Protecting over 200 million PCs, Macs, & Mobiles – more than any other antivirus

Arquivo

Arquivo da Categoria ‘General’
25, maio, 2014

eBay foi vítima de vazamento de dados

eBay, a gigante dos leilões, solicita que 128 milhões de usuários alterem suas senhas após ter sido hackeada.

tweet ebay

Em uma recente postagem no blog da empresa, a eBay Inc. informou que um ciberataque “comprometeu o banco de dados que continha as senhas criptografadas e outros dados não financeiros”. Não há nenhuma evidência de que as informações financeiras ou dos cartões de crédito dos usuários tenha sido roubada, mas a empresa está solicitando a todos os seus usuários que troquem suas senhas.

Os usuários precisam estar atentos mesmo depois de alterarem suas senhas. Depois de um vazamento como este, aumenta o risco de que hackers utilizem as informações pessoais para cometer fraudes utilizando os dados pessoais de identidade ou para iniciar ataques phishing. Como sempre, não clique em links de emails nem forneça informações pessoais pelo telefone. Se você precisa conversar sobre as informações da sua conta, por favor, contate o serviço do usuário da eBay pelo telefone ou no site oficial.

“O vazamento da eBay é mais um problema das senhas como o Heartbleed. É muito importante que as pessoas levem isto a sério”, disse Ondrej Vlcek, Diretor de Operações da AVAST Software. “Dados da nossa recente pesquisa mostram que 9 a cada 10 pessoas pretende alterar suas senhas após o incidente Heartbleed, mas somente 40% levam isto à prática. Esta atitude desinteressada é completamente irresponsável: as pessoas precisam tomar a iniciativa para proteger a si mesmas”.

Um gerenciador de senhas como o avast! EasyPass ajuda a criptografar e proteger as informações pessoais online, utilizando senhas fortes e aleatórias. Aprenda como criar senhas fortes lendo o nosso blog: Minha senha foi roubada. O que eu faço agora?

Duas semanas atrás, a eBay descobriu que cibercriminosos quebraram a segurança da sua rede corporativa através de algumas poucas credenciais de login de funcionários. Eles revelaram que o banco de dados foi realmente violado no final de fevereiro e início de março, incluindo o vazamento do nome dos clientes da eBay, senha criptografada, endereço de email, endereço residencial, número de telefone e data de nascimento. Contudo, o banco de dados não continha informações financeiras nem outras informações pessoais confidenciais.

Outro vazamento no eBay esta semana

O ataque desta semana não está relacionado com os anteriores, as redes de propaganda da eBay no Reino Unido e França foram comprometidas e no lugar foram mostradas falsas atualizações do Java e do Flash. Esta propaganda maliciosa substituiu a página visitada e oferecia um Programa Potencialmente Indesejado (PUP). O avast! Antivírus detectou o vazamento e alertou os seus usuários.

“As redes de propaganda de terceiros são úteis aos criminosos por causa do número de atrasos nas conexões baixando conteúdo malicioso”, explicou Honza Zika, analista de malware do Laboratório de Vírus do avast!. “Em vez da propaganda normal, o hacker distribui um código que redireciona o usuário para a página dele. Ela procura se parecer a uma página oficial do Flash ou do Java, mas instala barra de ferramentas indesejadas, extensões dos navegadores e outros PUPs. O avast! detectou isto e protegeu os nossos usuários”.

Obrigado ao pesquisador independente Malekal pelo seu trabalho neste vazamento. Leia mais sobre o assunto no seu blog.

Obrigado por utilizar o avast! Antivírus e por recomendar-nos aos seus amigos e familiares. Encontre as últimas notícias, divirta-se, participe de concursos e muito mais no Facebook, Twitter, Google+ e Instagram. Dono do próprio negócio? Descubra mais sobre os nossos produtos corporativos.

Categories: General Tags: , , ,
Comments off
24, maio, 2014

Heartbleed: quase todo mundo planeja se proteger, mas menos de 50% se protegeu

Você já ouviu falar do Heartbleed? Sim? Então você pertence a uma minoria. Seguindo a ameaça Heartbleed, o bug que explora uma vulnerabilidade no OpenSSL, a AVAST fez uma pesquisa online com 268.000 pessoas em todo o mundo e descobriu que três de cada quatro pessoas não está ciente da ameaça Heartbleed, que afetou milhões de sites e aplicativos móveis.

A AVAST então explicou o Heartbleed a estas pessoas. Quando perguntadas se iriam alterar as suas senhas depois de verificar quais sites foram afetados, nove em cada dez disse que iria tomar uma atitude. Este alto número é interessante do ponto de vista psicológico, pois mostra como as pessoas pensam quando confrontadas inicialmente com uma ameaça. As pessoas imediatamente planejam tomar as medidas apropriadas para se proteger contra futuras ameaças, mas quantos realmente seguem adiante com seus planos? Na prática, menos da metade das pessoas seguiu os seus planos de segurança: somente 40% dos que responderam estarem cintes do Heartbleed disseram que realmente alteraram suas senhas. Este número se aproxima muito do relatório do Heartbleed de Pew, que informou que apenas 39% dos usuários da internet alteraram suas senhas ou cancelaram contas.

