Protecting over 200 million PCs, Macs, & Mobiles – more than any other antivirus

Arquivo

Textos com Etiquetas ‘google’
15, abril, 2013

Quando o assunto é malwares, Google é melhor que o Bing

Um estudo recente da companhia independente de segurança AV-Test mostrou que, ao se fazer uma pesquisa no Google, obtém-se menos sites infectados entre os resultados do que utilizando o Bing da Microsoft. É claro que o avast! protege os usuários com o Módulo Internet (Web Shield) e o Módulo Rede (Net Shield), mas é sempre bom lembrar que os resultados de uma busca podem estar direcionados a sites infectados. O plugin dos navegadores do avast! (WebRep) também ajuda os usuários antes de visitarem um site com malware.

O estudo da empresa alemã levou 18 meses (entre agosto de 2011 e fevereiro de 2013) e foram testados mais de 10 milhões de sites em quatro mecanismos de busca (Google, Bing, Yandex e Blekko). Dentre eles, o melhor desempenho foi do Google: apenas 272 sites maliciosos entre os resultados das pesquisas. O Bing apresentou 1.285 sites com malware, isto é, você tem quase 5 vezes mais chances de ter o seu computador infectado. Estes links apareciam na primeira página dos resultados da busca. As informações completas do teste podem ser encontradas aqui.

Outra camada de proteção do avast! é o Software Updater, já que a maioria dos sites infectados explora vulnerabilidades em softwares desatualizados (especialmente navegadores e leitores de arquivos PDF). Além disso, os fabricantes de malware estão colocando cada vez mais empenho em explorar os resultados dos mecanismos de busca através de técnicas avançadas de SEO.

Daí a importância de manter sempre o seu antivírus atualizado, tanto no seu PC quanto nos seus aparelhos Android. A detecção média destes sites pelos programas antivírus foi de 92,5%. O Google faz entre 2 e 3 bilhões de pesquisas diariamente.

avast! Be free!

Categories: General Tags: , ,
6, novembro, 2012

Google Play atinge a marca da Apple Store com 700.000 aplicativos

A Google anunciou que existem 700.000 aplicativos disponíveis para serem baixados em sua loja Google Play, marca que a Apple atingiu na época do lançamento do iPad 4.

Ambas lojas já foram alvo de malwares, ainda que a Google Play tenha sido o alvo mais escolhido. Agora a disputa deve ser pela marca de um milhão de aplicativos.

Quando o assunto é sistema operacional, a divisão do mercado continua a apontar o Android com 75% e o iOS com 14,9%, seguidos pelo Blackberry (4,3%), Symbian (4,1%) e Windows Mobile (3,6%). Desde o seu lançamento há 5 anos, o Android experimenta um crescimento vertiginoso:


Fonte.

Três a cada quarto smartphones comercializados no mundo estão utilizando o Android, plataforma móvel lançada pelo Google. Funcionalidade, número de aplicativos, conteúdo digital como músicas, filmes e jogos, qualidade, enfim, tudo parece necessário para ter sucesso no grande ecossistema tecnológico dos smartphones. Evidentemente, os distribuidores de malware estão de olho no Android. Nada mais lógico que você se proteja com o avast! Mobile Security.

Comments off
10, outubro, 2012

Falso “Bad Piggies” infecta usuários do Google Chrome

O Bad Piggies, um spin-off do mundialmente popular Angry Birds da Rovio, sucesso nas lojas online nas últimas semanas, foi seguido de uma onda de falsas versões que instalavam um falso e agressivo programa adware nos navegadores Chrome. Mais de 83 mil usuários do Google Chrome foram infectados.

Ladrões cibernéticos encontraram um nicho porque o Bad Piggies está disponível apenas para aparelhos Android no Google Play (gratuito) ou para aparelhos da Apple (0,99 dólares para iPhone e 2,99 dólares para iPad) no iTunes. Versões gratuitas do Bad Piggies que pretendiam provir dos criadores do Angry Birds apareceram na loja do Chrome logo após o seu lançamento. Os três primeiros aplicativos da lista eram chamados Bad Piggies, mas provinham de diferentes empresas: padeba, gametc.com e uma versão HD da HitsGames. Eles foram baixados mais de 13.000 vezes.

As revisões dos jogos revelaram a raiva e o desapontamento dos fãs da Rovio.
Leia mais…

Comments off
28, setembro, 2012

Android: do Ice Cream Sandwich para o Jelly Bean

Não foi uma atualização de grande porte. O Google trabalhou em três linhas: velocidade/desempenho, melhorias para os principais aplicativos do Android e, por fim, o mecanismo de busca.

