosto amargo na boca

FB_Theme

Tema musical do Facebook

No momento, estamos todos familiarizados com os scams do Facebook que apregoam um novo design para o seu feed de notícias. Lembra-se do Facebook Red ou do Facebook Black? Estes belos esquemas acabaram espalhando spam e links maliciosos via pesquisas online e falsos vídeos. Hoje, os técnicos do Laboratório de Vírus do avast! descobriram uma variedade especial: o scam de tema musical para o Facebook.

O scam de tema musical para o Facebook deveria alterar o tema e acrescentar uma música à sua página do Facebook. Mas quando o especialista do Laboratório de Vírus, Honza Zika, pesquisou, encontrou mais do que uma trilha sonora para danças. “O que este código faz é alterar o Facebook. Ele automaticamente curte 32 fotos, pessoas e grupos… Veja o log de atividade, e isto é apenas a metade do problema”.

activity_log

Log da atividade depois que o tema musical foi aplicado

Parece mais um trote, mas Zika explica sobre o aumento alarmante de scams.

“Para um observador atento, isto é algo realmente grande”, disse Zika. “Na terceira figura você pode ver o impacto previsto, isto é, o número de pessoas que auto-curtiu a foto do perfil”. O número era de 37.000 quando a foto foi tirada.

predicted_impact

O impacto potencial é enorme

Com o avanço da investigação, um segundo script agendado foi encontrado. O script continuaria acrescentando auto-curtições, e a página poderia coletar mais de 1 milhão de curtições. Como já dissemos em nosso blog sobre fraudes no Facebook, o objetivo dos caçadores de curtições é aumentar o valor das páginas do Facebook para que possam ser vendidas no mercado negro a outros fraudadores e então vender produtos e serviços no mínimo questionáveis, além de distribuir mais scams.

Por fim, Zika disse que nenhum código malicioso foi encontrado, mas os scripts executados auto-curtiram múltipos itens, alteraram o tema do Facebook e tentaram tocar um arquivo mp3.

Não é o meu tipo de música, mas não encontramos nada que pudesse causar dano ao seu computador… ainda”.

Obrigado por utilizar o avast! Antivírus e por recomendar-nos aos seus amigos e familiares. Encontre as últimas notícias, divirta-se, participe de concursos e muito mais no Facebook, Twitter, Google+ e Instagram. Dono do próprio negócio? Descubra mais sobre os nossos produtos corporativos.

Comments off
27, janeiro, 2014

Um ransomware pior que o CryptoLocker?

O nome CryptoLocker é de arrepiar os cabelos e agora os pesquisadores nos dizem que algo pior pode estar a caminho.

ransomware

Você deve se lembrar que o CryptoLocker bloqueia as máquinas dos usuários, criptografa os arquivos e daí exige um resgate para desbloquear os arquivos criptografados. Até mesmo se o malware for removido, os dados permanecem indisponíveis.
“Não há outra solução para obter os dados de volta sem pagar o resgate e esta é a razão porque os hackers colocam o foco neste processo, pois gera grandes lucros”, disse Jiri Sejtko, Diretor de Operações do Laboratório de Vírus da AVAST Software.

Existem novas evidências que outra versão ainda mais perniciosa de ransomware pode estar a caminho. Fóruns de hackers publicaram propagandas de uma nova ferramenta ransomware disponível chamada Prison Locker ou PowerLocker, junto com tutoriais e uma licença de 100 dólares. Um dos artigos do blog Malware Must Die, um grupo que luta contra o crime online, dá os detalhes.

“Eu diria que não é nada novo”, disse Sejtko, “quase não há diferença comparado ao CryptoLocker e outras ameaças semelhantes. Estes caras utilizam algoritmos bem conhecidos onde você não pode quebrar a criptografia sem saber a chave”.

Durante a enxurrada de previsões para 2014, muitos especialistas de segurança disseram que o ransomware iria crescer e até atacar dispositivos Android. Os dados de aparelhos móveis são sincronizados com algum tipo de serviço na nuvem e podem ser facilmente recuperados, parece que o alvo do ransomware seria o próprio aparelho mais do que os dados em si.