Heartbleed, antivírus gratuito, senha, segurança

“Este tipo de coisa nunca me afeta”

Muitos dos que responderam, tanto entre os que estavam conscientes da ameaça quanto entre os desavisados, disseram que não desejam alterar suas senhas porque não acreditam que suas contas foram comprometidas. Isto nos faz pensar que se 41% dos que responderam que estavam cientes da ameaça, mas não acreditam que foram afetados, ou pensam que a mídia exagerou o problema ou mantém a política de “isto não me afeta”. Um a cada dez que responderam à pesquisa acreditam que a próxima brecha de segurança irá acontecer em breve e por isso não veem razão para alterar suas senhas. Esta atitude laissez-faire pode ter sua origem no fato de que muitos não veem a repercussão prática da ameaça ou ainda não foram alertados da ameaça pela plataforma que utilizam. Um dos fatos mais preocupantes que a pesquisa revelou foi que muitas pessoas não sabem como se proteger. Uma a cada dez pessoas que responderam à pesquisa não alteraram as suas senhas porque não sabem como fazer isto.

Além disso, quase a metade de todos os participantes, cientes ou não da ameaça, disseram que irão alterar suas senhas quando as plataformas afetadas lançarem atualizações e informarem sobre as mudanças.

Senhas são como chaves que protegem nossos dados pessoais online, como as fechaduras que protegem nossas casas. É recomendável manter distâncias dos sites afetados que ainda não foram corrigidos e atualizados. Quando os sites tiverem aplicado as correções necessárias, as senhas devem ser alteradas e tornadas mais fortes com a mesma prontidão que trocaríamos as fechaduras da sua casa caso você perca suas chaves ou se uma chave for roubada.

Utilize um gerenciador de senhas para proteger todas as suas contas com senhas fortes

Alterar e memorizar novas senhas uma e outra vez não é uma tarefa fácil, especialmente porque as senhas devem consistir em pelo menos 8 caracteres, ou de acordo com as recomendações mais recentes, até 16 ou mais. As senhas devem incluir uma mistura de letras, números e símbolos.

Um gerenciador de senhas como o nosso avast! EasyPass ajuda a criptografar e proteger os dados pessoais online. O avast! EasyPass cria senhas fortes e aleatórias de até 512 caracteres e protege a sua informação com uma criptografia de nível militar, tornando a gestão de senhas algo simples e seguro. O avast! EasyPass está atualmente disponível a um preço promocional de 9,99 dólares por ano.

Obrigado por utilizar o avast! Antivírus e por recomendar-nos aos seus amigos e familiares. Encontre as últimas notícias, divirta-se, participe de concursos e muito mais no Facebook, Twitter, Google+ e Instagram. Dono do próprio negócio? Descubra mais sobre os nossos produtos corporativos.

Categories: General, Não categorizado Tags:
Comments off
22, maio, 2014

O seu aplicativo de condicionamento físico rastreia mais do que os seus exercícios diários?

O avast! Mobile Security verifica as permissões de privacidade dos aplicativos

Nos últimos anos, eu venho utilizando um aplicativo no meu smartphone Android para monitorar as minhas corridas. Ele registra a distância que eu corro, a rota que eu faço, minha velocidade e as calorias que eu queimei. Se eu quiser, posso compartilhar meus exercícios no Facebook ou outras redes sociais, ou mesmo posso tornar públicas as minhas estatísticas ao vivo para que, por exemplo, minha família possa me acompanhar enquanto corro.

Utilizar um aplicativo como este é motivador e me ajuda a organizar melhor os meus treinos, mas até agora eu nunca tinha considerado as questões de privacidade e segurança relacionadas com o rastreamento destes aparelhos e aplicativos.

“As boas práticas de privacidade defendem que é preciso alertar os consumidores, pois nem sempre são conscientes de quão privados são os dados que os aplicativos coletam ou mesmo que existem métodos de proteção da privacidade”, relatou o The Washington Post há alguns dias.

O meu smartphone é protegido pelo avast! Mobile Security, por isso decidi olhar mais de perto os meus aplicativos com o escaneamento da função Privacidade. Esta função escaneia os aplicativos do meu aparelho e informa que tipo de informações eles coletam. O Gerenciador de aplicativos me informa que permissões foram solicitadas por cada aplicativo. Meu aplicativo de condicionamento físico solicita as seguintes permissões:

  • Rastrear minha posição via GPS
  • Ler os dados dos meus contatos
  • Acessar minhas contas

Nada mau, pelo menos quando eu comparo com o aplicativo que já havia vindo com o meu telefone.

O meu aplicativo de condicionamento físico respeita a minha privacidade, mas muitos outros aplicativos das categorias saúde ou fitness vendem as informações pessoais como nomes dos usuários, endereços de email, informações de buscas por sintomas médicos, CEP, dados de localização, identificação de sexo, hábitos alimentares e dos treinos. Um estudo da Federal Trade Commission (FTC) revelou que as redes de propaganda e de obtenção de dados estão entre as empresas terceirizadas que compram estes dados.

Alguns empregadores já estão premiando seus funcionários com seguros ou planos de saúde mais baratos quando se filiam a programas de fitness. Mas há uma preocupação de que os dados coletados possam ser reunidos para criar perfis que, na prática, são um tiro pela culatra. É legal quando você está com saúde para o seu treino e os dados médicos e de saúde diminuem as taxas do seguro ou até o preço dos seus remédios, mas e quando a sua saúde diminuir ou piorar?

