Protecting over 200 million PCs, Macs, & Mobiles – more than any other antivirus

Arquivo

Arquivo do autor
7, julho, 2014

Infográfico: os brasileiros e a Copa do mundo na era digital

Na semana passada, vimos os resultados de uma pesquisa feita entre os usuários brasileiros do avast! sobre a utilização de tecnologias móveis durante a Copa do mundo. Também soubemos do aumento do acesso à internet pelos dispositivos móveis.

Agora você pode acompanhar esta tendência no infográfico abaixo, mas antes vamos comparar alguns números dos brasileiros com os americanos.

Os brasileiros acreditam mais em sua seleção do que os americanos apostam em nós. Nós estamos menos ligados nos nossos smartphones e tablets para acompanhar a Copa, ainda que os números venham crescendo Copa a Copa. O que gostamos é assistir com amigos em casa!

Mas o que todos queremos e continuar na Copa e…

Brasileiros Americanos
Usuários do avast! que participaram da pesquisa 29.308 3.092
Vão utilizar seu smartphone/tablet para acompanhar a Copa 32,1% 66,6%
Acompanhar resultados dos jogos 9,9% 51,0%
Utilizar aplicativos de jogos de futebol 0,8% 21,0%
Ler notícias sobre os jogos nos aparelhos móveis 14,8% 33,0%
Apostar nos jogos 8,7% 9,0%
Utilizar jogos de futebol 5,0% 13,0%
Utilizar álbuns de figurinhas digitais 0,5% 6,0%
Utilizar vuvuzelas digitais 0,5% 6,0%
Utilizar aplicativos oficiais para acompanhar a Copa 26,9% 55,0%
Vão assistir os jogos na TV, em casa 92,1% 77,0%
Vão assistir em um bar 10,2% 20,0%
Vão assistir em praça pública 6,3% 10,0%
Pela internet 16,2% 61,0%
Acha que o Brasil vai vencer a Copa 67,1% 29,0%

Não perca o infográfico da pesquisa exclusiva do avast! sobre a Copa do Mundo e as tecnologias digitais.

World Cup Infograph Brazil July 2014

Obrigado por utilizar o avast! Antivírus e por recomendar-nos aos seus amigos e familiares. Encontre as últimas notícias, divirta-se, participe de concursos e muito mais no Facebook, Twitter, Google+ e Instagram. Dono do próprio negócio? Descubra mais sobre os nossos produtos corporativos.

Categories: Não categorizado Tags:
Comments off
6, julho, 2014

TextSecure e o falso positivo do avast!

Vez por outra, até os melhores sistemas podem falhar. No mercado dos antivírus, tentamos duramente minimizar os chamados falsos positivos. Um falso positivo é simplesmente um erro ou um alarme falso. Ele acontece quando o seu antivírus identifica erroneamente um arquivo ou download como sendo malicioso.

O Laboratório de Vírus da AVAST recebe mais de 50.000 amostras de novos potenciais vírus por dia. Há tantas que não podemos analisar cada uma individualmente, por isso, utilizamos técnicas com nomes supertécnicos como Malware Similarity Search e Evo-Gen. (Estas técnicas estão explicadas em uma postagem anterior do nosso blog em português, O novo brinquedo do Laboratório de Pesquisa do avast!.) Quando um arquivo é confirmado como sendo malicioso, é acrescentado ao nosso banco de dados de vírus. Com esta quantidade de novas amostrar, de vez em quando ocorre um falso positivo. Não há como evitar isto completamente, mas tentamos limitar o número de vezes e o seu impacto.

No final de semana retrasado, o avast! Mobile Security detectou erroneamente o aplicativo TextSecure como sendo um Trojan. TextSecure é um aplicativo desenvolvido pela Open Whisper Systems que protege a sua privacidade criptografando suas mensagens de texto (SMS) e chat, o que significa que somente podem ser lidas pelos destinatários. O Laboratório de Vírus da AVAST descobriu o erro, corrigiu o problema e fez uma atualização.

Infelizmente, os fios se cruzaram entre o analista do nosso Laboratório de Vírus e nossa gestora das comunidades sociais, e uma mensagem errada foi enviada pelo Twitter e Facebook sobre a detecção. Ao mesmo tempo que a detecção do TextSecure foi informada, outra detecção não relacionada com esta primeira foi feita, e, de fato, era um arquivo malicioso. Foi um caso simples de identidade trocada. Mais tarde, descobrimos a confusão e informamos através dos canais sociais da AVAST.

A AVAST confirma que o TextSecure Private Messenger é um aplicativo genuíno para Android e não contém scripts maliciosos. Pedimos desculpas pelo inconveniente causado aos usuários do TextSecure e à Open Whisper Systems.

Por favor, verifique se o avast! não detectou sem querer o software como suspeito. A última coisa que queremos é interromper serviços dos nossos usuários. Contudo, para fornecer a máxima proteção contra verdadeiras ameaças de vírus, alertas de falsos positivos surgem algumas vezes.

Como fazer...Como informar um falso positivo

Se você suspeita que o avast! detectou incorretamente um arquivo como suspeito, por favor, preencha este formulário. Ele irá gerar um email ao nosso pessoal do Laboratório de Vírus para que possam investigar.