“Podemos esperar um crescimento das ocorrências de ransomware”, prevê Sejtko. “Os criadores de malware provavelmente irão focar em bloqueadores de tela, de arquivos ou até dos navegadores para ganhar mais dinheiro das vítimas”.

howto2_enComo se proteger do ransomware?

Sejtko disse que a melhor proteção vem de utilizar sempre um software antivírus, de preferência o avast! Antivírus, e ter um backup. “Esta é a melhor proteção para os seus arquivos se você não os quer perder”. O avast! BackUp protege os arquivos do disco do computador e o avast! Mobile BackUp protege os contatos, chamadas, SMS e outros dados dos aparelhos móveis.

“Softwares desatualizados deixam você mais vulnerável ao ransomware, por isso, mantenha o seu sistema operacional e todos aplicativos atualizados, especialmente o Java, leitores de PDF, Navegadores e Flash”, disse Sejtko. A função avast! Software Updater presente em todos os nossos produtos mostra uma visão geral de todos os aplicativos desatualizados, para que você possa mantê-los ao dia e eliminar qualquer vulnerabilidade de segurança.

Aumente o seu conhecimento sobre ransomware no blog do avast!

Browser Ransomware tricks revealed

Ransomware shocks its victims by displaying child pornography pictures

O avast! consegue me proteger do vírus CryptoLocker?

O que fazer quando o seu computador é atacado por ransomwares

Win32:Reveton-XY [Trj] saves hundreds of computers worldwide and cybercriminals know it!!!

Obrigado por utilizar o avast! Antivírus e por recomendar-nos aos seus amigos e familiares. Encontre as últimas notícias, divirta-se, participe de concursos e muito mais no Facebook, Twitter, Google+ e Instagram. Dono do próprio negócio? Descubra mais sobre os nossos produtos corporativos.

Categories: General Tags: ,
Comments off
24, janeiro, 2014

Falso email do WhatsApp tenta instalar o trojan Zeus no seu computador

whatsapp-logo

Você já recebeu um email do WhatsApp? Não? Isto porque a empresa geralmente envia mensagens aos seus usuários diretamente através do próprio aplicativo, avisando-os das atualizações. Se você recebeu um email do WhatsApp recentemente, recomendamos enfaticamente que você não o abra, mas o exclua imediatamente. O email é falso e contém malware.

Nos últimos dias, um email com o assunto “Missed voice message” (mensagem de voz perdida) foi disseminado com o remetente “WhatsApp Messenger”. A mensagem pede aos usuários que “por favor, baixem o arquivo em anexo”, um arquivo chamado “Missed-message.zip”.

Nosso especialista do laboratório de vírus, Peter Kálnai, disse-nos que “nunca foi uma estratégia do WhatsApp enviar por email aos usuários mensagens de voz que foram perdidas, e eles não começaram a fazer isto agora”. Em vez de uma mensagem de voz, o email contém um arquivo zip com um executável com o mesmo nome (missed-message.exe). Este arquivo é capaz de baixar qualquer malware que os hackers desejem instalar no computador da vítima, incluindo o Trojan Zeus, também conhecido como um dos mais perigosos trojans bancários.

O Zeus permanece silenciosamente nos computadores dos usuários até que ele faça login em um site bancário. Aí o Zeus coleta os dados pessoais do usuário e as informações bancárias online. Leia mais sobre como o avast! Antivírus bloqueia os trojans Zeus.

O popular serviço de mensagens móveis WhatsApp anunciou recentemente que possuem mais de 430 milhões de usuários Android e iPhone. Este é o grande sucesso do WhatsApp, mas, ao mesmo tempo, o torna um alvo atrativo para os cibercriminosos, pois a quantidade de potenciais vítimas é enorme.

O avast! Antivírus me protege contra o malware do WhatsApp?