A FTC “está preocupada que os consumidores possam ser penalizados com base nos seus dados de saúde, por exemplo, se uma instituição financeira ajustar os padrões de crédito por se basear em que alguém tem uma doença”.

“As informações sobre as condições de saúde mais íntimas dos consumidores serão vendidas a alto preço”, disse ao Washington Post, Jeffrey Chester, diretor executivo do Centro para Democracia Digital. “Os empregadores podem ter acesso a eles, as seguradoras podem ter acesso a eles, ou as financiadoras de empréstimos, e tudo isto pode levar a uma série de práticas discriminatórias”.

Saiba o que os seus aplicativos desejam

Verifique o acesso requerido pelos aplicativos que você instalou em seu smartphone com o avast! Mobile Security. Instale-o gratuitamente nos aparelhos Android pela loja Google Play.

Obrigado por utilizar o avast! Antivírus e por recomendar-nos aos seus amigos e familiares. Encontre as últimas notícias, divirta-se, participe de concursos e muito mais no Facebook, Twitter, Google+ e Instagram. Dono do próprio negócio? Descubra mais sobre os nossos produtos corporativos.

Comments off
17, maio, 2014

Escritor “ressuscita” antigo companheiro de volta à vida

Richard Skorupski is a writer and author living in South Dakota.

Richard Skorupski é um escritor que mora em South Dakota.

O avast! GrimeFighter limpou todo o “lixo”. Philip Pullman, escreveu The Golden Compass à mão, utilizando uma caneta em um papel A4 pautado (com dois furos, não quatro). Douglas Adams datilografou Hitchhiker’s Guide to the Galaxy em sua velha máquina Hermes 8.

Por isso, não é surpreendente ouvir Richard Skorupski falar sobre o declínio do seu “antigo amigo”. A surpresa foi ver como o avast! GrimeFighter trouxe aquele amigo de volta à vida. Eis a história que Richard compartilhou conosco:

Uma história sobre um velho amigo

Para um homem, eu posso compará-lo à sua camiseta favorita ou à sua calça jeans desbotada. Para uma mulher, eu posso compará-lo ao seu par de sapatos favorito e confortável.

É isto mesmo, eu amo o meu velho laptop. Esta comigo e foi útil ao longo dos anos em blogs, discursos, navegando e (como é lógico) escrevendo meus livros. Ambos Flyover County e The Fred Weber Story foram escritos inteiramente neste laptop. Os dois livros juntos têm mais de um milhão de palavras. Somado às outras coisas que eu escrevi ao longo dos anos dá para entender porque as teclas estão desgastadas. É como ter o meu melhor amigo na ponta dos dedos. Meus dedos se sentem no lugar perfeito.

Naturalmente, o laptop está riscado, a bateria gasta, mas ainda é minha ferramenta favorita. Isto foi assim até que ele ficasse velho. Com o passar do tempo, o meu amigo ficou cada vez mais lento. Eu entendo, esta velha máquina rodando Windows XP nasceu nove anos atrás, em 2005, e isto é pelo menos 130 anos atrás para um computador. Ele finalmente chegou ao ponto que devia ficar de lado. Eu o conservei por causa dos arquivos, a memória fotográfica que continha, mas eu não mais lhe chamava para um trabalho duro.

Voltando aos fatos. Eu estava com a minha esposa na Expo Vender em Huron, South Dakota, ao longo do fim de semana. Havia um cara lá que vendia computadores usados e recondicionados. Eu o conhecia porque ele havia me vendido um computador reserva há uns meses atrás. Estava falando com ele sobre o meu velho laptop e como agora levava 45 minutos (sic) para ligar. Eu contei a ele que não podia mais brincar com o meu velho amigo simplesmente porque ele estava muito lento. Ele disse que talvez fosse possível consertá-lo, sem me dar garantias, por 50 dólares.

Aquilo me fez pensar. Eu tinha visto comerciais na televisão sobre como melhorar antigos computadores. Não tinha certeza se devia confiar naquilo que estavam me vendendo. Eu tinha outra resposta para isto: eu utilizo o avast! Antivírus em todos os meus computadores de casa. Eles recentemente acrescentaram o GrimeFighter. Disseram-me que poderiam fazer o meu velho amigo correr novamente. Como eu confiava na AVAST como companhia, comprei o produto deles.

Instalei o programa e (depois de um par de telefonemas para um serviço de atendimento ao cliente muito útil) a coisa estava pronta para rodar. O GrimeFigher apareceu e começou a limpeza. A coisa levou duas horas para limpar anos de lixo. O relatório final me disse que tudo estava pronto (a menos da minha velha bateria, algo que eu já sabia).

Por isso, estou aqui nesta manhã, compartilhando meu tempo com meu velho amigo. Ele está se sentindo muito melhor, rápido e esperto, mais rápido do que nunca. Estou ansioso pelas histórias que iremos contar juntos nos próximos meses (e talvez anos).

Obrigado avast! Agora, vocês devem encontrar um rejuvenescedor para seres humanos…

O avast! GrimeFighter pode ajudar a trazer o seu “velho amigo” de volta à vida. Leia mais sobre como o GrimeFighter pode acelerar o seu velho laptop. Escaneie o seu computador completamente de graça e então compre a sua própria licença do GrimeFighter para limpar o lixo do seu PC.