Antes de fazer isto, talvez você queira enviar o arquivo ou o URL para o serviço de escaneamento online VirusTotal. Este serviço online gratuito escaneia o arquivo ou site com vários antivírus ao mesmo tempo.

TextSecure protege a sua privacidade

Os desenvolvedores do aplicativo TextSecure merecem um final feliz, por isso, desejamos apoiar a iniciativa deste aplicativo. Desenvolvemos o avast! Mobile Security para proteger os usuários Android de malware e roubo do aparelho e incluímos várias funções para proteger a privacidade dos nossos usuários. O aplicativo TextSecure faz ainda mais fornecendo criptografia ponto a ponto quando você se comunica com outros usuários TextSecure. Isto também mantém suas mensagens longe de espiões e ladrões, também se o seu telefone for perdido.

Instale o TextSecure Private Messenger gratuitamente da Google Play. Não se esqueça de postar um comentário e de classificá-lo com 5 estrelas!

Obrigado por utilizar o avast! Antivírus e por recomendar-nos aos seus amigos e familiares. Encontre as últimas notícias, divirta-se, participe de concursos e muito mais no Facebook, Twitter, Google+ e Instagram. Dono do próprio negócio? Descubra mais sobre os nossos produtos corporativos.

Comments off
4, julho, 2014

Os brasileiros, o avast! e a Copa

O avast! realizou uma pesquisa sobre a utilização das tecnologias digitais durante a Copa do Mundo. No Brasil, 29.308 pessoas participaram.

Foi uma participação massiva, comparada, por exemplo, à participação dos americanos. A Copa começou com certa “frieza”, com muita “contestação”, com o receio de que muita coisa falhasse na organização. Com o passar do tempo, todo mundo foi entrando no clima.

Ainda que não possamos chamar esta de uma Copa digital, muitos brasileiros começaram a assistir os jogos apenas nas plataformas digitais:

 Como você irá assistir aos próximos jogos de futebol no Brasil? Votos % Votos
 Na minha TV em casa  26.985 92,1%
 Em um bar 2.980 10,2%
 Em um evento público (por exemplo, uma praça) 1.848 6,3%
 Pela internet no meu PC 3.387 11,6%
 Pela internet no meu smartphone/tablet 1.371 4,7%

A conexão de dados nos celulares e tablets faz com que muita gente ao longo do dia possa acompanhar os resultados, dar aquela bicadinha no jogo. Quase 20% das pessoas
informou que acompanharia os resultados dos jogos ao vivo.

 O que você irá fazer em seu smartphone ou tablet durante a Copa? Votos % Votos
 Acompanhar os resultados em tempo real 8.959 30,6%
 Utilizar jogos de futebol 1.471 5,0%
 Apostar nos resultados dos jogos 2.538 8,7%
 Ler notícias/informações sobre os jogos 10.685 36,5%
 Acompanhar jogos em tempo real 5.541 18,9%
 Utilizar um aplicativo de vuvuzela  1.065 3,6%
 Colecionar e trocar figurinhas digitais dos jogadores de futebol em álbuns virtuais 1.354 4,6%
 Nenhuma das acima 12.481  42,6%

Arriscaria dizer que as pessoas pensam que a maioria dos seus aplicativos é “oficial”. Talvez porque os baixem da loja oficial Google Play. Mas o fato é que eu não esperava que quase 50% das pessoas não utilizasse nenhum aplicativo para acompanhar a Copa.

 Você vai utilizar aplicativos oficiais ou não-oficial nestas atividades? Votos % Votos
 Aplicativos não-oficiais 1.375  4,7%
 Aplicativos oficiais 7.892 26,9%
 Uma mistura de aplicativos oficiais e não-oficiais 6.164  21,0%
 Não respondeu 13.882 47,4%

A confiança na seleção canarinho, apesar de todas as dificuldades, sempre foi alta. Quase 60% dos brasileiros apostou que ganharíamos a 6 estrela em nossa camisa. O sonho de gritar “Hexa!” continua em nosso subconsciente, e vai se espalhando nas infinitas bandeiras colocadas em nossos carros. É uma diversão que atrai bilhões de pessoas em todo o mundo. Nunca uma Copa foi tão acompanhada. Nunca um evento internacional gerou tantas postagens e participações nas redes sociais!

 Você acha que o Brasil… Votos % Votos
 Não vai passar da fase dos grupos  1.279 4,8%
 Vai à final 3.764 14,0%
 Vai até as oitavas de final 1.446 5,4%
 Vai até as quartas de final 2.194 8,2%
 Vai até as semifinais 2.543 9,5%
 Vai ganhar a Copa  15.664 58,3%

Muita gente aproveitou para desabafar na pergunta livre da nossa pesquisa. Muitos protestos, muita participação espontânea “demais” :) De qualquer forma, quase 70% dos votos “válidos” foi para o Brasil. Surpreendente foi que países que nem estão na Copa receberam votos. Talvez tenham sido “votos de protesto”… E que tal 21 votos na FIFA?!

