Protecting over 200 million PCs, Macs, & Mobiles – more than any other antivirus

Arquivo

Textos com Etiquetas ‘security’
18, julho, 2013

Seis razões para utilizar o avast! SecureLine em suas viagens

Quer esteja em viagem a trabalho ou de férias, você não quer se preocupar com a segurança dos seus aparelhos ao se conectar à internet. Utilizar uma rede WiFi na cafeteria, no aeroporto ou no hotel é um sério risco de segurança que requer proteção adicional para os seus dados e o seu computador.

O avast! SecureLine VPN agora está completamente integrado a todos os produtos avast! gratuitos e premium. Aqui estão as seis principais razões pelas quais você deve utilizar o avast! SecureLine VPN:

1. Ocultar os seus dados dos ladrões: o avast! SecureLine VPN criptografa as suas comunicações nas redes WiFi públicas. Isto significa que alguém que esteja bisbilhotando a sua conexão verá apenas dados ininteligíveis em vez dos seus emails, arquivos, senhas, etc.

2. Evitar que bisbilhoteiros ouçam as suas chamadas VOIP: o avast! SecureLine VPN torna seguras e protegidas as suas conversas por voz ou vídeo através da internet quando você utiliza o Skype ou o Viber, por exemplo. Isto permite que você fale com as pessoas sem medo de que a conversa esteja sendo gravada por cibercriminosos, ou pelo seu provedor de internet ou até mesmo pelo governo!

3. Impedir que os buscadores registrem as suas pesquisas: os buscadores como o Google ou o Bing rastreiam o seu histórico de buscas e anexam esta informação ao seu endereço IP, enviando depois a outros sites. Isto pode ser utilizado para personalizar as propagandas e as futuras buscas. O avast! SecureLine VPN impede este rastreamento mascarando o seu verdadeiro endereço IP.

4. Permitir que você baixe (ou suba) arquivos com privacidade: se você estiver compartilhando planos de negócios sigilosos, documentos de um processo judicial ou matrimonial, ou quiser se proteger de um processo por quebra de direitos autorais por causa do uso excessivo de torrents e P2P, o avast! SecureLine VPN vale o dinheiro investido para garantir a sua privacidade e proteção.

5. Proteger os seus dados de login/contas pessoais: você corre um risco quando utiliza redes WiFi abertas ou gratuitas que não requerem uma senha, ou mesmo as que utilizam apenas a criptografia WEP ou uma combinação de nome/senha simples como as dos hotéis. Quando você utiliza uma destas redes WiFi e depois se conecta ao avast! SecureLine VPN, todo o seu tráfego da internet é criptografado e oculto dos hackers.

6. Tornar a sua navegação anônima: não se preocupe de que a sua obsessão pelo Pokémon seja descoberta. O avast! SecureLine VPN oculta o seu endereço IP para manter as suas atividades privadas. Conectar-se a um servidor VPN também permite que você burle as restrições de censura e possa acessar a internet sem restrições ou a censura do governo.

BÔNUS: Acessar sites bloqueados em alguns países (geo-blocked): quando estiver viajando, você perceberá que alguns sites com o Netflix, o Pandora e o Hulu estão bloqueados devido ao local onde você se encontra. O avast! SecureLine VPN permite que você se conecte a um servidor de outro país, permitindo o acesso a seus sites sem problemas.

Se você viaja muito, pode comprar uma licença de uso anual do avast! SecureLine VPN ou, se você apenas está viajando algumas semanas de férias, pode comprar uma licença mensal. De qualquer forma, proteja a sua privacidade e a segurança dos seus dados com o avast! SecureLine VPN.

Obrigado por utilizar o avast! Antivírus e por recomendar-nos aos seus amigos e familiares. Encontre as últimas notícias, divirta-se, participe de concursos e muito mais no Facebook, Twitter, Google+ e Instagram.

Comments off
19, abril, 2013

É realmente necessário uma proteção antivírus nos smartphones?

android phones sm

Pergunta da semana: Eu tenho o avast! Free Antivírus no meu computador e eu gosto muito dele, mas não é demais ter um antivírus também no smartphone? Quero dizer, não há muitas ameaças e problemas para telefones, não é?

