Protecting over 200 million PCs, Macs, & Mobiles – more than any other antivirus

Arquivo

Arquivo da Categoria ‘Resellers’
28, julho, 2014

5 maneiras para micros e pequenas empresas protegerem seus sistemas de PDV

Em 2013, violações de segurança atingiram grandes empresas de consumo nos Estados Unidos, tais como: Target, Michael’s e Neiman Marcus. Milhões de transações ficaram comprometidas com esses ataques conhecidos como ataques no ponto de venda (PDV). O PDV ocorre quando um cliente faz o pagamento ao fornecedor e este é um dos momentos mais vulneráveis da transação. Vamos hoje tomar como exemplo fatos reais que ocorreram com grandes empresas nos Estados Unidos e traçar um paralelo com os micro e pequenos negócios no Brasil.

Sistema de PDV nos Estados Unidos: vulnerabilidade também atinge pequenos negócios

Sistema de PDV nos Estados Unidos: vulnerabilidade também atinge pequenos negócios

Grandes lojas de consumo lideram em 50% a lista de empresas onde dados dos clientes foram mais compromissados em 2013, seguidas por organizações que emitem cartões de crédito e bancos. É o que aponta o #DataInsecurity Report feito pela National Consumers League (Liga Nacional de Consumidores), em cooperação com Javelin Strategy & Research. O #DataInsecurity Report também revelou que 61% das vítimas disseram que as informações foram usadas para cometer fraudes contra elas.

Entretanto, esse fato não deveria ser uma supresa. De acordo com Nilson Report, aproximadamente US$4 trilhões foram pagos através de cartões de crédito, débito e pré-pago nos Estados Unidos ano passado. Adicione a isso a vasta disponibilidade de códigos de PDS para execução em fóruns e você terá uma ideia perfeita da grande quantidade de vítimas disponíveis para cybercriminosos atacarem. O sistema de pagamento PDV nos Estados Unidos é um alvo fácil pois cartões EMV (com chips embutidos) ainda não são populares por lá. EMV, criado entre Europay, MasterCard e Visa, é um sistema de segurança usado em quase todo o mundo.

POS, POS systems, security, Endpoint Security,

Se o seu sistema de pagamento usa cartão crédito, então é melhor tomar precauções

Cybercriminosos não estão preocupados com o tamanho do seu negócio

Embora a maioria dos ataques de PDV mostrados na imprensa foram sobre grandes lojas de consumo, cybercriminosos não querem saber se uma empresa é grande ou pequena. Na verdade, eles estão interessados em fazer dinheiro e não fama que podem vir a ter com ataques sobre empresas famosas. Independentemente do tamanho, se o seu negócio tem um system de PDV para cobrar clientes, você deveria proteger seu sistema de um possível ataque. PDV ataques não furtam somente informações importantes, eles podem também afetar a reputação da sua empresa.

O #DataInsecurity Report mostra que somente 10% das vítimas acreditam que as lojas poderão proteger suas informações no futuro.

Como os ataques de PDV funcionam

  • Eles podem enganar as vítima obrigando-os a baixar o Trojan através de phishing e-mails que parecem ser de fontes confiáveis
  • Eles são selenciosamente baixados pela vítima ao clicar em um link sem a mesma perceber
  • Eles tiram vantagem de um sistema desatualizado, como o Windows XP.3

Uma vez o Trojan ganha acesso ao sistema ele pode ficar “dormente” lá por um tempo longo. Durante este período, Trojans podem realizar scaneamento secretos, observar ações e coletar informações, como senhas, para enviar de volta aos servidores de comando. Assim que os cybercriminosos coletam todas as informações necessárias, eles podem acionar o Trojan para agir via um “Comando e Controle” (C&C) dos servidores. Trojans de PDV coletam e enviam pagamentos de um cartão de crédito de volta aos servidores, usando dados oriundos da memória do sistema de PDV.

Como proteger sua empresa de ataques de PDV

Existem várias maneiras de manter sua empresa segura:

1-     É crucial você proteger o sistema de computadores da sua empresa conectado ao seu sistema de PDS. Para fazer isso, utilize senhas seguras de acesso ao seu sistema.