 Vencedor da Copa  Votos Válidos  % Votos
 Brasil 17.148 67,1%
 Alemanha 3.290 12,9%
 Argentina 1.609 6,3%
 Espanha 1.463 5,7%
 Itália  458 1,8%
 Portugal 293 1,1%
 Holanda 209 0,8%
 Inglaterra 147 0,6%
 Uruguai 144 0,6%
 França  140  0,5%
 Bélgica 97 0,4%
 Japão  84 0,3%
 México 46 0,2%
 Camarões  45 0,2%
 Croácia 45  0,2%
 Estados Unidos  44 0,2%
 Bósnia-Herzegovina  31 0,1%
 Chile 26 0,1%
 Rússia 23 0,1%
 FIFA  21 0,1%
 Irã  17 0,1%
 Gana  14 0,1%
 Austrália 13 0,1%

Na semana que vem traremos um infográfico completo. Até lá e aproveite as nossas dicas para se manter seguro durante e depois da Copa:

  • Baixe aplicativos somente da loja oficial Google Play
  • Escolha os aplicativos de desenvolvedores oficiais e confiáveis
  • Leia com cuidado as permissões de um aplicativo e se são realmente necessárias
  • Leia o comentário dos outros usuários
  • Se você jogar em redes WiFi públicas, instale a proteção do avast! SecureLine VPN (para PC, Android e iOS) e criptografe suas conexões

Obrigado por utilizar o avast! Antivírus e por recomendar-nos aos seus amigos e familiares. Encontre as últimas notícias, divirta-se, participe de concursos e muito mais no Facebook, Twitter, Google+ e Instagram. Dono do próprio negócio? Descubra mais sobre os nossos produtos corporativos.

Comments off
4, julho, 2014

Segurança na Copa: evite falhas fatais. Proteja-se antes!

Às vezes, mesmo o planejamento mais cuidados não diminui os erros humanos. Há uma semana, uma foto do Centro de Segurança da Copa do Mundo mostrou a senha WiFi em um dos monitores e foi publicada na internet, sendo imediatamente retuitada inúmeras vezes.

Em fevereiro, durante um show antes da Super Bowl, o quartel general da segurança da Super Bowl foi mostrado na televisão junto com as credenciais de login na rede WiFi interna do estádio.

super-bowl-security-fail-620x463

São as chamadas “falhas fatais”, exemplos altamente repetidos de erros lamentáveis que todo ser humano do planeta pode cometer: porque errar é humano. Talvez não nesta escala, mas arrisco dizer que ninguém na FIFA ou na NFL queria expor propositadamente a sua organização e correr riscos.

Pode acontecer com você

Por isso, vamos parar com as risadinhas destes deslizes públicos e falar sobre as nossas falhas de segurança com nossas próprias senhas e outros dados. Pense em seu smartphone e os dados que lá estão. Colocado ingenuamente no bolso de trás do seu jeans, este pequeno aparelho (e já ouvimos isto antes…) tem mais capacidade como um computador do que a NASA tinha em 1969 quando enviou os astronautas à Lua. Você tem muito a perder se ele for roubado ou for atacado por malwares.

Faça uma lista de tudo o que ele contém. Vai muito além de senhas, mas vamos começar…

  • Senhas: já escrevemos antes sobre criar senhas fortes e mantê-las seguras contra bisbilhoteiros.
  • Dados de logins: o que acontece quando um ladrão tem acesso aos dados de login das suas contas online ou sua conta bancária?
  • Mensagens SMS privadas: eu tenho de dizer porque você não quer que seus SMSs se tornem públicos? Dica: selfies.
  • Emails privados e profissionais: suas comunicações pessoais, dados da sua empresa… nas mãos erradas. Medite sobre isto por um momento.
  • Documentos pessoais e profissionais: a mesma coisa.
  • Aplicativos com informações pessoais armazenadas: Aplicativos armazenas informações como a sua localização, gênero, informações de saúde e muito mais. Você deseja que um bandido saiba tudo isto de você?
  • Fotos: memórias preciosas que fariam você chorar se as perdesse. Aqueles selfies também podem fazer você chorar.
  • Músicas e vídeos: você pagou um bom dinheiro para construir uma coleção da Celine Dion. Você não vai querer perder tudo isso.

Este pequeno aparelho é basicamente o seu computador e muito mais, e é frequentemente carregado despretensiosamente no seu bolso ou deixado exposto em uma mesa da cafeteria. São mais de 1 bilhão de usuários Android e somente uma pequena porcentagem atua proativamente para proteger seu precioso equipamento e os dados ali armazenados. É hora de mudar tudo isso. Chegou o momento de colocar o conhecimento e a preocupação pela segurança do seu notebook ou desktop também no seu smartphone. Evite uma falha fatal.


fifa-fb-post-ptChegou a hora de instalar o avast! Mobile Security e Anti-theft.
Baixe-o gratuitamente da loja Google Play.

Uma vez que a Copa do Mundo está rolando (haveria melhor razão que esta?) :) A AVAST está fazendo uma oferta do avast! Premium Mobile Security até o fim dos jogos, no dia 13 de julho: consiga sua licença anual com um desconto de 33%.