Sim! O avast! detecta os executáveis espalhados dentro das diferentes versões do arquivo zip e protege contra esta ameaça todos os seus mais de 200 milhões de usuários. Além de utilizar o avast!, recomendamos aos usuários que utilizem o bom senso e se perguntem duas vezes quando receberem um email de um aplicativo que nunca utiliza este canal para se comunicar com seus usuários. Em geral, companhias confiáveis não enviam anexos a não ser que você tenha solicitado documentos específicos, por isso, não abra anexos de emails se você não solicitou diretamente, e seja sempre cauteloso ao baixar arquivos da internet.

Obrigado por utilizar o avast! Antivírus e por recomendar-nos aos seus amigos e familiares. Encontre as últimas notícias, divirta-se, participe de concursos e muito mais no Facebook, Twitter, Google+ e Instagram. Dono do próprio negócio? Descubra mais sobre os nossos produtos corporativos.

Categories: General Tags: , ,
Comments off
22, janeiro, 2014

Lembra daquele app legal? Foi comprado por spammers…

broken-chrome

“Spammers compram extensões do Chrome e as convertem em adwares” PC World

Esta é uma foto “antes e depois” que ninguém queria ver. Alguém contatou os desenvolvedores das extensões do Chrome originais e acrescentaram um Add to Feedly e um Tweet This Page com uma oferta de compra. Pensando que é uma boa oportunidade para que uma empresa com mais tempo e recursos continue desenvolvendo o que eles iniciaram, ambos venderam ótimos aplicativos. Mas a alegria durou até a próxima atualização automática onde uma verdadeira transformação acontece.

Ainda que os usuários não saibam da venda destas extensões, comentários raivosos indicam que uma mudança aconteceu. O aplicativo foi acusado de enviar spams por que atualizou ocultamente as extensões injetando propagandas e links patrocinados. Amit Agarwal, autor do Add to Feedly original disse à PC World que “estes não são banners de propaganda regulares que você vê na internet; eles são propagandas invisíveis que funcionam por baixo do pano e trocam os links de cada site que você visita em links patrocinados. Em português direto: se a extensão for ativada no Chrome, ela irá injetar adware em todas as páginas que você visitar”.

Alguns dias depois, as duas extensões foram removidas da Chrome Web Store.

Como remover extensões e barras de ferramentas indesejadas do seu computador

“Ambas as extensões estão na categoria “muito ruins” do banco de dados do avast! Browser Cleanup“, disse Thomas Salomon, chefe de desenvolvimento do Browser Cleanup na AVAST Software. ”O Browser Cleanup irá removê-las completamente. Isto significa que serão removidas da mesma forma que qualquer outra extensão/barra de ferramentas indesejada”.

Browser cleanup screenshot

Abra a interface de usuário do avast! para acessar o Browser Cleanup

O Browser Cleanup do avast! lista todos os addons, extensões e barras de ferramentas mal classificados nos 3 maiores navegadores (Microsoft Internet Explorer, Mozilla Firefox e Google Chrome), e permite que você os desative ou remova. Ele funciona escaneando o ambiente do navegador e mostrando uma lista de qualquer barra de ferramenta que você tiver instalado, perguntando se deseja removê-la. Se você autorizar, o Browser Cleanup irá removê-la.

Há mais de 7.500.000 extensões diferentes para os três principais navegadores. Atualmente o avast! recebe 1 milhão de pedidos diários para remover barras de ferramentas indesejadas dos navegadores. Leia mais sobre estas barras de ferramentas neste artigo do nosso blog.

Obrigado por utilizar o avast! Antivírus e por recomendar-nos aos seus amigos e familiares. Encontre as últimas notícias, divirta-se, participe de concursos e muito mais no Facebook, Twitter, Google+ e Instagram. Dono do próprio negócio? Descubra mais sobre os nossos produtos corporativos.