Ultimamente, esta é uma pergunta que está sendo feita muitas vezes pelas empresas de segurança e a resposta é um sonoro SIM. Os smartphones e tablets se tornaram extremamente populares e há ameaças que afetam exclusivamente os aparelhos móveis. Dois estudos específicos publicados recentemente mostraram o aumento do número de malwares para plataformas móveis no ano passado.

O Android está no olho do furacão

A empresa de segurança NQ Mobile afirma no seu estudo que as ameaças de segurança produzidas por malwares móveis estão crescendo e quase 95% dos alvos são da plataforma Android do Google. De acordo com os dados da IDC, os aparelhos Android são muito mais populares do que os que rodam iOS. No quarto semestre de 2012, por exemplo, o Android tinha 70,1% de participação no mercado global, o que faz dos aparelhos Android um alvo muito interessante para os criminosos. No total, 32,8 milhões de telefones Android foram infectados em 2012: mais do que o triplo ocorrido em 2011. Portanto, se você é um usuário Android, é especialmente importante que você proteja os seus aparelhos.

Ameaças clássicas que migram dos desktops para a plataforma móvel

As táticas mais bem sucedidas dos malwares móveis incluem scams, spam e phishing: clássicas ameaças que dominaram o cenário quando os malwares atingiram a internet segundo informa a Blue Coat Systems, fornecedora de soluções de segurança digital. Ambos estudos concordam que as ameaças móveis ainda são fortemente mistas, combinando malwares móveis com técnicas de engenharia social (phishing e smishing) para obter acesso às informações financeiras do usuário.

É interessante notar que, em 2012, os sites mais perigosos para os usuários móveis foram os pornográficos. Ainda que, no total, os usuários de aparelhos móveis não visitam sites pornográficos muitas vezes (estes são são apenas 1% do total de sites visitados), cerca de 25% do malware para aparelhos móveis vem de sites pornográficos, tornando o risco de ser infectado nestes sites 3 vezes maior do que em outros conteúdos.

mobile threats

Como se proteger contra as ameaças emergentes

  • Instale o avast! Free Mobile Security para ter proteção antifurto e antivírus no seu aparelho Android. Uma vez configurado, não esqueça de agendar o escaneamento regularmente do seu aparelho móvel.
  • Configure uma senha: diga NÃO ao fato de que um a cada dois usuários de aparelhos móveis não têm senha em seus aparelhos. Nós fizemos uma pesquisa no Facebook e somente um a cada quatro usuários do avast! disseram não ter uma senha. Portanto, usuários do avast! são mais educados quanto à segurança do que os demais. :-)
  • Verifique a legitimidade dos aplicativos que você baixa: primeiro verifique o desenvolvedor do aplicativo e assegure-se de que são confiáveis. Se você está baixando algo que nunca ouviu falar antes, verifique as classificações, revisões e comentários negativos. Você pode ler um exemplo disso no artigo “Um vírus da pior espécie” do nosso blog.
Comments off
30, março, 2013

Pesquisa de segurança 2013 AV-Comparatives: avast! em manchete!

Foram publicados os resultados da pesquisa de segurança AV-Comparatives 2013 (pdf) e, uma vez mais, o avast! liderou as preferências dos usuários. A AV-Comparatives é uma empresa de testes independente e sempre estamos atentos às suas pesquisas. Aqui estão alguns dos destaques:

De acordo com as respostas dos usuários, o avast! continua sendo a solução antivírus mais utilizada em todo o mundo, obtendo o primeiro lugar como antivírus na Europa e Américas do Sul e Central. :)

Também estamos exultantes porque o avast! é a única marca que figura sempre entre as três primeiras mais utilizadas nas quatro regiões globais pesquisadas. ;)

Na data em que esta pesquisa foi feita, o avast! estava protegendo mais de 184 milhões de PCs, Macs e aparelhos móveis.

avast! top antivirus brand Europeavast! top antivirus brand South & Central Latin America

Para melhorar ainda mais, os usuários que responderam à pesquisa disseram que o avast! é o programa que mais querem acompanhar no futuro.

O avast! participa cada ano dos testes da AV-Comparatives e tradicionalmente atinge as melhores notas e certificações. :)

avast! test case

Nós agradecemos os nossos usuários por nos ajudar a fazer do avast! uma marca na qual você pode confiar.