2-     Eduque seus empregados sobre os métodos de “social engineering” usados para ataques, como o spearfishing e-mails.

3-     Use soluções de segurança apropriadas como o Avast! Endpoint Protection, para proteger seu sistema contra módulos maliciosos e hackers que querem explorar os gateways em seu sistema para a instalação de malwares.

4-     O seu software de segurança deveria se protegido com senha para impedir que hackers desliguem suas funcionalidades.

5-     Todos software devem ser mantidos atualizados e todas a correções de segurança que eliminaram as explorações devem ser instalados assim que a empresa criadora dos software lança-las no mercado.

E outro detalhe, as soluções de sistemas de PDS nas “nuvens” (cloud-based) podem ser tão vulneráveis quanto os tradicionais sistemas de PDS, embora apresentem diferentes designs e funcionalidades. Uma ameaça recente mostrou que atores de malware têm se adaptado com sucesso aos novos sistemas de PDS atacando especificamente pequenos negócios. Assim sendo, é necessário tomar os mesmos cuidados com sistemas de PDS nas núvens que são tomados com sistemas convencionais.

O que fazer se seu sistema de PDS for atacado

Empresas devem admitir imediatamente que foram atacadas caso os dados de seus clientes foram atingidos de alguma maneira, dando às vítimas condições de se proteger. Obviamente, as companhias devem analisar a situação para determinar quais dados foram compromissados antes de ir a público. Essa análize deverá juntar informações que poderão ajudar os clientes a tomar as devidas medidas de proteção.

Obrigado por utilizar o avast! Antivírus e por recomendar-nos aos seus amigos e familiares. Encontre as últimas notícias, divirta-se, participe de concursos e muito mais no Facebook,TwitterGoogle+ Instagram. Dono do próprio negócio? Descubra mais sobre os nossos produtos corporativos.

 

21, julho, 2014

Usando antivírus para cortar custos de TI em micro e pequenas empresas

Você acaba de digitalizar ou automatizar sua empresa ao criar um sistema online de manutenção de dados, coleta de pedidos, pagamentos, etc pois está cansado de tanto papel e quer evitar as constantes indas e vindas a bancos e casas de correiros? Ou então, você está no clube dos novos empresários brasileiros que acaba de abrir um novo negócio onde a informática é a chave principal para a administração da empresa? Seja lá qual for a sua situação, saiba que ter um sistema de antivírus com console de administração central pode ajudá-lo a cortar gastos com TI.

Pensando em automatizar a sua empresa? Descubra como antivírus pode te ajudar a economizar tempo e dinheiro

Recentemente, discutimos aqui maneiras de evitar perdas catastrófica de dados, cuja conclusão final, após analisarmos vários fatores, é que a segurança de seus dados comerciais dependem muito mais da forma como eles são administrados do que necessariamente de uma tecnologia em si. Entretanto, o que um sistema de antivírus faz por você é bem simples: ajuda a manter seu orçamento em dia.

No geral, empresários são pessoas sem tempo para gastar com questões administrativas internas e não podem perder um dia de trabalho interceptando ataques de hackers. Como consequência, profissionais da área de TI (Tecnologia da Informação) se tornaram de extrema importância na estruturação de micros e pequenas empresas, o que também afeta negativamente o bolso e a conta bancária dos empresários.

Mas, e se eu te dizer que há uma maneira de simplificar este processo, reduzindo custos e aumentando o nível de segurança de seus dados?

Acredite ou não, mas micros e pequenas empresas possuem hoje em dia a possibilidade de gerenciar ataques de vírus e malwares através de um único login em um único computador: este é o não tão famoso, mas primordial, console central de administração.

Com ele, você não precisa navegar no mundo complicado e ilegível da programação de dados para impedir hackers de atacar os computadores de seu empresa. Em uma única janela de administração, desenvolvida em uma interface dinâmica e fácil de ser compreendida, você pode checar diariamente como os computadores de sua empresa estão sendo protegidos. Caso precise fazer alguma atualização de software ou vírus que não foi feita pelo seu funcionário, você não precisa ir fisicamente até aquela máquina, basta simplesmente usar a interface do console central.