Já faz alguns dias desde que Richard deixou os mascotes limpar o lixo do seu velho laptop e ele disse: “Eu nunca mais toquei no meu novo computador desde que rodei o GrimeFighter no meu antigo.”

Leia mais sobre Richard e compre o seu primeiro livro na Amazon.

Obrigado por utilizar o avast! Antivírus e por recomendar-nos aos seus amigos e familiares. Encontre as últimas notícias, divirta-se, participe de concursos e muito mais no Facebook, Twitter, Google+ e Instagram. Dono do próprio negócio? Descubra mais sobre os nossos produtos corporativos.

Comments off
15, maio, 2014

Ataques ransomware estão ocorrendo em massa via sites: cuidado!

O infográfico do Laboratório de Vírus do avast! mostra a proliferação dos ataques ransomware via navegadores nos últimos três meses.

AtençãoSaindo da página de alertaDurante o mês de dezembro, publicamos em nosso blog sobre os truques e as táticas dos ransomwares via navegadores. Os ransomwares de navegadores são malwares que atacam através de vários navegadores para impedir que as pessoas continuem a utilizar os seus PCs. Para obter acesso novamente, a vítima desses malwares têm que pagar um resgate para desbloquear o computador. A chave do sucesso deste ataque é a tradução em várias línguas, dando aos cibercriminosos acesso a um maior número de potenciais vítimas.

Hoje gostaríamos de voltar a informar sobre os ataques de ransomwares via navegadores e compartilhar com você alguns dados da avast! CommunityIQ.

Detectamos os ataques de ransomwares através de vários métodos diferentes. As detecções que acompanhamos foram criadas no dia 30 de janeiro de 2014. Foi realmente uma surpresa o alto impacto deste ataque aos usuários do avast!

  • Em pouco menos de 3 meses, o avast! protegeu mais de meio milhão de usuários diferentes em todo mundo dos ataques ransomwares.
  • Nas últimas 6 semanas, os usuários avast! visitaram sem saber mais de 18 milhões de vezes um site com ransomware.
  • Em apenas 24 horas, o avast! impediu o redirecionamento de sites infectados para outros que hospedavam ransomware para mais de 18.000 usuários diferentes.

O Laboratório de Vírus do avast! acompanha os ransomwares

Os cibercriminosos por trás dos ataques alteram constantemente os domínios onde se hospeda o malware. A cada 10 minutos aproximadamente, um novo domínio é criado e estes números estão crescendo lentamente. Os usuários são então redirecionados para um novo domínio.

Nos dias de hoje, os domínios maliciosos são hospedados em 117 IPs diferentes. Estes IPs estão distribuídos em todo o mundo, da Áustria ao Brasil ou Canadá. Estes são os endereços em Montreal (Canadá) e Denver (Colorado).

Ransomware via navegadores utilizam domínios maliciosos em 117 IPs.Este exemplo mostra os domínios hospedados em um IP.

Sites hospedados

Este mapa mostra a localização dos usuários que entraram em sites infectados nos últimos 5 dias. Os ransomwares via navegadores estão tendo um enorme impacto nos usuários do avast! na França, na maioria da América do Norte, em alguns países nórdicos e na Austrália.

Ransomware

Ao examinar os dados desde que a detecção foi criada vemos a enorme quantidade de usuários que visitam domínios infectados por ransomware na América do Norte, mas um número ainda maior de usuários da Polônia. Outros pontos críticos com números consideráveis estão na Itália, Canadá, alguns países da África, América do Sul e Rússia.

Ransomware

Os usuários do avast! Antivírus estão protegidos ao visitarem sites com ransomwares, mas não se esqueça de que cada computador pode ser vítima de uma nova tática destes criminosos. Neste caso, somente o bom senso poderá ajudar a proteger os seus dados, o seu dinheiro e o seu computador.

Versão francesa do ransomware via navegadores:
SHA256  a39ef2658b72bc0966a92f80329d276ea27344d7d62b9021475630d29397a7cb

Obrigado por utilizar o avast! Antivírus e por recomendar-nos aos seus amigos e familiares. Encontre as últimas notícias, divirta-se, participe de concursos e muito mais no Facebook, Twitter, Google+ e Instagram. Dono do próprio negócio? Descubra mais sobre os nossos produtos corporativos.

Comments off
15, maio, 2014

Quem protege o seu smartphone dos cibercriminosos?

O analista de malware para Android, Filip Chytrý, fará uma intervenção no CARO Workshop

O analista de malware para Android, Filip Chytrý, fará uma intervenção no CARO Workshop 2014

Os profissionais do Laboratório de Vírus do avast! trabalham juntos para impedir que malwares ataquem o seu celular Android.

Filip Chytrý, um analista do Laboratório de Vírus do avast! irá declarar guerra conta o malware para Android, junto com o seu colega Peter Kalnai, no 8º Internacional CARO Workshop realizado em Melbourne, Flórida, durante esta semana. A CARO (Computer Antivirus Research Organization) é um grupo técnico de especialistas do mundo inteiro que repartem e estudam casos de ataques móveis, fazem demonstrações de ataques reais e apresentam planos para a identificação e investigação de ataques móveis do crime organizado.