Comments off
22, janeiro, 2014

avast! Free Antivírus: Programa Top da AV-Comparatives

post-top-rated

Ao longo do ano passado, laboratórios independentes testaram produtos antivírus em ambientes “mundo-real”, simulações, testes de funções específicas e desempenho. O avast! Free Antivírus foi premiado como o Programa Top de 2013 por um dos mais respeitados laboratórios de testes de antivírus, o AV-Comparatives. Os testes realizados ao longo de 2013 abrangeram 22 antivírus e produtos de segurança na internet. A AVAST sempre participa com o seu produto gratuito. Ele é testado junto com outros produtos pagos porque estamos confiantes de que a nossa tecnologia pode superar as demais. A premiação confirma isto.

Ao explicar a razão pela qual se testa um produto antivírus gratuito junto com outros pagos, o cofundador da AVAST Software, Eduard Kučera disse: “A nossa filosofia é que não devemos ser apenas um bom produto, mas um produto perfeito. Nós fornecemos gratuitamente à comunidade um produto perfeito”.

Prêmios da AV-Comparatives que foram dados ao avast! Free Antivírus em 2013

  • Programa Top de 2013. O avast! Free Antivírus prova que protege contra as ameaças reais na internet, identifica centenas de programas maliciosos recentes e fornece proteção sem deixar lento o PC. Veja o relatório (PDF).
  • Avançado no Teste de Detecção por Demanda – Março 2013. Uma boa taxa de detecção de arquivos ainda é uma das funções mais importantes, determinantes e de confiança de um produto antivírus. Veja o relatório (PDF).
  • Avançado+ no Teste de Desempenho – Abril 2013. O avast! Free Antivírus não somente oferece altas taxas de detecção e excelente proteção contra malwares, mas também não degrada o desempenho do computador nem trás problemas para o usuário. Veja o relatório (PDF).
  • Avançado+ no Teste de Proteção Mundo-Real – Julho 2013. O avast! Free Antivírus passou com honras no teste e foi a única solução gratuita a receber a classificação Avançado+! Veja o relatório (PDF).
  • Avançado+ no Teste de Comportamento/Heurísticas – Agosto 2013. Veja o relatório (PDF).
  • Avançado no Teste Anti-Phishing – Agosto 2013. Veja o relatório (PDF).
  • Avançado no Teste de Detecção por Demanda – Setembro 2013. Veja o relatório (PDF).
  • Avançado+ no Teste de Remoção de Malware – Novembro 2013. A boa proteção contra malwares é importante para detectar malware pré-existente no sistema. O avast! Free Antivírus ganhou a classificação Avançado+ por remover com sucesso os malwares de um sistema previamente infectado. Veja o relatório (PDF).
  • Avançado+ no Teste de Desempenho – Novembro 2013. O avast! Free Antivírus não provoca um impacto significativo no desempenho do sistema (foi testado um computador com Windows 8 64-Bit atualizado). Veja o relatório (PDF).
  • Avançado+ no Teste de Proteção “Mundo-Real” – Dezembro 2013. O avast! Free Antivírus foi o único produto gratuito que ficou na melhor categoria da AV-Comparatives, a AVANÇADO+, devido aos excepcionais resultados na proteção contra malwares e uma pequena incidência de falsos positivos. Veja o relatório (PDF).
  • Medalha de prata em velocidade de escaneamento em 2013
  • Medalha de bronze no Teste de Proteção “Mundo-Real” em 2013

Obrigado por utilizar o avast! Antivírus e por recomendar-nos aos seus amigos e familiares. Encontre as últimas notícias, divirta-se, participe de concursos e muito mais no Facebook, Twitter, Google+ e Instagram. Dono do próprio negócio? Descubra mais sobre os nossos produtos corporativos.

Categories: General Tags:
Comments off
16, janeiro, 2014

Quantas variações da senha “1234″ você pode imaginar?

passwords strip_

http://www.dilbert.com/

Estamos surpresos de como as pessoas são criativas quando o assunto é criar senhas fáceis. As óbvias e fracas combinações como “1234″ ou “qwert” junto com os nomes e números de telefone são muito comuns entre os usuários.

