Protecting over 200 million PCs, Macs, & Mobiles – more than any other antivirus

Arquivo

Arquivo do autor
26, setembro, 2014

Antivírus gratuito é melhor do que soluções pagas?

O avast! Free Antivírus é o melhor antivírus gratuito nos testes de mundo real da DTLO avast! Free Antivírus atingiu o maior grau de eficiência e qualidade na remoção de ameaças e proteção dos usuários de PC.

Quando o assunto é orçamento doméstico, as pessoas espertas procuram por produtos de qualidade a um bom preço. Você não pode ganhar de um preço GRATUITO e o avast! Free Antivírus fornece qualidade geralmente melhor do que caras soluções de segurança.

Uma série de testes feitos entre abril e junho pelo Dennis Technology Labs comprovou esta tese. Computadores Windows configurados como os que encontramos normalmente em nossas casas estão expostos a malware e vírus que os atingem em tempo real. O avast! Free Antivírus foi o produto antimalware gratuito mais efetivo, fornecendo a melhor proteção com um significativo nível de 93%. A proteção média dos produtos testados foi 86%. Com exceção do avast! Free Antivírus, os cinco melhores produtos testados eram pagos. Os outros produtos gratuitos testados foram muito menos eficientes.

Dois testes diferentes foram executados: um verificava como os produtos protegiam das ameaças vindas da internet e outro como ele gerenciava os programas legítimos. Nestes testes, o avast! protegeu os computadores contra 93% das ameaças, garantindo o sistema 82 vezes e neutralizando as ameças nas outras 11.

Simon Edwards, Diretor Técnico do laboratório na Inglaterra disse “que os produtos que protegem os usuários de visitar sites maliciosos levam uma significativa vantagem. Se o malware não puder ser baixado no computador da vítima, o programa antimalware sofre menos desafios em impedir a ação maléfica”.

Cada produto foi instalado em um computador limpo rodando Windows 7 Home Premium 64-bit. O sistema operacional foi atualizado com o Service Pack 1 (ainda que nenhuma outra atualização foi instalada). A atualização do sistema melhora a segurança e sugerimos que você mantenha todos os seus programas atualizados. O avast! Browser Cleanup também pode ajudar você nesta tarefa. Este curto vídeo tutorial mostra como ele funciona.

Obrigado por utilizar o avast! Antivírus e por recomendar-nos aos seus amigos e familiares. Encontre as últimas notícias, divirta-se, participe de concursos e muito mais no Facebook, Twitter, Google+ e Instagram. Dono do próprio negócio? Descubra mais sobre os nossos produtos corporativos.

19, setembro, 2014

Pesquisa mostra que a pessoa em quem você mais confia pode estar espionando você

As pessoas esperam ser vigiadas quando estão online no ciberespaço, mas quem espera ser vigiado pelas pessoas mais próximas? Sem saber, seu(sua) companheiro(a) pode estar te espionando mais do que a NSA americana: um em cada cinco americanos e uma a cada quatro americanas admitiu verificar o smartphone do seu companheiro(a) em uma pesquisa realizada pela AVAST com 13.132 pessoas nos Estados Unidos.

shutterstock_198273875

Bancando o detetive

A pesquisa descobriu que a maioria das mulheres verificam o aparelho do seu companheiro porque são intrometidas e um quarto das mulheres casadas suspeitam de traição e desejam encontrar provas.

As mulheres casadas não são as únicas que suspeitam que seus companheiros as estão traindo. A razão porque a maioria dos homens espionam suas companheiras é justamente porque duvidam de suas parceiras e desejam confirmar suas suspeitas, especialmente se o relacionamento é recente.
Apanhado em flagrante

Alguém pode pensar que a pessoa que espiona uma à utra para encontrar evidências de traição ou mentira está sendo paranoica. Infelizmente, a maioria delas não é paranoica: seu pressentimento é geralmente correto. Sete a cada dez mulheres e mais da metade dos homens que procuram provas nos aparelhos do(a) companheiro(a) de que estão sendo traídos, segundo a pesquisa, encontram evidências. E o mais, você saberia dizer qual dos dois, homem ou mulher, confrontaria o(a) parceiro(a) com o que encontrou? A mulher. A pesquisa revelou que as mulheres têm 20% mais probabilidade de enfrentar o homem com os fatos.