Mas digamos que você não tenha tempo (e nem paciência) para fazer isso, você pode treinar uma pessoa de confiança dentro da sua empresa para ser responsável por este processo. Este profissional não precisa ser um técnico de informática, mas alguém que goste de tecnologia. Pegue alguém jovem, mas responsável, que não custe caro e dê a ele/ela a chance de mostrar serviço entregando em suas mãos a responsabilidade de manter em dia o antivírus da sua empresa. E caso fique preocupado com a maneira como a pessoa lida com seu sistema, você pode a qualquer momento (por exemplo 1 vez por semana/mês) acessar a interface do console de administração e facilmente checar o trabalho.

Não há dúvidas nenhuma de que mesmo com esse console de administração do antivírus você continuará na dependência de um profissional de TI para manter sua rede em dia, mas este profissional poderá ser terceirizado e requisitado somente 3 ou 4 vezes ao ano, ao invés de tê-lo na empresa com frequência ou como funcionário.

Outro detalhe, o console de administração geralmente já vem como parte do antivírus, portanto, não requer fórmulas matemáticas para ser instalado. O próprio antivírus pode ser baixado e instalado facilmente via internet sem a necessidade de vasta experiência em TI.

Se você ainda está em dúvida sobre qual antivírus adquirir em sua empresa, leia também as nossas dicas sobre o assunto publicadas na semana passada. Ou melhor, baixe uma versão de teste grátis e descubra por você mesmo as vantagens de usar um antivírus com console central de administração.

Obrigado por utilizar o avast! Antivírus e por recomendar-nos aos seus amigos e familiares. Encontre as últimas notícias, divirta-se, participe de concursos e muito mais no Facebook,TwitterGoogle+ Instagram. Dono do próprio negócio? Descubra mais sobre os nossos produtos corporativos.

14, julho, 2014

Qual o antivírus ideal para uma microempresa

O mês de maio de 2013 se tornou um marco para o setor de segurança de dados empresariais após Edward Snowden vir a público para acusar o governo norte-americano de espionagem internacional. Segundo o ex-administrador de sistemas da NSA (National Security Agency), a agência de segurança nacional dos Estados Unidos, a administração de Barack Obama estava não somente espionando inimigos, mas também aliados políticos e até mesmo empresas privadas e estatais, como a brasileira Petrobras.

Como microempresário a preocupação com a segurança de dados da sua empresa não deveria ser menor do que a forma como grandes multinacionais passaram a lidar com o assunto após as denúncias de Snowden. Aliás, devido ao fato de que pequenas empresas geralmente não possuem um número grande de profissionais atuando na área de TI (Tecnologia da Informação), elas se tornam um ótimo alvo para ataques de hackers do mundo todo a qualquer hora do dia. Portanto, ter um antivírus ideal para sua microempresa se tornou um procedimento essencial nos dias atuais. Mas a pergunta é: qual antivírus ideal para uma microempresa?

Mesmo grandes empresas podem

Mesmo grandes empresas cometem erros que comprometem dados de segurança, como durante  a final do Superbowl nos Estados Unidos. A sua microempresa está preparada para enfrentar situações como essas?

 

A maneira mais fácil de responder essa pergunta é através de uma autoanálise do seu negócio. Antes de ir a campo adquirir um antivírus, pense na maneira como você usa e distribui seus dados. Na semana passada, discutimos aqui neste espaço o que priorizar ao estabelecer a segurança de rede de computadores em microempresas, lembrando que limitar o uso da internet por parte dos seus funcionários pode ajudá-lo a manter a sua rede segura, mas ter um ambiente único para a administração do antivírus é primordial para ter certeza de que as atualizações de vírus estão ocorrendo de forma certa e segura.

Entretanto, vale ressaltar que o mundo da segurança online está cada vez mais descentralizado, ou seja, com a criação de computadores cada vez mais móveis, o gerenciamento da proteção de dados empresariais está se tornando muito complicado. Por isso que o antivírus ideal para a sua microempresa passa pela forma como informações empresariais são compartilhadas entre seus funcionários e departamentos.