Velocidade: está um pouco maior, especialmente pela melhoria do desempenho e resposta aos comandos. O navegador definitivamente carrega as páginas mais rapidamente. Também é possível afirmar que outras funções estão mais rápidas: a gravação de vídeo, efeitos visuais e a visualização de fotos.

Desempenho: melhorou, está mais suave e responde melhor aos comandos. Houve uma melhoria considerável na predição da próxima ação dependendo da posição do dedo sobre a tela. Também as atualizações dos aplicativos ficou mais inteligente: somente os arquivos alterados são baixados para atualização, o que tornou o processo muito mais rápido. O mecanismo de busca por voz foi significativamente melhorado.

Interface: semelhante (papel de parede, ícones dos aplicativos, barra de buscas). Os widgets podem ser agora redimensionados na área de trabalho.

Funções adicionadas:

É possível adicionar fotos de alta resolução aos contatos (sincronizadas com as do Google+), acabando com as imagens tremidas (pixeladas) da versão anterior.

Foram melhorados os dicionários de diversas línguas e, agora, a predição de texto também está melhor. Ainda que bem abaixo de outros aplicativos de teclado para Android, gratuitos ou pagos.

A função de ditado por voz (SMS por voz) funciona agora no modo offline.

As notificações (barra de status) foram significativamente melhoradas, permitindo realizar diversas ações sem ter de abrir os aplicativos. Também é possível gerenciar se os aplicativos podem ou não utilizar as notificações, bloqueando aqueles que costumavam poluir a barra de status (Configurações > Aplicativos e depois Mostrar notificações).

Poucas semanas depois do lançamento do Jelly Bean, o avast! Free Mobile Security foi atualizado para a versão 2.0. Antes, além de um poderoso antimalware, você contava com um filtro/bloqueio de chamadas/SMS, escaneamento de programas e do cartão, relatório de privacidade. Em aparelhos roteados, o firewall controlava como os aplicativos instalados acessavam a rede de dados.

Agora, com a versão 2 que seguiu o lançamento do Jelly Bean, você também pode controlar remotamente o seu Android tanto por SMS quanto pelo portal web, utilizar um medidor do uso dos dados, escanear as mensagens recebidas, acessar o programa pelo widget e ter suas URLs corrigidas (SiteCorrect).

Atualize-se!

Comments off
16, julho, 2012

Malwares para Android aumentam cada dia

Estima-se que haverá 130.000 malwares para Android no final de 2012. Mesmo utilizando a loja oficial Google Play, centenas de milhares de usuários já foram infectados de uma forma ou de outra. Nos meses passados, o número de aplicativos maliciosos cresceu significativamente.

Uma boa parte desses aplicativos esteve presente no Google Play como se fossem legítimos aplicativos populares, como nos casos dos falsos Instagram e Angry Birds. Em geral, estes aplicativos enviavam SMSs que podiam custar cerca de 20 reais cada um, ou mostravam propaganda ilegal, ou roubavam dados dos contatos do telefone.

A Google reforçou a segurança e passou verificar todos os aplicativos antes de deixá-los disponíveis na loja. Mas algo sempre passa como, por exemplo, o “Find and Call” (leia aqui).

Quer se proteger? Instale o avast! Mobile Security. Escaneie e limpe o seu Android e continue protegido pelas atualizações automáticas.

Comments off
21, junho, 2012

Algumas dicas para a segurança do seu telefone

Se você já tem um telefone Android – ou pretende comprar um em breve –, aqui vão algumas dicas para mantê-lo sempre seguro.

Primeiro, é bom você saber que o sistema operacional Android é baseado no Unix, uma das plataformas mais estáveis e seguras disponíveis. Os aplicativos têm de pedir ao Android autorização para fazer qualquer coisa. Por exemplo, “o aplicativo vai enviar um email ou um SMS”, “o aplicativo vai acessar os nomes e telefones no seu aparelho”. O usuário é quem deveria controlar (aceitar ou rejeitar) qualquer uma dessas ações. Para não ficar atrapalhando com perguntas, ele “salva” as suas opções, geralmente no momento em que os aplicativos são instalados. São as “permissões”.

O problema é que, geralmente, não temos tempo nem queremos lê-las…

No início, a maior parte dos problemas de malwares (vírus) no Android vinham de falhas e problemas no antigo Google Market. Agora o Google verifica todos os aplicativos antes de disponibilizá-los para download.