“Abrindo a fechadura” do aparelho móvel

Descobrir a senha/PIN do aparelho do seu companheiro não foi necessário para um grande número dos que participaram da pesquisa. Uma chocante alta porcentagem das pessoas disse que não precisaram da senha/PIN para entrar no aparelho do seu(sua) companheiro(a). As mulheres, contudo, foram poupadas e 41% informou que o aparelho do seu companheiro não tinha uma senha/PIN, comparando-se com 33% dos homens na mesma situação. Em segundo lugar, tanto homens quanto mulheres disseram saber a senha/PIN do outro porque compartilharam a senha no passado, sem dar-se conta que poderiam ser descobertos.

Olho por olho

Mais da metade dos homens e mulheres que verificam o aparelho do outro pensam que ele(a) também verifica o seu. Parece haver um baixo nível de confiança entre as pessoas que sentem ser necessário colocar barreiras ao outro.

A pesquisa mostrou que os as pessoas envolvidas em relacionamentos recentes e verificam o aparelho do(a) parceiro(a) são menos propensos a suspeitar que o seu novo amor está bisbilhotando seu telefone também, comparado ao número de pessoas envolvidas em relacionamentos estáveis. Todos engajados em um relacionamento de longo prazo são mais inclinados a pensar que o seu(sua) companheiro(a) faz o mesmo em suas costas.

Dicas para proteger a sua privacidade

Seja pelo seu(sua) companheiro(a) ou por alguém que encontre o seu telefone perdido, você sempre deve proteger os seus aparelhos dos xeretas.

  • Proteja os seus aparelhos móveis com senha/PIN!

Todo mundo deve proteger seus smartphones e tablets com senha/PIN, mesmo que não estejam preocupados com espiões. As senhas/PINs não só tornam mais difícil aos bisbilhoteiros o acesso a segredos e surpresas, mas também podem proteger seus dados caso seu aparelho seja perdido ou roubado.

  • Bloqueie os seus aplicativos pessoais

Os aplicativos que contém informações pessoais precisam de uma camada extra de proteção. Com a função de bloqueio de aplicativos do avast! Mobile Security você pode proteger com uma senha os seus aplicativos mais íntimos.

  • Limpe o seu telefone dos dados antigos e faça backup deles

Fazendo backup dos seus dados permite que você salve suas informações nas nuvens e, portanto, apague qualquer dado antigo do seu telefone. Isto previne não somente a perda de dados, caso seu telefone seja roubado ou se você acidentalmente apagar seus arquivos, mas pode prevenir ataques de espionagem, não necessariamente pelo(a) seu(sua) parceiro(a), mas por qualquer outra pessoa que consiga ter acesso ao seu celular, como por exemplo aqueles “amigos” que não podemos confiar. O avast! Backup faz gratuitamente backup do seu histórico de chamadas, SMSs, contatos e fotos.

Obrigado por utilizar o avast! Antivírus e por recomendar-nos aos seus amigos e familiares. Encontre as últimas notícias, divirta-se, participe de concursos e muito mais no Facebook, Twitter, Google+ e Instagram. Dono do próprio negócio? Descubra mais sobre os nossos produtos corporativos.

17, setembro, 2014

Nossa pressa pelo “agora” não quer dizer que queremos brechas na nossa segurança

instant-gratificationUm seriado nos Estados Unidos tem o lema “Eu quero agora” e fala sobre as pessoas que cresceram acostumadas a ter seus desejos satisfeitos num piscar de olhos com a ajuda de empresários e tecnólogos inovadores com fome de transformar tudo em lucro.

E sejamos sinceros, de impacientes e afobados, todos nós temos um pocuo.

Eu, por exemplo, às vezes sinto a minha impaciência crescer quando estou em um restaurante e alguém encontra um ponto para conectar seu notebook, smartphone ou tablet e eu não.  Fico lá, conversando com meus amigos na minha mesa e continuamos discutindo outros assuntos, pedimos mais um café e entramos em questões pessoais que geralmente ficam ao redor de tópicos como: “o que aconteceu no Facebook? Preciso enviar uma mensagem a um amigo. Vamos ver como andam as minhas notícias favoritas, meus sites de músicas… Aquele concerto parece bom, acho que vou comprar um ingresso. O quê? Meu cartão de crédito foi rejeitado? Melhor resolver aquele assunto no banco”, e por aí vai.