Alguns dados

Nossa história começa com a briga contra um tipo muito comum de malware, o Bicololo, que é um spyware projetado para roubar a identidade dos usuários das redes sociais, especialmente as da Rússia. Uma tarefa rotineira você diria. Mas desta vez os autores foram menos cautelosos com as configurações dos seus servidores falsos e foi possível obter centenas de credenciais com facilidade. O que fazer com elas? A primeira coisa que foi feita pelos técnicos do avast! foi entrar em contato com a equipe de suporte destas redes sociais para que eles avisassem os usuários que deveriam reconfigurar suas senhas. Infelizmente, nossos esforços não deram em nada: eles nem se deram ao trabalho de responder ao nosso email! Por isso, em vez de avisar centenas de usuários inocentes, utilizamos esta oportunidade única para analisar os hábitos dos usuários com relação às suas senhas e compartilhar com os leitores do nosso blog.

Assim que limpamos os dados, recebemos cerca de 850 combinações únicas de pares usuário/senha. Não é um número significativo de resultados para ser estatisticamente representativo. Os dados foram obtidos de um grupo específico de usuários (menos experientes) que carecem do conhecimento necessário para evitar que seus computadores fossem infectados. De qualquer forma, parece-nos que a realidade geral deve ser bem próxima desta pequena amostra. Ainda que as nossas descobertas não sejam cientificamente exatas, elas nos dão uma ideia do problema e nos mostram alguns exemplos do que devemos evitar ao escolher nossas senhas.

A rede social

Propositadamente, não revelaremos o nome da rede atingida, ainda que descreveremos quais credenciais elas utilizam. O nome do usuário pode ser um endereço de email ou um número de telefone. Você pode fornecer ambos quando se registra e eles pedem que você os confirme. Uma vez que você tente fazer login a partir de um local pouco comum, eles pedem que você forneça algumas informações adicionais para ter certeza de que é você mesmo. É uma boa função de segurança. O que é menos positivo no entanto é que esta informação adicional é novamente o número do telefone. A maioria das pessoas (69%) que tiveram seus dados roubados utilizaram o seu número de telefone como o seu nome de usuário. Portanto, para a maioria das contas roubadas, os hackers podem fazer login sem nenhum problema.

Os exemplos mais assustadores

Deixem-nos começar pelos piores casos. A descoberta mais terrível foi que alguns usuários (menos de 1%) utilizaram o mesmo texto para o nome do usuário e sua própria senha. Por favor, evite isto a qualquer custo!

Outras senhas a serem evitadas são o endereço residencial e emails. Obviamente, utilizar qualquer informação pública sobre você não é uma boa ideia. Felizmente, estes casos são raros (menos de 1%).

Cerca de 4% dos usuários assumiram senhas estritamente numéricas entre 7 e 11 caracteres. Eram combinações simples de números como 123456789, 987654321, 147258369 ou 332211, datas de nascimento e números de telefone. A pior senha que vimos nesta categoria foi 11111. É óbvio que estas senhas não irão lhe proteger.

Outros 5% dos usuários tinham como senhas uma palavra simples e comum, como um nome ou marcas como samsung, lenovo, ou adidas. Outra pessoa utilizou simplesmente um grupo de letras como rrrrrr ou o nome de sites comuns.

10% utilizaram diferentes variações de qwerty e 1234 dentro das suas senhas como, por exemplo, qwerty123456, qwerty[ano] ou 1234[nome]. Ainda que isto possa não ser óbvio para muitos usuários da internet, os hackers conhecem este hábito e usam dicionários cheios deste tipo de senhas, que podem ser facilmente quebradas.

