Protecting over 200 million PCs, Macs, & Mobiles – more than any other antivirus

Arquivo

Textos com Etiquetas ‘Galvão Bueno’
17, julho, 2014

No Brasil, celular é uma fonte extra de informação e não a única

Parte da letra de uma das músicas do grupo de rap paulista, Racionais MC’ss diz: “em todo lugar, vários têm celular”, e não há como negar que o uso desse pequeno aparelho eletrônico se tornou uma febre no Brasil. Mas, se no passado o telefone móvel era usado apenas para falar e, no máximo, enviar mensagens de textos, hoje em dia ele serve para muitas outras atividades.

O brasileiro encontrou uma maneira diferente de usar o celular em comparação aos americanos: mídia para extra informaçào

O brasileiro encontrou uma maneira diferente de usar o celular em comparação aos americanos: mídia para extra informação

Fizemos uma rápida análize da recente pesquisa realizada pela AVAST sobre o uso de mídias digitais durante a Copa, onde foi feita uma comparação como brasileiros e americanos pretendiam assistir os jogos durante o maior evento futebolístico do mundo, e descobrimos que a maneira que usamos nossos celulares no lado sul do continente é bem diferente do que ocorre na parte norte.

A verdade é que, por aqui, o celular (e tablet) se tornou uma fonte extra de informação, muito diferente do que ocorre nos Estados Unidos. No Brasil, o uso do celular segue em paralelo com outras mídias, enquanto nos Estados Unidos, onde duas em cada cinco residências possuem somente celulares, segundo dados publicados por uma organização de saúde local chamada CDC (Center for Disease Control and Prevention), o uso do celular praticamente substitui outras mídias, como a televisão.

De acordo com a nossa pesquisa, enquanto a maioria dos americanos disseram que iriam assistir a Copa pelo telefone (66.6%), apenas 32.1% dos brasileiros admitiram a intenção de usar o celular para ver aos jogos, já 92.1% disseram que iriam ligar a TV para acompanhar as disputas. Isso talvez deve-se ao fato de que só o Brasil possui um Galvão Bueno para narrar as partidas, mas mais do que isso o celular se tornou um “extra” na maneira como os brasileiros acompanham o futebol.

Das 29.308 pessoas entrevistadas, 8.959 confessaram que iriam utilizar seus smartphones ou tablets para acompanhar as partidas em tempo real, enquanto que 10.685 usariam os mesmos aparelhos para ler notícias e informações sobre os jogos. Ou seja, isso significa que 67% dos brasileiros utilizam o celular (ou tablet) como uma fonte de informação que a TV dificilmente pode se tonar: dar notícias em tempos reais, acessíveis a qualquer hora do dia e de praticamente qualquer canto da cidade.

Sair de casa sem o celular para muita gente é tão incômodo quanto atravessar a avenida Paulista pelado ao meio-dia de uma quarta-feira, mas isso não significa que essas mesmas pessoas estão totalmente desconectadas do resto do mundo ao seu redor. Elas conversam, assistem TV, jogam bola e comem ao mesmo tempo que escrevem mensagem no whatsapp e outro aplicativos. Loucura?

Você está com a palavra. Compartilhe aqui as suas experiências com seu celular. Você consegue sair de casa sem ele? Ao ir a um restaurante você desliga o seu aparelho ou usa-o até a comida esfriar?