Aqui estão algumas coisas legais que você vai conseguir:

  • Geoproteção contra ladrões: bloqueie o telefone, toque uma sirene altíssima e receba a localização do telefone no seu computador ou no telefone de um amigo quando ele sair do perímetro de segurança, por exemplo, um bar.
  • Apanhe um ladrão: bloqueie seu telefone é tire uma foto de quem roubou o seu telefone.
  • Bloqueie aplicativos para manter a todos longe das suas coisas: bloqueie um número ilimitado de aplicativos. Dica: Tinder
  • Encontre quais propagandas estão rastreando você: seus irmãos menores não são os únicos que querem saber o que você faz. Descubra os detalhes completos dos sistemas de rastreamento das propagandas.

Aproveite a promoção com 33% de desconto até o final da Copa!

Obrigado por utilizar o avast! Antivírus e por recomendar-nos aos seus amigos e familiares. Encontre as últimas notícias, divirta-se, participe de concursos e muito mais no Facebook, Twitter, Google+ e Instagram. Dono do próprio negócio? Descubra mais sobre os nossos produtos corporativos.

Comments off
1, julho, 2014

Estórias da nossa Comunidade: Lucy, 10, enviou seu CV à AVAST!

A AVAST é a empregadora número 1 da República Checa. Somos uma equipe multinacional com escritórios no Vale do Silício, Austin, Munique e Hong Kong. Profissionais como desenvolvedores à especialistas em suporte e marqueteiros desejam juntar-se a nós.

Para ter certeza de garantir um lugar em nossa inovativa empresa, futuros empregados começam cedo. Hoje recebemos um Tweet com o CV de uma futura pesquisadora do Laboratório de Vírus do avast!

Lucy, estamos aguardando você se formar e juntar-se à nossa equipe!

Estamos esperando por você também! Se você é criativo como Lucy e suficientemente esperto como seu pai, procura por aventuras e viver em uma das cidades mais bonitas do mundo, tem habilidades únicas, siga a página de Carreiras na AVAST page.

Veja como é trabalhar na AVAST.

Obrigado por utilizar o avast! Antivírus e por recomendar-nos aos seus amigos e familiares. Encontre as últimas notícias, divirta-se, participe de concursos e muito mais no Facebook, Twitter, Google+ e Instagram. Dono do próprio negócio? Descubra mais sobre os nossos produtos corporativos.

Comments off
30, junho, 2014

A loja Google Play muda e abre a porta aos cibercriminosos

mobile appsHá algumas semanas, a Google atualizou a seção de aplicativos do Android e a sua loja e lançou uma nova forma de gerenciar as permissões dos aplicativos. A Google informa que será mais fácil de entender e que os usuários prestarão mais atenção às permissões dos aplicativos. A nova interface é mais limpa e o usuário comum pode agora instalar aplicativos mais rapidamente. Mas esta simplicidade tem um preço?

O Android controla a segurança e os direitos de acesso de todos os aplicativos através de “permissões”. Cada ação solicita permissão ao sistema operacional para ser executada. Nas versões antigas, quando uma atualização de um aplicativo solicitava novas ações ou permissões adicionais, a Google Play notificava o usuário para que ele explicitamente aceitasse ou proibisse a atualização. Mesmo se o usuário tivesse configurado as atualizações no modo automático, quando novas permissões eram solicitadas, ele tinha de efetuar manualmente a atualização. No caso de o usuário não estar seguro sobre as permissões que estava concedendo, pelo menos tinha sido avisado e podia tomar a decisão por si mesmo. A segurança era preservada.

Agora é tudo diferente

Tudo mudou há algumas semanas.

As permissões individuais, que podiam variar entre importantes e banais, estão agora reunidas em 13 grupos, incluindo o confuso grupo chamado “Outras”. Agora o usuário é obrigado a aceitar apenas as mudanças para um novo “grupo”. Isto significa que se você já tinha concedido certas permissões dentro de um grupo, outras permissões dentro deste mesmo grupo serão concedidas automaticamente. Por exemplo, se um aplicativo pode acessar o seu calendário, poderá agora também ler os seus contatos. Se você marcar uma reunião e convidar os participantes por email, o aplicativo poderá utilizar o calendário para enviar estes emails a eles, mesmo sem o seu consentimento!

Outro exemplo: você instala um aplicativo com permissões razoáveis e você o utiliza habitualmente em seu aparelho. Então uma atualização do aplicativo é lançada e ele começa a monitorar os seus hábitos de navegação (uma das permissões do grupo “Outras”). Agora o aplicativo passa a ser suspeito e pode rastrear você via GPS, acessar o conteúdo dos seus SMSs e, como é lógico, os seus dados pessoais como documentos, fotos, músicas e vídeos. Os cibercriminosos podem utilizar estes dados como uma ameaça, informando que conhecem a sua localização, os seus hábitos de navegação e até mesmo entrar em contato com você via SMS para ameaçá-lo. Os ransomwares podem até bloquear o seu telefone e exigir dinheiro como resgate.