Junto com o seu conhecimento especializado em malware para Android, Filip é realmente um cara engraçado. Deborah, a nossa gerente de marketing e mídias sociais para os Estados Unidos, fez-lhe algumas poucas perguntas para que você pudesse conhecer um dos profissionais da AVAST diretamente responsável por manter dezenas de milhões de smartphones Android seguros contra ameaças.

DEBORAH: obrigado por dedicar-nos seu tempo durante os preparativos para a CARO e encontrar os nossos usuários através do nosso blog. O teu trabalho de análise de malware para Android nem mesmo existia quando você era pequeno. Quais foram as tuas experiências recentes com tecnologia que influenciaram o direcionamento da tua carreira?

SAAB-(2)

Filip usou sapatos legais durante toda a sua vida


FILIP: defina “recentes”. :) Eu sou viciado em computadores desde a infância. Ganhei o meu primeiro PC quando tinha 8 anos: um monte de eletrônica que devia ter a minha idade, mas eu ainda tenho grandes lembranças daquele tempo. Por isso, desde aquele tempo, eu fui influenciado pela tecnologia. Mesmo no meu lazer, eu me concentrei em PCs. Eu me graduei pela School of Applications Cybernetics em Hradec Králové na República Checa.

DEBORAH: proteger os computadores das pessoas foi como a AVAST começou, e agora nós acrescentamos produtos de segurança móvel gratuitos ao nosso portfólio. Como nós ensinamos as pessoas a manter os seus smartphones e tablets seguros da mesma forma que os seus computadores.

FILIP: a maioria das pessoas ainda não se deu conta de que, na prática, os seus smartphones tem mais capacidade computacional e funções que o computador que tinham em casa há 5-10 anos atrás. A capacidade dos seus aparelhos é incrível. Pode haver mais dados relevantes armazenados em aparelhos portáteis do que nos seus PCs. Você tem os dados da sua localização, fotos, informação das mídias sociais e assim por diante.

Por isso, o primeiro passo para os usuários é se conscientizar que estes dados devem ser protegidos e seguros como algo muito valioso. Toda a sua vida pode ir parar no bolso de um ladrão. Isso sem mencionar as ameaças como malwares: envio de SMS premium, roubadores de dados, ransomwares e por aí afora, tudo esperando para atacar. Isto causa muita preocupação. E com essa preocupação, a necessidade de uma solução de segurança.

DEBORAH: falando em grandes preocupações, o workshop CARO terá muitas apresentações de malware financeiros. Como você se atualiza com esta constante evolução?

FILIP: fique ligado em nossa apresentação. Não é uma solução definitiva, mas deve melhorar as taxas de detecção e diminuir o tempo de reação frente a estas e outras ameaças de forma efetiva.

DEBORAH: qual foi a ameaça mais séria que você já viu?

FILIP: houve um grupo de sérias ameaças no ano passado. A vulnerabilidade da chave mestra do Android que pode ser utilizada para burlar a verificação da assinatura digital e obter acesso completo ao aparelho. Depois houve o malware móvel Zitmo que burlava o número de autenticação das transações, e muitos outros. Se eu tiver que escolher uma ameaça, provavelmente seria a vulnerabilidade da chave mestra do Android.

DEBORAH: com qual projeto ou iniciativa você está mais ligado em 2014?

FILIP: aquele que eu não posso falar para você agora, mas é um projeto pessoal que pode ser lançado nos próximos meses e que tem algo a ver com o avast. :)

DEBORAH: a AVAST está contratando muitos novos profissionais este ano. Qual o teu conselho para os jovens que desejam estudar e trabalhar no Laboratório de Vírus do avast!? Que tipo de cursos eles deveriam fazer?

FILIP: você vai se surpreender, o que é importante não é um título, mas o que você sabe. Com certeza, o conhecimento de programação, engenharia reversa e habilidades de relacionamento estão entre as prioridades. O restante depende da posição que esteja sendo buscada. Eu penso que para um trabalho como esse você tem de ser um pouco geek. :)

DEBORAH: Filip, com os seus dias totalmente ocupados em lutar contra malwares, o que sobra para a noite? Algo te assusta?

FILIP: para ser honesto, eu só me assusto com cirurgias, quando eu não posso ver o que estão fazendo. Mas isto não deve ser publicado.

DEBORAH: parece que você deseja controlar tudo.

FILIP: Sim. Isto pode ser traduzido em que eu sempre preciso saber o que está acontecendo.

USA1

“Ao infinito… e além!”


DEBORAH: como você descreve o “dia dos seus sonhos” fora do Laboratório de Vírus?

FILIP: viagem espacial? Talvez algum dia… Ou, pelo menos, eu gostaria de ficar onde pudesse estar totalmente offline por um tempo. Mesmo gostando de computadores e estando sempre em ação, eu gosto de dar uma parada e passar algum tempo sozinho ou com amigos, o que é sempre melhor.

DEBORAH: qual é o seu superpoder, Filip?

FILIP: eu gostaria de dizer algo que os super-heróis sempre dizem: – “Eu posso voar”, mas infelizmente é apenas ficção. Provavelmente o que eu possa considerar o meu superpoder é ajudar as pessoas a melhorar a sua segurança, mas não é a única coisa, é algo sobre toda a equipe do Laboratório de Vírus do avast!. Na verdade, todos na AVAST Software.