Se o seu estabelecimento comercial não possui um profissional de TI, então pode ser que você prefira trabalhar com um antivírus que possua gerenciamento remoto, assim você pode se tornar o próprio administrador de segurança da sua empresa. No mínimo, todas as atualizações de vírus serão feitas de um único local com esse sistema, ou seja, você ou seu analista de TI não precisa checar computador por computador para garantir que todos estão sob proteção do antivírus que você adquiriu.

Outro ponto a ser considerado é a utilização de servidores. Algumas empresas mantem muita informação guardada em seu domínio de rede para que seja compartilhada por pessoas em diferentes departamentos e localidades. Neste caso, um antivírus especialmente criado para a proteção de servidores pode ajudar, mas o grande problema aqui é a complexidade de manutenção do mesmo, já que a formatação desse antivírus precisa ser customizada, exigindo assim, o envolvimento de um profissional (ou em alguns casos de uma equipe) de TI para manter a proteção funcionando corretamente.

A verdade é que não existe uma regra específica de como escolher um antivírus para o seu negócio, mas certamente a tomada de decisão passa pela a estrutura de sua empresa e como os seus funcionários compartilham informações internamente. Uma outra opção é adquirir uma licença de teste gratuíta pelo período de 30 dias para analizar as ferramentas de cada produto e tomar uma decisão final embasada na realidade de sua empresa e não somente nos anúncios de marketing.

Na semana que vem, vamos discutir esse assunto mais a fundo, enquanto isso compartilhe conosco as suas experiências e o que você espera de um antivírus empresarial.

Obrigado por utilizar o avast! Antivírus e por recomendar-nos aos seus amigos e familiares. Encontre as últimas notícias, divirta-se, participe de concursos e muito mais no Facebook,TwitterGoogle+ Instagram. Dono do próprio negócio? Descubra mais sobre os nossos produtos corporativos.

7, julho, 2014

Perda catastrófica de dados: como evitar

Após discutir a segurança de rede de computadores para micros e pequenas empresashá 2 semanas, seguido das instruções sobre o que priorizar na difícil tarefa de manter dados empresariais seguros na segunda-feira passada, esta semana vamos falar sobre como evitar perdas catastróficas de dados em sua micro ou pequena empresa.

A segurança da rede de computadores da sua empresa pode ser feita diretamento do seu próprio PC

A segurança da rede de computadores da sua empresa pode ser feita diretamento do seu próprio PC

Primeiro, é preciso entender que software de antivírus são criados hoje em dia para agir de forma inteligente independentemente do nível de TI (Tecnologia da Informação) do administrador do sistema. Ou seja, qualquer pessoa que tenha facilidade para usar a internet pode facilmente cuidar da segurança de seus PCs em casa ou até mesmo na empresa em que trabalha.

Entretanto, empresas de médio e grande porte desenvolvem redes de computadores complexos, onde somente profissionais com alto know-how de TI e com experiência e treinamento, são capazes de administrar. Aliás, nesses casos, a segurança de dados de um empresa não fica nas mãos de uma só pessoa, mas sob a responsabilidade de um time de profissionais que a cada ano que passa se torna mais e mais importante no mundo empresarial.

De acordo com uma pesquisa publicada pelo CETIC (Centro de Estudos sobre Tecnologias da Informação e da Comunicação) e coordenada pelo Comitê Gestor da Internet no Brasil (CGI) através do seu Núcleo de Informação e Coordenação do Ponto BR (NIC), em 2013 57% das empresas com mais de 250 funcionários tentaram contratar ao menos um profissional de TI. Esse percentual cai para apenas 35% em micro e pequenas empresas que têm entre 10 e 49 funcionários.

Grandes empresas contam com vários níveis de segurança como fireways, gateways e até gerenciamento corporativo que torna bastante complicado para um único funcionário realizar modificações no sistema de segurança com más intenções. Ele possivelmente seria pego muito antes de um ataque.