O grupo “Outras” é a causa da preocupação. Acessar a internet pertence ao grupo “Outras”. A razão parece ser que a maioria dos aplicativos acessa a internet para funcionar e você não precisa saber disso. Você não está preocupado com isto?

new-AMSpost_img-300x300Como o avast! Mobile Security pode aumentar a sua privacidade

A loja Google Play ainda é mais segura contra malwares do que as lojas de terceiros, mas com esta mudança, você deve tomar cuidado em como pode controlar a sua privacidade. Aqui estão três funções do avast! Mobile Security que podem ajudar:

O escaneamento da Privacidade verifica todos os seus aplicativos e suas principais permissões. Se você descobrir um aplicativo “fominha” de permissões, pode desinstalá-lo ou, em alguns aparelhos, bloquear o acesso a certas áreas, por exemplo, seus contatos ou sua localização.

Outra função do avast! é o Firewall. Com o Firewall você pode bloquear que certos aplicativos se conectem à internet, o que evita que se comuniquem com os servidores que podem tentar coletar seus dados pessoais para finalidades maliciosas. O Firewall lhe dá duas opções: as listas branca e negra de aplicativos. A lista negra permite que você escolha bloquear o acesso à internet/rede de dados para aplicativos específicos. A lista branca é mais radical do que a negra. Com a lista branca você deve conceder permissão especificamente para um aplicativo para que ele utilize a internet, sua rede de dados ou a conexão roaming. Para utilizar o Firewall, você precisa ter um celular ou tablet roteado.

A terceira antiga, mas completamente efetiva, função é o Antivírus. O malware móvel tem crescido e se expandido nos últimos dois anos, sem mostrar sinais de declínio. A capacidade do avast! em detectar e bloquear spywares e ransomwares fornece a você uma camada de proteção muito efetiva.

O que você está esperando? Controle a sua privacidade: baixe o avast! Mobile Security agora mesmo! Lembre-se sempre de utilizar o bom senso e pensar duas vezes se as funções de um aplicativo requerem todas as permissões que ele solicita.

Obrigado por utilizar o avast! Antivírus e por recomendar-nos aos seus amigos e familiares. Encontre as últimas notícias, divirta-se, participe de concursos e muito mais no Facebook, Twitter, Google+ e Instagram. Dono do próprio negócio? Descubra mais sobre os nossos produtos corporativos.

Comments off
29, junho, 2014

Como utilizar o novo avast! Ransomware Removal?

Como fazer...Na semana passada, a AVAST lançou um novo aplicativo para Android chamado avast! Ransomware Removal que remove o SimplLocker de aparelhos infectados.

O SimplLocker bloqueia o acesso aos arquivos dos aparelhos infectados, criptografando-os. Sem a nossa ferramenta gratuita de remoção do ransomware, os usuários infectados têm de pagar 21 dólares para obter novamente o acesso aos seus arquivos pessoais. O SimplLocker é o primeiro ransomware que realmente criptografa os arquivos, por isso, desenvolvemos uma ferramenta gratuita para que as pessoas possam recuperá-los, disse Ondrej Vlcek, Chefe de Operações da AVAST Software.

Depois de estar disponível na Google Play por alguns dias e o aplicativo foi recebido com grande entusiasmo. Contudo, surgiram certas questões relativas à ferramenta nas redes sociais e outras que foram enviadas à nossa equipe de suporte. Neste artigo, explicaremos como instalar, executar e, o que é mais importante, desinstalar a ferramenta depois que ela fizer o seu trabalho!

1. Como posso instalar a ferramenta avast! Ransomware Removal se o meu celular já está bloqueado pelo malware?

blog_arrEsta é uma boa pergunta e, naturalmente, pensamos em como resolver esta questão. Todos os usuários podem instalar o aplicativo remotamente, mas tem de acessar a loja Google Play do seu computador, e não em seu celular. Siga estes passos:

  • Faça login na Google Play com as mesmas informações de usuário/senha que você utilizava em seu telefone.
  • Encontre o aplicativo avast! Ransomware Removal.
  • Clique no botão “Instalar” e o aplicativo sera instalado remotamente no seu aparelho em breve.

2. Como posso executar o aplicativo?

  • Depois que o aplicativo for instalado no seu telefone, clique no nome do aplicativo a partir da barra de notificações.
  • O aplicativo será executado e fornecerá mais instruções.
  • Execute o escaneamento e espere até que tenha removido o ransomware com sucesso.
  • Desinstale o aplicativo ao final (você pode instalá-lo novamente no futuro, se necessário.

3. Por que é pedida a desinstalação do avast! Ransomware Removal após o término do escaneamento e a remoção do ransomware?

Está a pergunta mais frequente dos nossos usuários, por isso, pedimos mais detalhes aos nossos especialistas. Aqui está a explicação de Jan Svehlak, desenvolvedor da AVAST:

O ransomware bloqueia a entrada dos usuários nos aparelhos infectados, o que significa que o malware carrega a sua tela de exigência de pagamento de resgate antes que outros aplicativos possam ser carregados. O aplicativo avast! Ransomware Removal precisa primeiro passar por cima do malware SimplLocker para ter acesso ao aparelho. Contudo, se não for desinstalado depois do escaneamento, irá continuar a passar por cima de todos os aplicativos no aparelho, o que significa que irá bloquear a abertura de todos os outros aplicativos. Por isso, o avast! Ransomware Removal precisa ser desinstalado depois de terminar a sua tarefa, liberando o seu aparelho

Por fim, acreditamos que a prevenção é muito mais eficiente que o remédio. Para manter os seus aparelhos protegidos do Cryptolocker, SimplLocker e outros ransomwares, instale o avast! Free Mobile Security e Antivírus na loja Google Play. Ele pode detectar e remover o malware antes de que ele atue no aparelho.

