Protecting over 200 million PCs, Macs, & Mobiles – more than any other antivirus

Arquivo

Textos com Etiquetas ‘iOS’
30, julho, 2014

Crackers encontram uma maneira de invadir aparelhos iOS via Instagram

Esta semana está sendo bem movimentada para a equipe de desenvolvedores do Instagram. No último sábado, um rapaz chamado Mazin Ahmed, e que no Twitter se auto-intitula como “estudante, interessado em aplicativos de segurança” publicou em seu blog um texto afirmando que havia encontrado uma vulnerabilidade grave no Instagram e que qualquer pessoa navegando no site via wi-fi pública estaria sob risco de ser hackeado, inclusive usuários de iOS, sistema operacional da Apple.

Quem disse que iPhones não podem ser hackeados?

Quem disse que iPhones não podem ser hackeados?

Mazin diz que enviou a informação ao Facebook, que há pouco mais de 1 ano comprou o Instagram por uma quantia em torno de 1 bilhão de dolar, mas a empresa teria respondido que já está ciente do problema e que trabalhará para resolver isso no futuro, entretanto, no momento, aceita os riscos desta falha. O texto de Mazin na íntegra e com a suposta resposta do Facebook, em inglês, pode ser lido aqui.

Se isso já não é o bastante, um programador conhecido como Steve Graham, ratificou o problema na segunda-feira, publicando o passo a passo de como conseguiu invadir e raquear um aparelho iOS. Ele garante que poderia facilmente tomar o controle do telefone se quisesse através dessa vulnerabilidade no Instagram.

O que realmente surpreende é o fato de que mesmo aparelhos iOS, cujos usuários têm orgulho de dizer que não estão sob riscos de ataques, foram hackeados e invadidos através desta falha. Isso leva a uma outra discussão: telefones celulares e tablets são realmente mais seguros do que PCs? E o iOS, é realmente um sistema operacional que não abre brechas para ataques? E será que outros aparelhos, como o Windows Phone, não estão suscetíveis a possíveis invasões de hackers?

As respostas para essas perguntas ficam a critério de nossos leitores. Entretanto, no meio tempo, para evitar furto de identidade em wi-fi pública, o ideal é instalar no celular algum tipo de aplicativo que criptografa dados, tornando-os ilegíveis.

É bom lembrar que somente equipamentos conectados via internet pública estão sob risco, portanto, o uso do Instagram de maneira geral em casa ou em outras conexões privadas estão (até o momento) seguras.

Obrigado por utilizar o avast! Antivírus e por recomendar-nos aos seus amigos e familiares. Encontre as últimas notícias, divirta-se, participe de concursos e muito mais no Facebook,TwitterGoogle+ Instagram. Dono do próprio negócio? Descubra mais sobre os nossos produtos corporativos.

Comments off
18, dezembro, 2013

A ferramenta essencial de segurança em viagens está à venda!

IMG-widgetsmNós temos a ferramenta que você precisa para quando estiver viajando nestas férias e ao longo de todo o ano! Utilize redes WiFi públicas (hotspot) com segurança e acesse o seu conteúdo favorito sem restrições geográficas com o avast! SecureLine VPN.

Poupe 33% agora com a assinatura anual do avast! SecureLine

O avast! SecureLine protege seus dados e o seu computador de ataques de hackers quando estiver utilizando pontos WiFi abertos em aeroportos, cafeterias, bibliotecas e hotéis.

Suas comunicações em redes WiFi públicas serão criptografadas, o que significa que se alguém bisbilhotar suas coisas verá um monte de símbolos ininteligíveis nos seus emails, arquivos, senhas, etc.

A sua navegação é anônima porque o avast! SecureLine VPN oculta o seu endereço IP para manter privadas as suas buscas.

Quando você viaja e precisa de acesso à internet de diferentes locais, você pode encontrar alguns sites bloqueados. Agora você pode utilizar servidores localizados em vários lugares (por exemplo, Reino Unido, Estados Unidos, etc.) para acessar sites bloqueados a certos países, como, por exemplo, o Netflix e o Pandora.

IMG-georestrictionsm

Você tem até o fim do ano para tirar vantagem do desconto de 33% pela licença anual do avast! SecureLine. Ganhe agora!