Senha longa: a boa senha

Muitos especialistas defendem que o único fator que realmente importa é o tamanho da senha. Deste ponto de vista, 44% das pessoas utilizam senhas fracas e somente 28% utilizam o que se pode considerar uma senha boa ou forte.

passwords

Ainda que naquela amostra haja muitos exemplos longas e boas senhas, ficamos realmente surpresos de que somente uma incluísse um espaço. Durante anos, utilizamos senhas que são difíceis de lembrar e fáceis de serem descobertas por um computador. Por que em vez disso não utilizamos várias palavras simples, ou uma frase? É muito mais simples de lembrar e muito mais fortes do que a maioria das senhas a que tivemos acesso. Ninguém parece estar fazendo isto. Algumas vezes, até os técnicos de informática forçam os usuários a escolher senhas terríveis. Por exemplo, os bancos podem obrigar o uso de dígitos em suas senhas, mas não permitem o uso de um espaço simples.

Quem quiser ler mais sobre senhas fortes, recomendamos a leitura do artigo Six tips to bombproof your password ou um dos antigos artigos do nosso blog, ou ainda LinkedIn and eHarmony passwords databases leaked.

Por que eles estão roubando os dados das contas?

Por que eles fazem isto e fazem grandes esforços para roubar as credenciais das contas? Obviamente, a razão não é obter as fotos das suas férias. Como o dinheiro está por trás da maioria dos esforços, a pergunta certa é que lucro um hacker poderá obter dos dados roubados?

Definitivamente, há muitas maneiras de transformar estes dados em dinheiro, mas um deles merece ser destacado aqui. Pesquisadores mostram que a reutilização da senha é uma tendência comum (cerca de 50%). E muito provável que a sua senha em uma rede social esteja sendo utilizada para sua conta bancária também, e isto significa que os cibercriminosos podem roubar o seu dinheiro com facilidade. Por isso, não utilize a mesma senha em diferentes lugares, especialmente para os serviços realmente importantes.

Se você tem dificuldade de memorizar todas as diferentes senhas que precisa manter, recomendamos o uso da nossa ferramenta EasyPass, que pode fazer todo o trabalho para você.

Conclusão

Se você estiver utilizando os padrões fracos de senha de que estivemos falando, por favor, atualize-os para algo mais difícil (mais longo). E lembre-se de nunca contar as suas senhas para ninguém, especialmente nunca as envie pelo telefone ou por email. Mesmo que o avast! Antivírus proteja você contra várias tentativas de roubo dos seus dados, nunca é demais ser cuidadoso.

Obrigado por utilizar o avast! Antivírus e por recomendar-nos aos seus amigos e familiares. Encontre as últimas notícias, divirta-se, participe de concursos e muito mais no Facebook, Twitter, Google+ e Instagram. Dono do próprio negócio? Descubra mais sobre os nossos produtos corporativos.

Categories: General Tags:
Comments off
15, janeiro, 2014

A NSA instalou spyware no meu computador antes que eu abrisse a caixa?

nsaUm artigo da revista alemã Der Spiegel afirmou que a NSA é capaz de instalar backdoors em aparelhos da Juniper Networks (produtora de firewalls), Cisco e Huawei (gigantes de dispositivos de rede) e também da Dell. De acordo com o artigo, um time especial de hackers interceptou algumas entregas de novos computadores e instalou secretamente spywares naquelas máquinas. A Der Spiegel não revelou como tiveram acesso a esta informação, ainda que é um fato público que eles tiveram acesso à informações secretas vazadas pelo ex-NSA Edward Snowden.

A revista teve acesso a documentos secretos descrevendo um método de ataque direto ao aparelho do usuário final chamado “interdiction”. Se uma pessoa estivesse sendo investigada e comprasse um novo computador, a divisão chamada Tailored Access Operations (TAO) da NSA podia ter acesso a ele. Eles coletavam informação online utilizando uma ferramenta chamada XKeyscore, como o jornal britânico The Guardian revelou no passado mês de julho. Eles também conseguem redirecionar o tráfego da internet para os seus próprios servidores. A Der Spiegel disse que esse redirecionamento ocorreu com alta taxa de sucesso (50%) quando as pessoas estavam navegando na rede profissional LinkedIn.