Este tipo de atividade em lugares públicos pode ser a porta de entrada dos problemas: hackers podem “roubar seus dados, dinheiro ou identidade virtual”.

Todos concordamos que a mentalidade do “eu quero isto agora” não inclui “eu quero ser espionado e roubado agora”.

Estamos cientes dos alertas sobre nossos aparelhos móveis: o smartphone é um computador ambulante no nosso bolso e qualquer um pode facilmente perdê-lo ou ser roubado. A quantidade de mensagens, a lista de contatos, as fotos, o histórico de navegação, etc., podem ser descobertos e utilizados contra nós se caírem nas mãos erradas, mesmo quando tiverem sido excluídos (leia mais em nosso blog).

Hackers também atacam nossos aparelhos móveis através de malwares. A AVAST já possui um milhão de códigos maliciosos em seu banco de dados. E eram apenas 100 mil em 2011.
Como já mostramos neste artigo do nosso blog em junho, nossos especialistas do Laboratório de Vírus descobriram um aplicativo de futebol da Copa do Mundo que não era um jogo verdadeiro, mas uma fraude que disparava propagandas na tela.

Como vivemos em uma sociedade do “eu quero isto agora”, aqui vão algumas dicas da AVAST para garantir que você não detone a sua segurança online procurando satisfazer urgentemente os seus desejos:

1. Instale um programa de segurança

Proteja o seu smartphone ou tablet de ataques maliciosos e bisbilhoteiros digitais que querem roubar seus dados e seus aparelhos. Instale o avast! Mobile Security e Anti-Theft na Loja Google Play.

2. Utilize lojas seguras para instalar seus aplicativos

As grandes lojas como a Google Play e a Amazon são os lugares mais seguros para buscar aplicativos. Elas têm rígidos controles de segurança e por isso são, geralmente, as fontes mais confiáveis. As outras lojas, especialmente as não-oficiais da Ásia e Oriente Médio, requerem que você fique de olhos abertos o tempo todo.

3. Utilize um PIN ou senha para bloquear seus aplicativos

O seu telefone Android tem suas próprias configurações de segurança, por isso recomendamos que você configure um número difícil para bloquear a tela. Para configurar um número ou gesto, vá para Configurações > Tela de bloqueio.

Utilize a função Bloqueio de aplicativos do avast! Mobile Security para que um PIN seja solicitado pelos aplicativos que você deseja manter privativos, como os de compras e bancos online. Você pode bloquear dois programas com um PIN/senha na versão gratuita ou bloquear um número ilimitado com o nosso produto Premium.

A função Verificador de senha do avast! Mobile Premium mantém os xeretas e ladrões longe de suas mensagens e emails. Depois de três tentativas de descobrir sua senha, o telefone é bloqueado.

4. Mantenha o seu smartphone perto de você

Batedores de carteira podem ficar com o seu telefone antes de que você termine de fazer o seu pedido ao garçom. A Geoproteção é uma função inteligente do avast! Mobile Premium. Você configura um perímetro de segurança em torno do lugar onde se encontra e escolhe algumas ações, como disparar um alarme. Se um ladrão tirar o telefone fora deste perímetro enquanto você está distraído com o seu café, o alarme dispara e o telefone é bloqueado.

5. Utilize a localização e o apagamento remoto se o seu telefone for roubado

O avast! Mobile Security e Anti-Theft têm funções de controle remoto que permitem a você realizar certas ações. Você pode rastrear e localizar o seu telefone perdido utilizando comandos SMS ou a sua conta my.avast.

O apagamento dos dados do seu telefone pode ser feito através de comandos SMS. O apagamento profundo permite que o avast! exclua completa e permanentemente, sobrescrevendo seus dados pessoais. Isto é útil quando você estiver pronto para vender ou jogar fora o seu telefone, como mostrou o nosso recente estudo antes mencionado sobre a compra e venda de telefones usados.

6. Permaneça seguro ao utilizar WiFi públicas e gratuitas

Os pontos de WiFi públicos podem facilitar a gestão do nosso plano de dados, mas também há um efeito colateral que você precisa estar atento. Hackers podem ler seus emails, arquivos, credenciais de login em sites, senhas, etc. e até ouvir suas chamadas VOIP no Skype ou no Viber.

