Protecting over 200 million PCs, Macs, & Mobiles – more than any other antivirus

Arquivo

Textos com Etiquetas ‘condicionamento físico’
22, maio, 2014

O seu aplicativo de condicionamento físico rastreia mais do que os seus exercícios diários?

O avast! Mobile Security verifica as permissões de privacidade dos aplicativos

Nos últimos anos, eu venho utilizando um aplicativo no meu smartphone Android para monitorar as minhas corridas. Ele registra a distância que eu corro, a rota que eu faço, minha velocidade e as calorias que eu queimei. Se eu quiser, posso compartilhar meus exercícios no Facebook ou outras redes sociais, ou mesmo posso tornar públicas as minhas estatísticas ao vivo para que, por exemplo, minha família possa me acompanhar enquanto corro.

Utilizar um aplicativo como este é motivador e me ajuda a organizar melhor os meus treinos, mas até agora eu nunca tinha considerado as questões de privacidade e segurança relacionadas com o rastreamento destes aparelhos e aplicativos.

“As boas práticas de privacidade defendem que é preciso alertar os consumidores, pois nem sempre são conscientes de quão privados são os dados que os aplicativos coletam ou mesmo que existem métodos de proteção da privacidade”, relatou o The Washington Post há alguns dias.

O meu smartphone é protegido pelo avast! Mobile Security, por isso decidi olhar mais de perto os meus aplicativos com o escaneamento da função Privacidade. Esta função escaneia os aplicativos do meu aparelho e informa que tipo de informações eles coletam. O Gerenciador de aplicativos me informa que permissões foram solicitadas por cada aplicativo. Meu aplicativo de condicionamento físico solicita as seguintes permissões:

  • Rastrear minha posição via GPS
  • Ler os dados dos meus contatos
  • Acessar minhas contas

Nada mau, pelo menos quando eu comparo com o aplicativo que já havia vindo com o meu telefone.

O meu aplicativo de condicionamento físico respeita a minha privacidade, mas muitos outros aplicativos das categorias saúde ou fitness vendem as informações pessoais como nomes dos usuários, endereços de email, informações de buscas por sintomas médicos, CEP, dados de localização, identificação de sexo, hábitos alimentares e dos treinos. Um estudo da Federal Trade Commission (FTC) revelou que as redes de propaganda e de obtenção de dados estão entre as empresas terceirizadas que compram estes dados.

Alguns empregadores já estão premiando seus funcionários com seguros ou planos de saúde mais baratos quando se filiam a programas de fitness. Mas há uma preocupação de que os dados coletados possam ser reunidos para criar perfis que, na prática, são um tiro pela culatra. É legal quando você está com saúde para o seu treino e os dados médicos e de saúde diminuem as taxas do seguro ou até o preço dos seus remédios, mas e quando a sua saúde diminuir ou piorar?

A FTC “está preocupada que os consumidores possam ser penalizados com base nos seus dados de saúde, por exemplo, se uma instituição financeira ajustar os padrões de crédito por se basear em que alguém tem uma doença”.

“As informações sobre as condições de saúde mais íntimas dos consumidores serão vendidas a alto preço”, disse ao Washington Post, Jeffrey Chester, diretor executivo do Centro para Democracia Digital. “Os empregadores podem ter acesso a eles, as seguradoras podem ter acesso a eles, ou as financiadoras de empréstimos, e tudo isto pode levar a uma série de práticas discriminatórias”.

Saiba o que os seus aplicativos desejam

Verifique o acesso requerido pelos aplicativos que você instalou em seu smartphone com o avast! Mobile Security. Instale-o gratuitamente nos aparelhos Android pela loja Google Play.

Obrigado por utilizar o avast! Antivírus e por recomendar-nos aos seus amigos e familiares. Encontre as últimas notícias, divirta-se, participe de concursos e muito mais no Facebook, Twitter, Google+ e Instagram. Dono do próprio negócio? Descubra mais sobre os nossos produtos corporativos.

Comments off