Baixe o avast! SecureLine VPN para Android no Google Play

Baixe o avast! SecureLine VPN para iOS no iTunes

Obrigado por utilizar o avast! Antivírus e por recomendar-nos aos seus amigos e familiares. Encontre as últimas notícias, divirta-se, participe de concursos e muito mais no Facebook, Twitter, Google+ e Instagram. Dono do próprio negócio? Descubra mais sobre os nossos produtos corporativos.

Comments off
9, agosto, 2013

Como os aplicativos mais populares invadem a sua privacidade e segurança

mobile appsÉ muito fácil e rápido baixar aplicativos no seu smartphone. Eles fazem de tudo: desde identificar a música que você está ouvindo até transformar o seu telefone em uma lanterna. Mas há alguns segredos nestes aplicativos divertidos. Aprenda a ser consciente dos riscos associados com aplicativos gratuitos e pagos no seu smartphone. Responda à pergunta e só depois leia para ver se você acertou.

1. O que é mais arriscado para celulares ou tablets?

  • Aplicativos gratuitos
  • Aplicativos pagos

Se você respondeu aplicativos gratuitos, então acertou. Em geral, 83% dos 100 aplicativos mais populares estão associados com riscos de segurança e invasão de privacidade de acordo com um recente relatório da Appthority. Um dos pontos interessantes deste estudo é que isto se aplica não só a aplicativos antigos, mas a jogos, aplicativos de produtividade, ferramentas de comunicação, etc., criadas por grandes empresas como a Disney, Entertainment Arts e Rovio. Os pesquisadores descobriram também que os aplicativos pagos não são tão seguros quanto você pensa. Ainda que 95% dos aplicativos gratuitos apresentem pelo menos um comportamento de risco, os aplicativos pagos não ficam muito atrás: 78%.

DICA: O avast! Free Mobile Security identifica potenciais riscos de privacidade escaneando e mostrando as permissões requeridas pelos seus aplicativos, de forma que você poderá saber que informações está realmente fornecendo a eles. Leia o que o Consumer Reports diz sobre o avast! Free Mobile Security.

2. O que é mais seguro?

  • O ecossistema da Apple
  • A plataforma aberta e livre do Android

O ambiente móvel da Apple é popularmente considerado como mais seguro em comparação com a plataforma aberta do Android, mas os pesquisadores mostraram que 91% dos aplicativos para iOS apresentam pelo menos um comportamento de risco, comparados com os 80% dos aplicativos para Android.

Appthority fig 1

Aplicativos de risco: iOS x Android

3. Qual ação dos aplicativos traz mais riscos para a sua segurança ou privacidade?

  • Compartilhar os seus dados com redes de propagandas
  • Identificar o usuário
  • Acessar o catálogo de endereços ou a lista de contatos
  • Rastrear a localização do aparelho

O rastreamento da localização (geotracking) pode ser muito útil, mas é considerado uma invasão de privacidade e um risco de segurança. Ele pode ser utilizado por bandidos para fins perigosos. Se você não sabe o que aconteceu com helicópteros militares por causa de aplicativos que utilizam o rastreamento por GPS, leia este alerta do exército americano.

DICA: Como desligar o GPS em um celular.

4. Qual categoria de aplicativos móveis é mais arriscada?

  • Jogos
  • Músicas
  • Redes sociais
  • Comunicação
  • Ferramentas

Entre os 100 aplicativos mais populares analisados pela Appthority, a categoria Jogos é a mais popular. A Apple App Store é dominada por jogos (52% dos aplicativos iOS pagos e 36% dos gratuitos) e eles também estão presentes em uma porcentagem significativa no Google Play (38% dos aplicativos Android pagos e 43% dos gratuitos). Os resultados mostram que os jogos são os que oferecem mais comportamentos arriscados entre todas as categorias de aplicativos, especialmente entre os In-apps (pagos).

In-apps são aquelas funções extras que você pode comprar enquanto joga, como níveis/mapas bônus, pontos de experiência adicionais, assinaturas e serviços recorrentes. Legais enquanto jogamos, mas problemáticos quando se recebe a conta no final do mês.

DICA: Como desabilitar compras dos In-App nos aparelhos iOS e Android.

Leia o Relatório de Reputação de Aplicativos da Appthority para mais informações.

Obrigado por utilizar o avast! Antivírus e por recomendar-nos aos seus amigos e familiares. Encontre as últimas notícias, divirta-se, participe de concursos e muito mais no Facebook, Twitter, Google+ e Instagram.