Obrigado por utilizar o avast! Antivírus e por recomendar-nos aos seus amigos e familiares. Encontre as últimas notícias, divirta-se, participe de concursos e muito mais no Facebook, Twitter, Google+ e Instagram. Dono do próprio negócio? Descubra mais sobre os nossos produtos corporativos.

Comments off
26, junho, 2014

O avast! mata o ransomware para Android com um novo aplicativo

O aplicativo avast! Ransomware Removal elimina o ransomware do Android e desbloqueia arquivos criptografados gratuitamente

ransomware-removal-suitcasePT

O ransomware, o terror do Windows que bloqueia computadores, criptografa arquivos e depois exige um resgate para desbloqueá-los apareceu agora nos smartphones Android.

“O problema do ransomware está crescendo como uma praga. Ele não está apenas ameaçando os usuários: as novas versões realmente criptografam seus arquivos”, disse Ondrej Vlcek, Chefe de Operações da AVAST Software.

A AVAST Software acaba de lançar um novo aplicativo chamado avast! Ransomware Removal que irá eliminar este malware de um aparelho infectado. Baixe-o gratuitamente da loja Google Play.

O avast! Ransomware Removal irá informar se o seu telefone possui algum ransomware. Se você estiver infectado, irá eliminar o malware. Os aparelhos Android que estiverem limpos podem contar com o aplicativo gratuito para evitar futuras infecções.

Este breve vídeo mostra o que acontece quando um ransomware infecta o seu smartphone Android.

A nova onda de ataques

Os criadores de malware sabem onde a próxima rodada de vítimas pode ser encontrada. Com o Android em uma enorme fatia de 80% do mercado mundial, bem como “bilhões” de outros usuários prontos para atualizar seus smartphones, os alvos são “infinitos”.

Depois de detectar o crescimento massivo do ransomware para PCs, os pesquisadores do Laboratório de Vírus da AVAST viram o malware migrar para a plataforma Android. Analistas identificaram falsos aplicativos governamentais e um pouco antes um novo ransomware chamado SimplLocker que mostrou ser efetivo. Esta prova-de-conceito funcionou muito bem criptografando fotos, vídeos e documentos armazenados em smartphones e tablets que o Laboratório de Vírus solicitou à nossa equipe de desenvolvimento móvel que o combatesse. Daí surgiu o avast! Ransomware Removal.

O SimplLocker bloqueia o acesso aos arquivos contidos nos aparelhos móveis. Sem a nossa ferramenta gratuita de remoção do ransomware, os usuários infectados tem que pagar 21 dólares para obter o acesso aos seus arquivos pessoais”, disse Vlcek. “O SimplLocker é o primeiro ransomware que realmente criptografa estes arquivos, por isso desenvolvemos uma ferramenta gratuita para ajudar as pessoas a recuperá-los”.

Encontre. Mate. Previna-se.

Instale o avast! Ransomware Removal para descobrir se os seus aparelhos Android estão infectados e para livrar-se da infecção. Qualquer pessoa infectada pelo SimplLocker, Cryptolocker ou qualquer outro tipo de ransomware pode baixar gratuitamente a ferramenta avast! Ransomware Removal e instalar remotamente no aparelho infectado. Uma vez instalado, você pode facilmente abrir o aplicativo e escanear o aparelho, remover o vírus e descriptografar os arquivos que haviam sido bloqueados.

Para manter os seus aparelhos protegidos do Cryptolocker, SimplLocker e outros ransomwares, instale também o avast! Free Mobile Security e Antivírus da loja Google Play. Ele pode detectar e remover o malware antes que ele se espalhe.

Obrigado por utilizar o avast! Antivírus e por recomendar-nos aos seus amigos e familiares. Encontre as últimas notícias, divirta-se, participe de concursos e muito mais no Facebook, Twitter, Google+ e Instagram. Dono do próprio negócio? Descubra mais sobre os nossos produtos corporativos.

Comments off
11, junho, 2014

Mantenha seu telefone longe dos hackers durante a Copa

Você está viajando ao Brasil para a Copa ou indo para a praia mais próxima? Lembre-se do seu óculos escuros, um boné, protetor solar, mas não esqueça que seus aparelhos móveis também precisam de proteção.

world-cup-hackersPT

Aqui estão alguns outros itens para pôr na mala:

  • O avast! SecureLine VPN para proteger você em redes WiFi públicas
  • O avast! Mobile Security e o Anti-Theft para proteger contra os ladrões

Aquele ponto de WiFi gratuito pode trazer problemas!

Os torcedores da Copa do Mundo terão chances de encontrar redes WiFi gratuitas. Pelo menos 6 dos 12 estádios da Copa terão acesso WiFi gratuito e devem haver mais 2.300 pontos de acesso em parques, praças e estações de transporte público. Os fãs que não assistirem aos jogos diretamente podem acompanhar os resultados em seus telefones ou assistir ao vivo conectando-se em WiFi gratuitas em hotéis e bares.