Entretanto, micro ou pequenas empresas estão mais vulneráveis pois um único indivíduo pode fazer modificações sem ser notado, como por exemplo, mudar as configurações de como o antivírus reconhece ataques e que tipos de ataques reconhece, pode de forma não intencional cometer erros que facilitam o acesso aos dados da rede de PCs da sua empresa, ou pode até mesmo publicar as senhas de acesso da sua rede em mídias sociais (aliás, isso já ocorreu com grandes empresas também).

Sua empresa, seus dados e seus funcionários: uma cadeia empresarial única

Como explicamos no início deste artigo, software de antivírus são criados a princípio para agir de forma inteligente independentemente da pessoa que está administrando o mesmo, desde que o administrador não faça mudanças na forma básica de como o antivírus está formatado.

Portanto, se você está a procura de uma maneira de manter sua rede segura e ao mesmo tempo não privar seus funcionários de usar a internet (como acesso a rede sociais, download de arquivos suspeitos, etc), adquira um antivírus com console de administração remota e jamais divulgue o acesso de administrador a ninguém.

Quer proteger a rede de PCs de sua micro e pequena empresa? Mantenha seu "admin" secreto

Quer proteger a rede de PCs de sua micro e pequena empresa? Mantenha seu “admin” secreto

Dessa forma, você pode visualizar o comportamento de seu antivírus diretamente de seu computador. Aliás, com o console de administração remota você pode também atualizar as configurações de vírus e gerenciar como cada computador está sendo protegido na empresa. Mas se alguém tiver acesso a essa área de administração, daí os seus dados estarão em perigo mesmo se seus funcinários estiverem privados da administração de seus PCs, o que geralmente os impede de baixar arquivos suspeitos (como música, vídeos e fotos online) e de acessar sítios de mídia social como Facebook e Twitter, os quais hoje em dia estão sendo usuados para espalhar malwares através de falsos links.

Se você tem uma micro ou pequena empresa e pretende manter seus dados seguros, procure um profissional de TI para ajudar na montagem da sua rede, mas monitore você mesmo como o sistema de proteção da sua empresa está sendo mantido através de um antivírus com monitoramento remoto.

Obrigado por utilizar o avast! Antivírus e por recomendar-nos aos seus amigos e familiares. Encontre as últimas notícias, divirta-se, participe de concursos e muito mais no Facebook,TwitterGoogle+ Instagram. Dono do próprio negócio? Descubra mais sobre os nossos produtos corporativos.

30, junho, 2014

Segurança de rede para micros e pequenas empresas – saiba o que priorizar

Com o console de administrador do avast! EndPoint você descobre facilmente qual computador da sua rede está vulnerável a ataques

Com o console de administrador do avast! EndPoint você descobre facilmente qual computador da sua rede está vulnerável a ataques

Na semana passada, discutimos aqui neste espaço a segurança de rede de computadores para micros e pequenas empresas e desta vez o nosso foco será nas dificuldades que muitos investidores enfrentam ao tentar manter seus dados seguros. As vezes os desafios são tantos que fica difícil de saber por onde começar, mas a nossa sugestão é: priorize a segurança da sua rede e não a restrição de acesso à mesma.

Primeiro, é necessário ter em mente que tipo de rede de computadores um empresário pretende criar em sua empresa antes de pensar em segurança. E aqui uma pergunta se torna essencial: quero começar somente com uma rede de trabalho ou vou direto para a instalação de um servidor que através de um domínio único me dará controle sobre os PCs da empresa?

O grupo de trabalho é bem simples de ser criado, principalmente para quem utiliza Windows, pois tudo pode ser feito através do Painel de Controle; basta apenas escolher quais computadores você quer conectar à rede. Já o servidor pode ser um pouco mais complicado, mas se você tem um bom conhecimento de TI e facilidade e paciência para procurar e seguir instruções online, a instalação do servidor pode ser feita por conta própria (PS: saber ler inglês também é primordial aqui).

A grande vantagem de ter um domínio de rede é que quando a empresa cresce fica mais fácil de adicionar novos PCs à ela e administrar todos os computadores de um só local, enquanto que o grupo de trabalho o obriga a monitorar um por um.