Comments off
21, janeiro, 2013

Criptografe WiFi inseguras no Apple iOS

SecureLineVocê utiliza o seu aparelho móvel para ver emails, utilizar as redes sociais ou fazer login em sua conta bancária enquanto toma um café latte duplo em sua cafeteria preferida ou enquanto espera o seu próximo vôo? Isto é arriscado considerando que você não pode confiar em pontos de redes WiFi públicas que você encontra em cafeterias, shoppings, aeroportos, escolas e hotéis. Hackers remotos, e até o funcionário sentado algumas mesas da sua, podem utilizar programas para espionar e bisbilhotar. Você pode ter as informações e a senha do seu cartão de crédito ou até todos os seus dados de identidade pessoal roubados.

Com o novo avast! SecureLine for iOS você pode garantir a segurança da sua conexão wireless enquanto utiliza o seu iPad, iPhone ou iPod em uma rede WiFi pública/aberta. Aqui está como fazer:

VPN significa Rede Privada Virtual (Virtual Private Network). O avast! SecureLine cria um “túnel” privado através da internet para que os seus dados trafeguem, e tudo o que entra e sai do túnel é criptografado. Os dados são decodificados no servidor VPN utilizando avançados protocolos de criptografia. Funções de segurança também detectam e filtram URLs maliciosos, bloqueiam propaganda no navegador e aplicativos, ou podem comprimir os dados transferidos (o que poupa o plano de dados do seu aparelho) e permitir o acesso a conteúdos exclusivos de conexões nos EUA. :-)

Baixe o avast! SecureLine for iOS do iTunes.

Funções

  • Proteção para redes WiFi inseguras

    • Impedir que pessoas espionem a sua atividade e até tomem o controle sobre suas contas online
  • Privacidade: Anonimização do IP
    • Os sites não serão capazes de rastreá-lo(a) utilizando o seu endereço IP
  • Seleção de região/país
    • Navegue livremente em países que censuram/limitam o acesso à internet
    • Acesse conteúdos limitados a certos territórios (p.ex., consiga a sua conta Hulu na Europa)
  • Compressão de dados*
    • Reduza a utilização de dados e melhore a velocidade de navegação e dos aplicativos que utilizam a rede
    • Poupe bateria reduzindo a atividade da rede
  • Proteção contra malware e phising
    • Não requer o uso de um navegador customizado; funciona em qualquer navegador, até com o Safari padrão do iOS
    • Evita visitar sites maliciosos que comprometem o seu aparelho ou as suas contas online
    • Bloqueia ataques externos de atingir o seu aparelho
    • Bloqueia aplicativos maliciosos da conexão com os seus servidores de controle

Funções exclusivas

  • Bloqueio de propaganda

    • Bloqueia propagandas no navegador móvel e dentro dos aplicativos
    • Poupa o uso de dados e aumenta a velocidade da rede
  • Proteção contra erros de digitação
    • Detecta URLs mal digitados e redireciona você para os sites originais

* Considerando a compressão dos dados e o bloqueio de propaganda, resultados preliminares mostraram redução de 25-50% no uso dos dados móveis.

Comments off
14, maio, 2012

Facebook App Center

Facebook Store

Com mais de 900 milhões de usuários, o Facebook está para lançar uma loja nas próximas semanas (ainda em versão beta). Nesta loja os desenvolvedores poderão promover novos aplicativos sociais e você poderá escolher os aplicativos baseando-se nas recomendações, categorias e classificações, bem como na utilização por seus amigos (permitindo sincronizar aplicativos com eles).

A loja promete ser um lugar mais fácil de encontrar aplicativos para a web, Android e iOS. A compatibilidade com o aparelho também será verificada. A qualidade dos aplicativos será determinante e levará em conta, além de critérios técnicos, também a opinião e a nota dos usuários. Também será possível ver imagens (screenshots) dos aplicativos antes de instalá-los, além de encontrar detalhes adicionais, aprender a configurar o aplicativo, verificar as permissões que o aplicativo requer (privacidade).

A loja poderá enviar o usuário para os sites de download originais da Apple Store e do Google Play. Haverá vários aplicativos gratuitos, mas outros serão pagos (quando você baixar pela primeira vez) e esta será mais uma fonte de receita para o Facebook, que se prepara para o seu IPO (oferta pública inicial de ações).

Se você estiver utilizando um aparelho Android, não deixe de se proteger de falsos aplicativos e infecções com o avast! Mobile Security.

Comments off