Obrigado por utilizar o avast! Antivírus e por recomendar-nos aos seus amigos e familiares. Encontre as últimas notícias, divirta-se, participe de concursos e muito mais no Facebook, Twitter, Google+ e Instagram. Dono do próprio negócio? Descubra mais sobre os nossos produtos corporativos.

Comments off
13, maio, 2014

A morte dos Antivírus foi muito exagerada

Antivírus, como os usuários conhecem, incorporam firewalls, detecção de invasão, heurísticas, virtualização, sandboxes e muitas outras camadas de proteção e não apenas as antivírus. Este antivírus está longe de morrer.” Vince Steckler, CEO

Em um artigo do Wall Street Journal no qual a tradicional empresa de antivírus Symantec descreveu a sua nova estratégia de negócio e declarou que o software antivírus está morto, aguçou o CEO da AVAST, Vincent Steckler, a responder sobre a efetividade dos atuais antivírus:

A afirmação da Symantec parece se relacionar às empresas, e não aos consumidores finais e pequenos negócios. As empresas tradicionalmente confiaram em muitas camadas de defesa e o antivírus é uma destas camadas. Antivírus, no entanto, é uma defesa de amplo espectro e, por isso, é frequentemente complementada por outros produtos, como os que protegem contra ataques dirigidos, o que preocupa mais as empresas.

No ambiente dos consumidores e pequenas/médias empresas, a situação é bem diferente: os usuários geralmente não têm muitas camadas de proteção. Eles tem apenas uma: o seu antivírus.

Estes produtos, no entanto, não são os simples antivírus do passado. A verdadeira afirmação nesta história é que a segurança do usuário necessita muito mais que um antivírus. Antivírus é um nome genérico que é utilizado porque os usuários o reconhecem. No entanto, eles incorporam firewalls, detecção de invasão, heurísticas, virtualização, sandboxes e muitas outras camadas de proteção e não apenas as antivírus. Por isso, acreditamos que o antivírus não está morto no ambiente dos usuários. Está longe de morrer neste campo.

A AVAST oferece esta perspectiva sob o nome de antivírus há muito tempo. Acrescentando a ele um conjunto de ferramentas anti-spam, anti-phising e um firewall silenciosos para manter os usuários seguros mesmo dos ataques mais engenhosos.

O avast! Mobile Security lidera a luta contra o aumento exponencial de malware para Android. Da mesma forma que o antivírus, ele não combate apenas malwares, o aplicativo de segurança móvel inclui a proteção por senha, backup, VPN, etc., tudo para aumentar a sua segurança. O avast! Anti-Theft para aparelhos móveis soluciona o problema mais frequente em nossos dias: a perda ou o roubo dos aparelhos. Também oferece softwares que não são tradicionais no mercado “antivírus”: um gerenciador de senhas, uma ferramenta de limpeza dos navegadores de programas potencialmente indesejados como as barras de ferramenta, um serviço de backup online com criptografia de nível militar, além de serviços VPN para proteger WiFi públicas/abertas.

Portanto, sim, a afirmação de que o antivírus está morto foi muito exagerada. O antivírus e os serviços adicionais são uma necessidade nos atuais ambientes inseguros onde transitam os consumidores e as empresas.

E para aqueles clientes da(o) Symantec/Norton que se sentem abandonados pelo seu fornecedor de segurança, nós lhes damos as boas vindas para mudar para o gratuito avast!. O antivírus está vivo e vai muito bem obrigado, continuando a proteger mais de 200 milhões de usuários avast! todos os dias contra as ameaças online.

Obrigado por utilizar o avast! Antivírus e por recomendar-nos aos seus amigos e familiares. Encontre as últimas notícias, divirta-se, participe de concursos e muito mais no Facebook, Twitter, Google+ e Instagram. Dono do próprio negócio? Descubra mais sobre os nossos produtos corporativos.

Comments off
12, maio, 2014

Quando os programas colidem! O que fazer com o seu antigo antivírus.

A execução de múltiplos programas antivírus no mesmo computador pode causar conflitos, gerar falsos positivos, uma perda de desempenho ou instabilidade do sistema.

Instalar mais de um programa antivírus pode causar conflitos

Pergunta da semana: posso ter mais de um programa antivírus ao mesmo tempo no meu computador?

É uma boa pergunta a ser feita aos técnicos de segurança que estão discutindo a morte dos antivírus em toda a mídia. O programa antivírus típico dos anos 90 já está aposentado, mas as modernas soluções anti-malware como os produtos de segurança da AVAST incorporam firewall, detecção de invasão, heurísticas, virtualização, sandboxes, além de muitas outras camadas de proteção, tornando-se um software extremamente sofisticado.

Como estes programas são complicados, não é uma boa ideia executar dois programas antivírus ao mesmo tempo. De fato, muitos programas antivírus nem mesmo se instalam se detectam outro antivírus no seu sistema. De modo geral, é bom ter um programa antivírus que escaneie todos os arquivos ou downloads para ver se estão limpos e também precisamos de um firewall que controle o que entra em nossos computadores, para que possamos evitar hackers e vírus. Executar vários programas antivírus no mesmo computador pode causar conflitos e gerar falsos positivos, uma diminuição no rendimento ou até instabilidade do sistema.