“Um ataque WiFi em uma rede aberta pode levar menos de 2 segundos”, tweetou @ExtremeNetworks recentemente. Os cibercriminosos podem ter acesso e roubar seus dados pessoais quando você se conecta a essas redes desprotegidas. Ao ter a sua identidade roubada e a conta bancária “esvaziada” pode arruinar qualquer viagem, mesmo ao paraíso!

“Os alvos dos hackers são os pontos WiFi públicos, onde é fácil seguir cada movimento que os usuários fazem nessas conexões WiFi, permitindo acesso aos emails, senhas, documentos e comportamentos de navegação”, disse Vincent Steckler, CEO da AVAST Software.

Utilize um serviço VPN para assegurar que isto não aconteça. O avast! SecureLine VPN protege a sua privacidade tornando os seus logins, emails, SMS e dados de cartão de crédito completamente invisíveis aos espiões.

Você pode baixar o avast! SecureLine para o seu notebook em todos os produtos gratuitos e premium do avast!. Nós também temos o avast! SecureLine para telefones e tablets Android e iOS, para que você utilize os seus PCs, smartphones e tablets em redes WiFi inseguras enquanto viaja ou na sua cafeteria favorita.

Veja conteúdo em todo o mundo

Você deseja assistir programas ao vivo no seu PC, tablet ou celular? Que tal relaxar e assistir a um filme na Netflix? Com o uso do avast! SecureLine você pode se conectar como se estivesse em um local diferente e assistir a programas “locais” em qualquer lugar do mundo. Simplesmente escolha o país do qual deseja parecer estar conectado. As opções são Estados Unidos, Reino Unido, Alemanha, Holanda, República Checa e Singapura.

Localize celulares roubados e perdidos com o avast! Anti-Theft

Mantenha o seu aparelho móvel seguro enquanto você está em movimento

Quando você está em uma cidade estranha, especialmente com a reputação criminal de algumas cidades brasileiras, os especialistas em viagem previnem os turistas de mostrar bens em público, como dinheiro vivo ou celulares. As pessoas podem não se sentir seguras tirando do bolso o seu telefone ou tablet para utilizar WiFi gratuita. Se acontecer de você ter o seu telefone furtado por um garoto de bicicleta ou perdê-lo na multidão, então o avast! Anti-Theft pode ajudá-lo(a) a rastreá-lo.

O avast! Anti-Theft é um programa independente incluído no avast! Free Mobile Security. Este pequeno programa irá ajudá-lo(a) a recuperar o seu telefone e a controlá-lo remotamente através de comandos via SMS ou da sua conta do avast!. Leia mais em nosso blog

Baixe o avast! Free Mobile Security da loja Google Play!

Você também pode instalar o avast! Anti-Theft como um programa separado baixando-o também da Google Play!

Obrigado por utilizar o avast! Antivírus e por recomendar-nos aos seus amigos e familiares. Encontre as últimas notícias, divirta-se, participe de concursos e muito mais no Facebook, Twitter, Google+ e Instagram. Dono do próprio negócio? Descubra mais sobre os nossos produtos corporativos.

Comments off
11, junho, 2014

As senhas dos hackers são mais fortes do que as dos usuários comuns?

Os hackers utilizam senhas fracas como nós.

librarian_dict_smQuase duas mil de senhas utilizadas por hackers vazaram esta semana, quando Antonín Hýža da AVAST estava decodificando strings PHP sem saber a chave de criptografia. Por não saber o conteúdo exato do arquivo criptografado e procurar a chave poderia levar anos, Antonín escolheu uma abordagem diferente. Ele decidiu saber quão fortes eram as senhas utilizadas pelos hackers e criou um dicionário. :)

Ao longo dos anos lutando contra malwares, o Laboratório de Vírus do avast! coletou muitas amostras de vários back-doors, bots e shells. Alguns deles são protegidos por uma senha codificada em MD5, SHA1 ou em texto comum, e por aí ele começou. Ele estudou as 40.000 amostras de senhas de hackers e encontrou quase 2.000 que eram únicas e 1.255 delas eram textos simples. Outras 346 senhas foram facilmente quebradas a partir dos códigos MD5, porque eram menores do que 9 caracteres. Isto lhe deu um total de 1.601 senhas e 300 hashes. Ele estudou as estatísticas destas palavras e encontrou o seguinte:

1Senhas que ninguém irá imaginar
Porcentagem de caracteres utilizadas nas senhas dos hackers
Cerca de 10% das senhas estavam além da capacidade normal de adivinhação ou cracking. Dentro destas, Antonín descobriu palavras muito longas de até 75 caracteres, provavelmente geradas por um computador. Algumas delas em longas frases misturadas com caracteres especiais como, por exemplo, lol dont try cracking 12 char+. Fácil porém pois foi armazenada como texto simples. ;)

Também havia senhas que não utilizavam caracteres dos teclados em inglês. Mas ainda havia 90% de chances de ser uma palavra normal, talvez com algum número intercalado. Não menos do que 9% das senhas podiam ser encontradas em um dicionário de inglês.