Mas seja qual for a sua escolha, nenhum dos dois casos garantirão segurança total aos seus dados. Mesmo que você tenha acesso total ao conteúdo que seus empregados vizualizam na internet através do servidor, a sua rede de computadores continua exposta a ataques de hackers que podem contaminar seus dispositivos com vários tipos de vírus.

Pensando nisso, a Avast criou uma família de produtos de antivírus especialmente para este objetivo: proteger a sua rede de PCs. A principal vantagem do avast! EndPoint é que você pode utilizar um console de administração do antivírus independentemente do seu tipo de rede. Ou seja, não importa se você está utilizando um grupo de trabalho para a sua rede ou um servidor. Com o avast! EndPoint ninguém acessa a configuração do antivírus sem antes passar pelo conhecimento do administrador do antivírus. Isso significa que seus empregados podem até ter acesso de administrador à sua rede, mas mesmo assim, através do console do avast! EndPoint, você (ou administrador de rede da sua empresa) estará ciente de qualquer ataque que aquele computador sofrer.

Isso é muito útil para micros e pequenas empresas onde o custo de manter um administrador de rede é muito grande, portanto, é necessário dar a todos os funcionários acesso de administrador para baixar arquivos importantes e software. Assim sendo, em vez de privar seus funcionários de acessar certos conteúdos e realizar downloads, você pode fiscalizar em silêncio se os computadores deles estão colocando a sua rede em risco, dando a você muito mais confiança ao tomar decisões relacionadas a segurança de seus dados empresariais.

E aí segue algumas outras perguntas que não somente microempresários, mas também executivos de grandes empresas devem fazer a si próprios todos os dias: devo privar meus empregados de baixar certos software e acessar alguns conteúdos online (como mídia social) devido a segurança de dados ou para impedi-los de gastar tempo com assuntos que não são relacionados ao trabalho que lhes compete? O quanto posso confiar na forma como meus funcionários administram a segurança de cada um de seus computadores? Eles realmente relatam cada suspeita de ataque? Como posso garantir que eles não foram vítimas de phishing ou outras ações de hackers online?

Moral da história: sem um administrador de antivírus como o console do avast! EndPoint você poderá até limitar o uso do computador em sua empresa, mas não conseguirá controlar os riscos que sua rede corre todos os dias. Você já pensou nisso?

Na segunda-feira que vem nós vamos falar sobre algumas das razões pelas quais ocorrem infecções de vírus em computadores empresariais e como fazer para evitar que isso ocorra em sua empresa. Até lá!

Obrigado por utilizar o avast! Antivírus e por recomendar-nos aos seus amigos e familiares. Encontre as últimas notícias, divirta-se, participe de concursos e muito mais no Facebook,TwitterGoogle+ Instagram. Dono do próprio negócio? Descubra mais sobre os nossos produtos corporativos.

5, fevereiro, 2014

O avast! expande o seu portfolio para empresas

Texto escrito por Julia Szymańska em cooperação com Magdalena Kuberacka

A AVAST Software é uma marca muito conhecida graças ao multipremiado avast! Free Antivírus. Contudo, a AVAST é muito mais do que uma grande solução antivírus gratuita que você provavelmente utiliza no computador da sua casa. O nosso atual portfólio de produtos avast! Business Solutions está projetado diretamente para pequenas e médias empresas (SMB) e é distribuído tanto online quanto por nossa avançada rede de parceiros que representam nossa marca localmente.

A AVAST expandiu o seu portfólio e a compatibilidade dos seus produtos SMB

Desde janeiro, a compatibilidade do avast! Endpoint Protection inclui o suporte completo para todas as versões do Windows, do Windows XP ao Windows 8.1. Isto significa que pequenas e medias empresas não precisam ter a sua segurança comprometida ao utilizar um mix de PCs mais antigos com os últimos tablets Windows, aparelhos de tela sensível rodando Windows 8.1.

O portfólio do Business Solutions foi recentemente expandido para incluir o avast! SecureLine VPN, que fornece conexões seguras com redes WiFi públicas ou abertas. Esta solução fornece um combo muito flexível e de preço atraente, a partir de 5 PCs, adaptando-se às necessidades das pequenas e médias empresas. Esta solução é oferecida com exclusividade através dos parceiros AVAST Business.