Comments off
27, março, 2013

PINs (Personal Identification Numbers) também precisam ser seguros

ATM PINAtualmente, os usuários do avast! são conscientes da importância de criar senhas fortes e guardar o seus dados pessoais junto com um doberman treinado. Mas e aqueles quatro dígitos de identificação pessoal (PIN – Personal Identification Number)? Os PINs representam a sua segurança assim como as senhas. Eles dão acesso ao seu telefone celular, número do cartão de crédito, conta bancária e muitas outras coisas. O controle remoto da porta da sua garagem pode ter um teclado e utilizar PINs. Como esta chave abre muitas portas, literal e metaforicamente, você precisa manter os seus PINs seguros.

Aqui estão algumas coisas para ter em conta ao escolher um PIN:

  • Seja mais original do que 1234. Uma a cada dez pessoas utilizam este número. Junto com 1111 e 0000, estas combinações representam quase 20% dos PINs. Pense assim, se você encontrar um cartão no chão, você tem 1 para 10 chances de acertar o número correto se digitar 1-2-3-4.
  • Utilizar o seu aniversário como PIN é uma péssima ideia. Todos temos de carregar a carteira de motorista junto nossos telefones e cartões. A informação do aniversário aumenta muitíssimo a chance de juntar a faca e o queijo. Um estudo mostrou que uma a cada 15 malas (ou bolsas, mochilas, etc.) roubadas continham as duas informações!
  • Também não utilize os dados do seu endereço. O número da sua casa ou apartamento também pode estar em outros documentos que você carrega consigo e, portanto, podem ser facilmente encontrados.
  • Mantenha o AMOR no seu coração, não no seu telefone. 2667, que pode ser escrito como “amor” no seu teclado é muito popular. Utilize uma palavra menos comum, algo que se escreva como “wart” (9278), por exemplo.

Aqui vão algumas dicas de como manter seguro e para lembrar-se do seu PIN:

  • Utilize o número sugerido pelo banco. Mas não o escreva no próprio cartão bancário!
  • Um antigo telefone, um número escolar ou profissional são boas ideias, desde que eles não estejam escrito em nenhum lugar das suas coisas.
  • Escolha um número significativo. O placar de um grande jogo de basquete, por exemplo, 80 a 58, faz o seu PIN ser 8058.
  • Monte o número por uma frase e não por uma palavrapor exemplo, 2373 para “avast! é para FREEks” (AEPF).
  • Esconda o número em um contato falso. Se você tem muitos PINs para lembrar, crie um contato falso com um falso número de telefone e mantenha-o em seu telefone. Só não deixe a bateria acabar!

Compartilhe as suas dicas para criar PINs fortes e como lembrar deles na seção dos comentários. E siga-nos nas mídias sociais. Nós podemos nos encontrar no Facebook, Google+ e Twitter.

Comments off
10, janeiro, 2013

Ataque a sites políticos: governos envolvidos

Recentemente, nós escrevemos sobre uma falha no Microsoft Internet Explorer (IE) que poderia permitir que hackers tomassem o controle de computadores Windows se navegassem por um site malicioso. Um dos sites afetados foi o de um grupo com sede nos Estados Unidos: o Council on Foreign Relations (CFR). O Laboratório de Vírus do avast! descobriu que dois sites chineses de defesa dos direitos humanos, um site de um jornal de Hong Kong, um site científico russo e, estranhamente, um site da igreja Batista também foram infectados com o “Flash exploit” do IE8.

Você pode imaginar que interessantes usuários frequentam sites como estes. O CFR, por exemplo, congrega funcionários de alto escalão dos governos, como presidentes e secretários de Estado, embaixadores, jornalistas e líderes industriais. Estes sites foram escolhidos de propósito. Em vez de atacar o público em geral, como os ataques de phising, os responsáveis por este ataque dirigiram-se a sites de temas específicos como defesa e energia e ficaram esperando por pessoas que os visitassem, como um predador aguarda o momento em que as vítimas procuram por água para atacar.

“A tática dessas infecções se baseia em que estes sites, ainda que geralmente não tenham um grande número de usuários, terão visitantes interessantes”, disse Jindrich Kubec, Diretor de Inteligência de Ataques do Laboratório de Vírus do avast!. Kubec disse que a CommunityIQ do avast! – milhões de usuários trabalhando como “sensores mundiais” para detectar novas ameaças – informou sobre estes sites em dezembro. “Pelo menos dois destes sites utilizam o mesmo arquivo binário como spyware e exatamente a mesma configuração”, disse Kubec. “Os outros parecem bem diferentes, mas nós não terminamos a nossa investigação ainda”.