Mas eu não estou interessado nisto…

Ok. Você dirá que não está incluído nas pessoas “interessantes” a serem investigadas pela NSA. O que você precisa saber, e rápido, é que há outras centenas de spywares e ferramentas monitoradoras do comportamento online sendo espalhadas por todo o mundo. A nossa equipe detectou mais de 6 milhões deles disfarçados de barras de ferramenta para navegadores. Estas pragas monitoram tudo, desde os seus hábitos de navegação às suas informações pessoais.

De forma semelhante à NSA, algumas “empresas de segurança” fazem este trabalho sujo de monitoramento. Você já conhece o avast! BrowserCleaner? Você pode se livrar das barras de ferramenta spyware utilizando esta ferramenta dentro dos produtos avast! Antivírus ou pode baixar a versão independente aqui. Aprenda mais sobre ela neste artigo do nosso blog. E, naturalmente, não se esqueça de alertar os seus amigos e familiares.

Obrigado por utilizar o avast! Antivírus e por recomendar-nos aos seus amigos e familiares. Encontre as últimas notícias, divirta-se, participe de concursos e muito mais no Facebook, Twitter, Google+ e Instagram. Dono do próprio negócio? Descubra mais sobre os nossos produtos corporativos.

Categories: General Tags:
Comments off
14, janeiro, 2014

avast! Backup e o malware que pode ter roubado 1 milhão de dólares

O Trojan que exige resgate ficou famoso no ano passado. De acordo com a estimativa da Dell SecureWorks, 250.000 computadores foram infectados e que 0,4% das vítimas pagaram o resgate. Houve prognósticos alarmistas, mas os números foram menores. Mas não se iluda: o malware é 100% efetivo, isto é, todas as vítimas tiveram os seus arquivos criptografados e perdidos. Os que não tinham backups, não tiveram como reagir.

Os ransomwares são uma família de malwares que impedem o uso do computador, por exemplo, bloqueando a tela ou programas/arquivos. Os autores utilizam engenharia social e ameças para convencer as vítimas a pagar um resgate e ter o uso do seu computador de volta, alegando o envolvimento com o uso de software ou mídia pirateados e pornografia ilegal.

A grande maioria dos computadores infectados estavam nos Estados Unidos e no Reino Unido. Os pagamentos foram feitos através de Bitcoins e MoneyPak. A transmissão do malware é feita através de anexos de email (pequenos arquivos de 20Kb com o ícone PDF) e SMS e atingiu em primeiro lugar pequenas empresas e, depois, se disseminou através de redes P2P por usuários domésticos e atualmente continua com (baixa) atividade em redes zumbis (botnets).

O processo de infecção bloqueia completamente o acesso aos discos rígidos e, na maioria dos casos, também os discos remotos em redes. As primeiras amostras do vírus criptografavam também unidades USB. Por isso, apenas as pessoas que mantinham backups independentes (não conectados aos computadores infectados) ou backups online puderam recuperar seus arquivos. Há muitos fornecedores de soluções de backup online.

2013-12-24 09_34_28

O avast! Backup funciona em segundo plano, protegendo os seus arquivos e enviando-os de forma segura (criptografia de nível militar) e com total privacidade para um servidor remoto. Você pode configurar o uso da rede e agendar os backups de forma a não interferirem com o uso normal do seu computador. É configurar e despreocupar-se!

O avast! Antivírus bloqueia o CryptoLocker, mas, além dos malwares, mesmo se você for cuidadoso, pode precisar de um backup, pois os discos rígidos sofrem desgaste e, em um pico de energia ou acidente, podem apresentar falhas irreparáveis. Sem um backup, suas músicas, vídeos, fotos, documentos pessoais estarão irremediavelmente perdidos.

Obrigado por utilizar o avast! Antivírus e por recomendar-nos aos seus amigos e familiares. Encontre as últimas notícias, divirta-se, participe de concursos e muito mais no Facebook, Twitter, Google+ e Instagram. Dono do próprio negócio? Descubra mais sobre os nossos produtos corporativos.

Categories: Não categorizado Tags:
Comments off