A tabela ao lado mostra quais caracteres são utilizados nas senhas dos hackers. A primeira linha significa que 58% das senhas continham apenas caracteres alfabéticos minúsculos. Uma senha não foi incluída nesta tabela porque o seu hash era: d41d8cd98f00b204e9800998ecf8427e. É o hash de um string vazio.

2O comprimento médio das senhas dos hackers é de 6 caracteresSenhas e caracteres mais utilizados

A tabela ao lado mostra o tamanho das senhas dos hackers. O comprimento médio das senhas dos hackers é de 6 caracteres. Houve somente 53 senhas mais longas do que 12 caracteres.

Geralmente, há muitas variações de palavras, desde o campo da informática a palavras em inglês, incluindo nomes e frases inteiras, mas quase nenhuma continha letras maiúsculas. Algumas das senhas são criadas com palavras em inglês, mas utilizando leet speak. É uma forma de escrever onde números são utilizados para parecer letras, por exemplo, A parece-se com 4, I com 1. Utilizando o leet speak uma senha com letras “o, i, e, a, s, t” é substituída pelo seu equivalente 0, 1, 3, 4, 5, 7.

Na tabela abaixo, é mostrada a ocorrência de letras minúsculas nas senhas. A mais utilizada é a letra a, e as letras f, j, v, w, y, z são raramente utilizadas. Na sequência mais longa de letras minúsculas, aparecerem 38 q, o que supera o caractere maiúsculo S com 28 ocorrências. No conjunto dos caracteres especiais, a letra minúscula q é quase tão utilizada como o ponto (“.”), com 42 ocorrências.

A ocorrência de letras minúsculas nas senhas dos hackers

As letras maiúsculas e suas ocorrências são mostradas na próxima tabela. Todas elas são muito raramente utilizadas e, quando são, ou são a primeira letra da senha, ou uma palavra inteira é escrita em maiúsculas. Somente poucas senhas utilizavam uma verdadeira combinação de letras maiúsculas e minúsculas.

A ocorrência de letras maiúsculas nas senhas dos hackers

A próxima tabela mostra quais os caracteres especiais preferidos dos hackers e quanto eles os utilizam para melhorar as suas senhas. O primeiro caractere da tabela é um espaço e isto revelou uma coisa interessante: um ou cinco espaços pode ser uma senha muito inteligente, mas não muito segura, pois são testadas logo no início. Nem todos os caracteres especiais estão listados abaixo porque ,  =  ~  |  [  ] não foram utilizados nenhuma vez.

A ocorrência de caracteres especiais nas senhas dos hackersA última tabela mostra a ocorrência de números. Os números foram utilizados em quase 30% das senhas e por isso a tabela só mostra os maiores números. O mais utilizado é o número 1 com 356 ocorrências.

graph_0-9

No momento, você deve estar imaginando qual a senha favorita dos hackers. Há muitas variações das palavras pass e root e também hax foi utilizada muitas vezes, mas se omitirmos uma palavra muito comum de 4 letras, a senha mais frequentemente utilizada pelos hackers é hack. Vale a pena mencionar que em muitos casos havia apenas uma senha padrão como r57, c99, password ou yourpass.

Quando comparamos todas as descobertas dos gráficos acima, podemos dizer que a senha média dos hackers terá no máximo 6 caracteres, contém letras minúsculas e números e deriva de palavras em inglês. Não foi tão difícil quanto Antonín pensava, e a maioria das senhas dos hackers é ainda mais fraca que a da maioria das pessoas normais, como, por exemplo, as que você encontra neste artigo. Mas se eu topar com um hacker que utiliza uma senha realmente forte e se preocupa com segurança? Então precisaremos de um conjunto de caracteres especiais, mas pequeno o suficiente para que com força bruta levemos alguns dias (em vez de meses) para quebrar a senha.

3

Melhores conjuntos de caracteres das senhas dos hackers

Utilizando apenas as estatísticas anteriores, podemos construir dois caracteres que devem cobrir a maioria das senhas utilizadas. Quando o dicionário falha, há outras formas de prosseguir, sempre há a força bruta.

1) acdehiklmnorstu01234579!-.@_ (28 caracteres)

2) acdehiklmnorstubgpxyw0123456789!-.@_#$+*{espaço} (41 caracteres)

Não são tão pequenos quanto gostaríamos que fossem, mas isto não é o mais importante, pois cada vez que precisamos quebrar uma senha com força bruta, ela tinha apenas 6 ou 7 caracteres e isto foi feito muito rapidamente.

onebit_24Para os pesquisadores de malware interessados no dicionário descrito neste artigo, por favor, escrevam a Antonín Hýža a partir de um endereço de email confiável: hyza at avast dot com para receber a sua cópia gratuita.

Obrigado por utilizar o avast! Antivírus e por recomendar-nos aos seus amigos e familiares. Encontre as últimas notícias, divirta-se, participe de concursos e muito mais no Facebook, Twitter, Google+ e Instagram. Dono do próprio negócio? Descubra mais sobre os nossos produtos corporativos.

Categories: Analyses, Virus Lab Tags: , ,
Comments off