Por isso, recomenda-se fortemente desinstalar todos os outros programas antivírus instalados previamente antes de instalar o avast! no seu computador. A maioria das empresas de antivírus fornece um programa de desinstalação para remover todo o programa. Você deve utilizar estas ferramentas de remoção porque a desinstalação simples a partir do Painel de Controle do Windows pode deixar muitos arquivos para trás em vários casos. Estes arquivos podem continuar no sistema e impedir que o avast! Antivírus seja corretamente instalado.

Como eu desinstalo o meu antigo programa antivírus?

Nós fizemos uma lista das principais empresas que fornecem uma ferramenta especial para desinstalar o seu programa antivírus na página das FAQ do avast!. Siga as instruções antes de instalar o avast! e proteger o seu computador!

Obrigado por utilizar o avast! Antivírus e por recomendar-nos aos seus amigos e familiares. Encontre as últimas notícias, divirta-se, participe de concursos e muito mais no Facebook, Twitter, Google+ e Instagram. Dono do próprio negócio? Descubra mais sobre os nossos produtos corporativos.

Comments off
11, maio, 2014

Os 10 Mandamentos da Privacidade Móvel

Desde os governos até ladrões ou sua própria esposa: parece que qualquer um tem acesso aos seus dados privados.

Ladrão de telefone

Se você tem um smartphone ou tablet, as pessoas ao seu redor podem descobrir seus maiores segredos. Você coloca todos os seus dados pessoais lá é… eles correm perigo. Mas a possibilidade de perder o seu telefone ou que ele seja roubado é o maior perigo.

Há algo que possamos fazer para proteger nossos dados pessoais? Alguns céticos dizem que não. Eu sou otimista, eu penso que sempre há uma maneira. Trabalhar para uma empresa de segurança faz a gente pensar que sempre há uma maneira de nos proteger, de evitar perigos e de tomar conta dos outros usuários.

Bloqueia seus aplicativos como avast! Mobile SecurityEu estive coletando informações para o que chamei de os 10 Mandamentos da Privacidade Móvel. Aqui estão alguns passos simples para ajudar a proteger a sua privacidade:

  1. 1. Utilize um PIN, senha ou padrão no seu aparelho. Eu tenho sorte de ter um telefone onde os números do PIN mudam de posição na tela e tornam a tela de entrada no aparelho ainda mais segura. Há alguns aplicativos que “alteram” a sua senha (de acordo com certos padrões que você configurou previamente).
  2. 2. Bloqueie seus aplicativos mais privativos. Bloqueie o seu log de chamadas, mas também suas mensagens, emails, notas pessoais, contatos, pois tudo está no seu bolso. O avast! Mobile Security oferece a função de bloqueio de aplicativos para tornar ainda mais seguras as partes mais sensíveis do seu aparelho, e pede um PIN quando você tenta acessá-las.
  3. 3. Não salve os dados bancários e do seu cartão crédito no seu telefone ou, pelo menos, não nos navegadores do seu telefone. Alguns bancos aqui no Brasil têm o seu próprio aplicativo móvel que nunca salva as senhas ou PINs. Agora, para Android, há gerenciadores gratuitos de senha que adicionam uma nova camada de segurança durante a navegação.
  4. 4. Não clique em qualquer link. As pessoas que se expõem a fraudes ou links de spam, aquelas que baixam todos os aplicativos que encontram, independentemente de sua origem, põem em risco a si mesmas. Ok, você dirá que não é assim. Mas, você pensa duas vezes ao clicar em links das redes sociais ou compartilhamentos?
  5. 5. Não tire, envie, salve ou compartilhe fotos pornográficas. Não, este não é um mandamento moral. É uma questão de privacidade. Tudo o que estiver armazenado, ou pior, compartilhado com outros, pode violar a sua privacidade ou a de terceiros, ou até mesmo ser ilegal! Você pode compartilhar ou enviar a outras pessoas por acidente. Você também pode se arrepender disto no futuro, por exemplo, ao tentar conseguir um novo emprego. Nesta mesma categoria, não publique nenhuma brincadeira racista ou sexista.
  6. 6. Tome cuidado ao postar e compartilhar fotos com a sua localização. Os telefones podem adicionar o seu locar em fotos que você tira. Ladrões e cibercriminosos podem tirar vantagem desta informação para ameaçar ou fraudar você ou, pelo menos, para enviar spam. Da mesma forma, se você posta este tipo de informação com muita frequência, pode dar aos outros o caminho exato da sua viagem. Aguarde até que você volte para compartilhar fotos é sempre o conselho mais seguro.
  7. 7. Tome precauções extras ao atender chamadas telefônicas de números desconhecidos. Neste caso, cuidado para não fornecer dados pessoais ou qualquer coisa relacionada com o seu computador ou hábitos de navegação com desconhecidos. Obviamente, nunca aceite propostas ou informe seus dados bancários ou de cartão de crédito. Bancos, por exemplo, nunca telefonam para você para pedir dados pessoais.
  8. 8. Não navegue em redes abertas/públicas sem proteção. Dito de outra forma, WiFi gratuitas sempre expõem você ao que não quer. Você precisa utilizar um VPN seguro nestes casos. O avast! SecureLine é uma destas opções: fácil de usar e configurar, e muito eficiente contra hackers.
  9. 9. Não abra arquivos desconhecidos que venham anexados a um email. Esta é uma das formas mais comuns de ser infectado por um malware ou de perder informações pessoais. Tome especial cuidado se o email afirma que precisa dos seus dados bancários. Somente faça login em sites que você confia e que são bem conhecidos por estar limpos.
  10. 10. Mantenha o seu telefone seguro contra malwares e ladrões. Uma vez nas mãos dos criminosos, os dados no seu telefone podem ser utilizados contra você. Para evitar estas situações, você deveria testar o avast! Mobile Security e o avast! Anti-Theft. (São gratuitos!) Eles também vem com a função de geoproteção: quando o seu telefone “anda sozinho” para fora da área de segurança, você pode automaticamente bloqueá-lo e rastreá-lo via SMS ou através da sua conta avast! em nosso portal.