Alguns dos sites infectados possuem links para hackers que trabalham para ou junto com o governo da China. Isto parece confirmar a opinião dos experts que por trás dos ataques há grupos de hackers financiados pelo governo e desejam penetrar em organizações específicas. Seus objetivos são obter informações secretas e militares.

“Nós estamos vendo como recursos governamentais e tecnologia vem sendo empregados no que poderia se chamar de comportamento destrutivo e desagregador”, disse a responsável pela National Security Agency americana em um discurso em 2012. “Durante a Guerra Fria, os blocos de nações aliadas com os Estados Unidos ou a União Soviética trabalhavam para minar uns aos outros, mas operavam sem fronteiras. Alguns dos ataques contra a segurança on-line não parecem ter nenhum limite”, disse ela.

Nós recomendamos aos usuários que atualizem o seu navegador para novas versões do Internet Explorer (as versões 9 e 10 não são afetadas) ou mudem para outros navegadores mais seguros como o Google Chrome ou Mozilla Firefox. A Microsoft lançou uma atualização no Relatório de Segurança 2794220. Esta solução temporária impede que a vulnerabilidade seja utilizada sem diminuir a sua capacidade de navegação.

Siga o avast! no Twitter.

Comments off
8, janeiro, 2013

Descoberta séria vulnerabilidade no Internet Explorer

Uma falha no Microsoft Internet Explorer (IE) 6, 7 e 8 pode permitir que hackers tomem o controle de computadores Windows se o usuário navegar por um site infectado. O relatório de segurança 2794220 da Microsoft foi publicado no final de semana passado logo após a informação ter se tornado pública neste blog: “Nós estamos cientes de que um pequeno número de ataques pode ser efetuado no momento. Esta falha permite a execução de um código remoto se os usuários navegarem em um site infectado com um dos navegadores afetados. Isto geralmente pode ocorrer quando um hacker consegue convencer alguém a clicar em um link de um email ou mensagem”.

A Microsoft lançou uma solução temporária para esta vulnerabilidade dia-0 até que possa disponibilizar uma atualização oficial.

Seja especialmente cauteloso se você estiver usando as versões 6, 7 ou 8 do Internet Explorer. As versões 9 e 10 não são afetadas por esta vulnerabilidade. Verifique qual a versão que você utiliza abrindo o IE, clicando no ícone da Ajuda (ponto de interrogação) no canto direito e escolha “Sobre o Internet Explorer”. Para atualizar uma antiga versão do IE clique em “Iniciar”, “Painel de Controle”, “Windows Update”.

Nós recomendamos que você troque o seu navegador para um mais seguro como o Google Chrome. Além de estar mais protegido do que com o IE 8, o Google Chrome é mais rápido e suporta HTML 5, dando-lhe uma navegação mais agradável. Baixe gratuitamente o Google Chrome aqui.

Comments off
28, dezembro, 2012

Como eu posso proteger o meu tablet Android?

Questão da semana: Eu acabei de ganhar um tablet Galaxy Note no Natal. Eu quero ter certeza de que ele está seguro antes de utilizá-lo para navegar na internet. O avast! oferece proteção para tablets?

Feliz Natal e parabéns pelo seu maravilhoso presente! Você é esperto(a) em pensar em segurança para o seu tablet, porque os piratas cibernéticos estão produzindo cada vez mais malware para estes aparelhos.

O avast! Mobile Security protege gratuitamente os aparelhos Android contra malwares e vírus. Você ganha proteção anti-furto, controle remoto com apagamento dos dados, relatórios de privacidade, anti-spyware, controle da rede, proteção da navegação e um firewall. O avast! Free Mobile Security está disponível para ser baixado tanto via Google Play como em nosso site.

Assim que você o baixar, não esqueça de configurar o seu PIN de recuperação nas “Configurações”. A função de recuperação é a forma de ter acesso ao seu aparelho no caso de você esquecer o seu avast! PIN. Você pode defini-la nas Configurações ou no portal do avast!. Você pode utilizar o portal do avast! para controlar remotamente o seu aparelho caso ele seja roubado. Para fazer isto, o seu aparelho deve estar emparelhado com a sua conta do avast!. Se você ainda não tiver uma, por favor, registre-se aqui.