O avast! SecureLine VPN protege os dados dos usuários quando estão conectados a pontos WiFi abertos ou inseguros.

“Os pontos WiFi públicos são alvo de hackers que podem facilmente seguir todos os passos dos usuários, permitindo que acessem os seus e-mails, senhas, documentos e todo o seu comportamento online”, comentou Vincent Steckler, CEO da AVAST Software.

Para as empresas, é especialmente importante que os colaboradores remotos e os que estejam viajando não compartilhem dados corporativos através de redes WiFi públicas. Os clientes da AVAST podem ativar o avast! SecureLine VPN para Windows.

Infelizmente, o trabalho dos hackers não é algo complicado: há ferramentas disponíveis que permitem que qualquer um roube dados pessoais. Nós criamos o avast! SecureLine VPN para permitir que os usuários naveguem de forma anônima e segura, especialmente quando utilizem WiFi abertas”, disse Ondrej Vlcek, CTO da AVAST.

Ofereça o avast! SecureLine VPN aos seus clients em trânsito

IMG-private-browsing

O portfólio do avast! Business Solutions foi expandido e inclui agora o avast! SecureLine VPN em um combo com preços competitivos a partir de 5 PCs.

O que é o SecureLine VPN?

O avast! SecureLine VPN fornece uma conexão criptografada em qualquer rede WiFi aberta/pública. Estes hot spots são uma grande ameaça à segurança dos dados. Especialmente os profissionais que viajam, mas também todos que desejem uma conexão segura com redes gratuitas podem desfrutar da proteção que esta solução oferece.

Algumas coisas que o SecureLine VPN faz para tornar segura a navegação em redes WiFi públicas:

  • O avast! Secureline VPN utiliza o protocolo OpenVPN.
  • A criptografia utilizada é 256bit AES.
  • A comunicação com todas as portas é criptografada.

Como distribuir o SecureLine VPN?

O avast! SecureLine VPN, além de estar disponível nos produtos avast! 2014 abaixo, também pode ser baixado separadamente:

Comments off
16, dezembro, 2013

O avast! File Server Security ganha a certificação Virus Bulletin com facilidade

avast business solutionsO nosso produto de alto desempenho, o avast! File Server Security, continua rumo à taxa de detecção perfeita e obteve um desempenho excelente na última rodada de testes do Virus Bulletin terminada em outubro.

Os técnicos do VB disseram que “o avast! não deixou escapar nenhum teste VB100 desde 2007 e manteve um nível impressionante ao longo destes anos, alegrando a equipe de testes com a sua interface e desempenho confiáveis”.

VB server 1013

O avast! File Server Security atingiu 100% de detecção com nenhum falso positivo nos testes WildList e em amostras de arquivos limpos. O teste mede as taxas de detecção com as amostras de malware mais recentes e também com aquelas que ainda não tinham sido analisadas até o congelamento das atualizações das definições de vírus. Desta forma, o teste reflete a capacidade dos programas de gerenciar uma grande quantidade de novos e emergentes malwares e a sua precisão em detectar malwares previamente desconhecidos.

Os experts do VB informaram que o avast! File Server Security foi instalado com facilidade e rapidamente. A sensação do uso da interface do usuário é similar ao do produto para desktops, facilitando a navegação e, o mais importante para os profissionais de TI, respondendo perfeitamente aos comandos. A velocidade dos escaneamentos foi constante e as taxas de detecção foram significativas e também constantes durante todos os dias do teste, significando tratar-se de um produto de alta confiança. Eles concluíram afirmando que “o processo de certificação não apresentou nenhum problema e o avast! recebeu outro selo VB100 com facilidade”.

Obrigado por utilizar o avast! Antivírus e por recomendar-nos aos seus amigos e familiares. Encontre as últimas notícias, divirta-se, participe de concursos e muito mais no Facebook, Twitter, Google+ e Instagram. Dono do próprio negócio? Descubra mais sobre os nossos produtos corporativos.

Comments off