Ponto chave: pergunte-se sempre, continuamente, ao utilizar o seu telefone ou tablet: eu me importaria se alguém soubesse onde eu estou, ou o que eu estou procurando no Google, ou qual foto eu estou compartilhando nas redes sociais, ou as piadas que eu estou contando aos meus amigos depois de algumas garrafas de cerveja? Pare-Pense-Clique.

Obrigado por utilizar o avast! Antivírus e por recomendar-nos aos seus amigos e familiares. Encontre as últimas notícias, divirta-se, participe de concursos e muito mais no Facebook, Twitter, Google+ e Instagram. Dono do próprio negócio? Descubra mais sobre os nossos produtos corporativos.

Comments off
25, abril, 2014

O Facebook está fazendo uma faxina no seu feed de notícias

Spam no Facebook bloqueia conteúdo relevante no feed de notícias

Spam bloqueia notícias que os usuários do Facebook realmente desejam ver

No ano passado, o Facebook ganhou a fama de conter mais spam que qualquer outra rede social.

Para combater esta má fama, o Facebook anunciou recentemente uma série de melhorias no feed de notícias para ajudar que o conteúdo dos spams não mandasse para baixo as postagens que as pessoas realmente queriam ver: as dos seus amigos e das páginas que acompanham.

“O objetivo desta limpeza é entregar o conteúdo certo para as pessoas certas no tempo certo, de forma que elas não percam as histórias que são importantes e relevantes”, disse o Facebook.

Os alvos da limpeza são três áreas: os falsos curtir, o conteúdo frequentemente compartilhado e os links de spam.

Os falsos curtir são uma das piores fraudes no Facebook. Ocorre quando uma postagem pede explicitamente aos usuários que curtam, comentam ou compartilhem o post para aumentar o número de curtições e/ou compartilhamentos. Em outras palavras, para se tornarem virais. Como descrevemos em um artigo anterior do nosso blog, a página geralmente coleta as curtições e depois as vende para outros reutilizarem em postagens irritantes e spams.

O Facebook utiliza esta imagem com animais para ilustrar o que ele considera os falsos curtir. O texto pergunta ao leitor qual o seu animal favorito, como fotos solicitando curtições, comentários e compartilhamentos.

A procura por curtições é uma das piores fraudes no Facebook

O Facebook descobriu que havia uma proliferação de conteúdo frequentemente compartilhado.

O conteúdo que as pessoas recompartilham, geralmente por ser superinteressante ou excitante. As primeiras vezes que você vê, tudo bem.. Mas quando a mesma velha falsa história sobre Justin Bieber é postada no seu feed pela milésima vez, você acha aquilo o fim da picada e oculta a história. O Facebook deseja tirar o foco destas histórias pois ao diminuir as reclamações e ocultamentos, aumenta-se a relevância.

justine-bieber-scam

Histórias com linguajar dúbio ou formatadas de forma a enganar as pessoas para que cliquem em um link de spam estão na mira do Facebook. Se você estiver mentindo ou tentando assustar alguém, você pode ser alvo do Facebook.

O Facebook mede a frequência que os usuários visitam um link optam por curtir a postagem original ou compartilhar aquela postagem com seus amigos. Os primeiros testes foram encorajadores e o Facebook disse que “é um bom sinal que as pessoas estejam considerando os outros conteúdos do seu feed mais relevantes e confiáveis”.

Proprietários de negócios: o que isto significa para a sua página do Facebook

O Facebook diz que “a grande maioria das empresas no Facebook não estão postando spam no feed e por isso não sofrerão com as mudanças e, se perceberem algo, será um pequeno aumento na distribuição de notícias no feed”.

São boas notícias, especialmente para os proprietários de negócios que dependem do Facebook para atingir seus clientes. Aqui estão alguns passos sugeridos pelo Facebook:

  • Foque no conteúdo da postagem que for relevante e interessante para o seu público alvo.
  • É bom encorajar a discussão sobre o conteúdo das suas postagens, mas você deve evitar solicitar curtições e compartilhamentos para obter maior divulgação.
  • Desenvolva uma estratégia de publicação que utilize conteúdo original e não copie de outras fontes.
  • Faça links para os seus próprios e legítimos sites.

Obrigado por utilizar o avast! Antivírus e por recomendar-nos aos seus amigos e familiares. Encontre as últimas notícias, divirta-se, participe de concursos e muito mais no Facebook, Twitter, Google+ e Instagram. Dono do próprio negócio? Descubra mais sobre os nossos produtos corporativos.

Comments off