Bom, aqui vão algumas dicas para proteger o seu Android:

  1. Bloquear a tela do telefone para evitar que terceiros o acessem.
  2. Desabilitar o acesso USB (modo de depuração) nas configurações de segurança do aparelho.
  3. Permitir que o aparelho seja rastreado via satélite (pois ajuda no caso de roubo).
  4. Atenção redobrada ao instalar aplicativos e dar sempre prioridade ao Google Play a qualquer outra fonte de aplicativos.
  5. Manter os seus aplicativos sempre atualizados (optando pelas atualizações automáticas nas configurações do Google Play).
  6. Fazer backups periódicos (pelo menos do cartão de dados).
  7. Se você é um usuário sem grandes conhecimentos da tecnologia Android ou não quer dedicar muito tempo a resolver “problemas” no seu aparelho, não conceda acesso root ao seu aparelho. Um aparelho roteado dá controle total ao usuário, mas faz perder a garantia do seu aparelho e pode permitir que um arquivo malicioso faça um grande estrago, como, por exemplo, roubar o nome e telefone dos seus contatos, registrar as senhas que você utiliza ou os dados do seu cartão de crédito.
  8. Utilizar o avast! Mobile Security para rastrear os aplicativos que ferem a tua privacidade, bloquear os vírus e, graças ao seu componente antifurto, ajudar você a manter os seus dados seguros e recuperar o seu aparelho se tiver sido roubado.

Feliz Android para você!

Comments off
9, novembro, 2011

Brasileira ganha viagem livre de vírus

Brasileira é centésima sexagésima milionésima (160.000.000) registrada do avast! antivírus e ganhou uma viagem romântica para Praga, para duas pessoas.

No dia 27 de maio, em Governador Valadares – MG, Fabrícia Vieira baixou e registrou uma cópia gratuita do avast! Free Antivirus para o seu computador pessoal, e foi somente isso. E ela continuou com sua vida normal, com as suas tarefas de trabalho (setor de saúde), amor (noiva), e vida em conjunto (planejamento de um casamento). E ela não tinha absolutamente nenhuma idéia da comoção que o seu simples registro iria causar a mais de 10.000 km de distância, na República Tcheca.

Em Praga, Julia Szymanska, a Gerente da Comunidade Avast, mantinha seu foco no contador de registros que iria alcançar a marca de 160 milhões de usuários. Com cerca de 100.000 registros por dia, estes números mudam rapidamente. Felizmente, Fabrícia havia registrado com um endereço de e-mail válido. Mas a comunicação não foi fácil, pois não houve resposta aos primeiros e-mails. Para começar, Fabrícia não fala Inglês. Então, ela pensou que os e-mails eram spam.

Enquanto alguns de nós estávamos prontos para desistir, o nosso colega brasileiro aqui da AVAST assumiu a tarefa. Marcus, que completara anos na mesma data, fez uma extensa busca com os dados da ganhadora no Google e conseguiu identificar o seu local de trabalho e, em seguida, o telefone do seu departamento. Após várias rodadas de comunicação ele conseguiu convencer uma colega de trabalho da Fabrícia que ela deveria ler e responder ao e-mail enviado – dessa vez em português – sobre a oferta da AVAST. Ainda reticente, Fabrícia forneceu seu número pessoal de celular, e não muito crente, atendeu Marcus ao telefone. Foi quando ficamos sabendo que ela se casaria perto da premiação, isso acabou colocando a viagem com despesas pagas em uma nova perspectiva. Na verdade, uma sorte adocicada, já que ela está em lua de mel e virá para o centro da Europa com o seu marido.

Demorou tanto tempo para convencê-la que a oferta de uma viagem a Praga com despesas pagas para dois era realidade, que a AVAST adicionou mais 20 milhões de usuários registrados nesse meio tempo. Nós esperamos que seja muito mais fácil dar a próxima viagem a Praga.

Em dois dias, os nossos recém-casados chegarão a Praga. Nós da AVAST esperamos que esta seja uma viagem romântica, e que eles a recordem para o resto de suas vidas. E para o resto do mundo, deve ser um lembrete de que um antivírus gratuito pode ser muito bom para os seus utilizadores. E por favor, preste atenção aos seus e-mails. Quem sabe você será o felizardo em pegar o buquê de flores da Fabrícia e ser o próximo a visitar a capital da República Tcheca com tudo pago pela AVAST?!

Comments off