Divirta-se com o seu novo tablet e, por favor, compartilhe o avast! Antivírus como os seus amigos. Feliz Ano Novo!

Categories: General Tags: , , , ,
Comments off
8, novembro, 2012

Android 4.2: novas funções de segurança

A versão 4.2 do Android – sistema operacional que recentemente completou 5 anos e que já domina cerca de 75% do mercado – vem com novidades de segurança.

Ao baixar um aplicativo da Google Play Store, ele será escaneado à procura de malwares e códigos maliciosos. Se algo for detectado, o aplicativo não poderá ser instalado. Existem 700.000 aplicativos disponíveis na loja e o Google vasculha toda a internet em busca de aplicativos infectados (arquivos .apk).

O usuário poderá agora monitorar mais facilmente as permissões que os aplicativos recebem ao serem instalados, divididas com o foco no usuário e não mais em critérios técnicos de hardware. Você verá seções como privacidade, acesso ao aparelho, etc.

O novo escaneamento permitirá que os usuários sejam notificados quando uma mensagem de texto (SMS) estiver para ser enviada a um número “premium”, permitindo que o usuário a cancele. Esta tem sido uma fonte de infecção recorrente na telefonia móvel: um aplicativo infectado pode enviar sem o consentimento do usuário, secretamente, mensagens de texto pagas.

Tudo isto e muito mais você já dispõe no avast! Mobile Security. Toda a proteção com a qualidade avast! atestada por mais de 20 milhões de usuários.

Ainda que não só veremos melhorias na segurança, mas também em outras áreas, por exemplo, o acréscimo de alguns toggles nas versões oficiais do Google. O que antes era terreno apenas das ROMs personalizadas e de alguns fabricantes, agora estão disponíveis aos usuários do Google (stock ROM). Nas configurações do aparelho, você poderá ter acesso ao controle do brilho, das redes WiFi e móvel, bluetooth, do modo avião, da bateria, e inclusive o seu perfil do Google+.

Comments off
7, novembro, 2012

170.000.000 de usuários ativos no avast!

O avast! atingiu a marca de 170 milhões de usuários ativos: aqueles que receberam pelo menos uma atualização do banco de dados de vírus nos últimos 30 dias. No mundo inteiro a bolinha amarela gira para garantir a proteção e a segurança dos seus usuários e colaborar para uma internet mais limpa e segura.

Em números exatos:

  • 170.368.681 aparelhos ativamente protegidos
  • 100.333.575 visitas a sites infectados foram bloqueadas nos últimos 30 dias
  • 504.441 novos sites infectados descobertos com a ajuda da avast! CommunityIQ nos últimos 30 dias

Somos 208 empregados no avast! de 27 países diferentes e o nosso software fala 41 línguas. O português do Brasil foi uma das primeiras línguas (após o tcheco e o inglês). A experiência de traduzir o avast! para vocês já tem dez anos compartilhados com fantásticas pessoas no nosso fórum, no nosso e no Facebook.

Comments off
6, novembro, 2012

Google Play atinge a marca da Apple Store com 700.000 aplicativos

A Google anunciou que existem 700.000 aplicativos disponíveis para serem baixados em sua loja Google Play, marca que a Apple atingiu na época do lançamento do iPad 4.

Ambas lojas já foram alvo de malwares, ainda que a Google Play tenha sido o alvo mais escolhido. Agora a disputa deve ser pela marca de um milhão de aplicativos.

Quando o assunto é sistema operacional, a divisão do mercado continua a apontar o Android com 75% e o iOS com 14,9%, seguidos pelo Blackberry (4,3%), Symbian (4,1%) e Windows Mobile (3,6%). Desde o seu lançamento há 5 anos, o Android experimenta um crescimento vertiginoso:


Fonte.

Três a cada quarto smartphones comercializados no mundo estão utilizando o Android, plataforma móvel lançada pelo Google. Funcionalidade, número de aplicativos, conteúdo digital como músicas, filmes e jogos, qualidade, enfim, tudo parece necessário para ter sucesso no grande ecossistema tecnológico dos smartphones. Evidentemente, os distribuidores de malware estão de olho no Android. Nada mais lógico que você se proteja com o avast! Mobile Security.

Comments off