Recomendamos que você utilize um serviço de criptografia como o avast! SecureLine VPN, especialmente quando estiver viajando, mas também em casa, como uma proteção adicional para os seus aparelhos e dados.

Image from http://www.andbethere.com

Obrigado por utilizar o avast! Antivírus e por recomendar-nos aos seus amigos e familiares. Encontre as últimas notícias, divirta-se, participe de concursos e muito mais no Facebook, Twitter, Google+ e Instagram. Dono do próprio negócio? Descubra mais sobre os nossos produtos corporativos.

16, setembro, 2014

O aplicativo Facebook Messenger agita a privacidade

Nos últimos dias, você deve ter notado que quando você tenta enviar mensagens do aplicativo móvel do Facebook no seu telefone ou tablet, ele pede que você baixe o aplicativo independente Facebook Messenger. É um aplicativo legal que permite que você envie mensagens a seus amigos do Facebook. Além de fotos e vídeos, você pode chamar seus amigos gratuitamente utilizando a sua conexão WiFi. Foi por isso que ele trouxe à baila uma controvérsia sobre as permissões que necessita para isto.

avast! Mobile Security protects your Android device

O Messenger precisa permissões para tirar fotos e fazer vídeos utilizando a sua câmera, gravar áudio, chamar números de telefone, receber/enviar/ler/editar suas mensagens, acessar a internet e os seus contatos, manter um registro da sua localização. Quando olhamos as permissões listadas na loja Google Play, há outras coisas assustadoras, mas não verdadeiras ameaças, coisas como impedir que seu telefone hiberne e controle sobre a vibração.

A controvérsia sobre a privacidade foi gerada pela pergunta sobre o que o Facebook pode fazer com todos estes dados. Por exemplo, eles realmente precisam ter acesso aos seus contatos? Eles já não sabem quem são seus amigos no Facebook?

O ponto é que nada mudou nas permissões do Facebook Messenger. A primeira versão solicitava os mesmos acessos que a versão independente do aplicativo. Você pode ler as explicações do Facebook sobre as permissões solicitadas aqui.

Já escrevemos sobre as mudanças no gerenciamento de permissões do Google Play há alguns meses, mostrando como a maioria das pessoas aceita cegamente tudo que os desenvolvedores querem, sem se questionarem de nada. Cada um de nós precisa decidir quanto estamos dispostos a dar para receber em troca. Mas, por favor, fiquem espertos usuários do avast!, pois o seu smartphone combinado com as mídias sociais é a Meca dos hackers. Nossas vidas estão nos dados armazenados em nossos dispositivos móveis e sem uma segurança consistente e algum bom senso, cibercriminosos podem juntar os pontos e utilizar o resultado como quiseram.

Garanta que seus aparelhos estão protegidos corretamente. O avast! Mobile Security roda em telefones e tablets Android e é completamente gratuito. O Módulo Aplicativos mantém você seguro de aplicativos maliciosos escaneando-os em dois níveis: ao serem instalados e ao serem executados. Com o Gerenciador de Aplicativos você pode ver os aplicativos em execução e verificar as suas permissões e também se eles mostram ou não propagandas. Baixe o avast! Mobile Security e Anti-theft da loja Google Play.

Obrigado por utilizar o avast! Antivírus e por recomendar-nos aos seus amigos e familiares. Encontre as últimas notícias, divirta-se, participe de concursos e muito mais no Facebook, Twitter, Google+ e Instagram. Dono do próprio negócio? Descubra mais sobre os nossos produtos corporativos.

11, setembro, 2014

O avast! Free Antivírus para Mac bateu os produtos concorrentes em testes independentes!

Comparados com os usuários Windows, os do Mac são comumente pouco afetados pelos ataques de malware. Os cibercriminosos, no entanto, sabem tão bem quanto os produtores de antivírus sobre as fragilidades dos Mac. Com o crescente número de usuários Mac, os cibercriminosos descobrem um maior potencial para suas atividades maliciosas, especialmente porque os usuários do Mac tendem a ter um falso sentido de segurança e não utilizam aplicativos de segurança. Você só precisa ler este blog para aprender como os hackers estão adaptando os malwares para Windows e colocando o alvo no companheiro Mac.

Nunca devemos subestimar a segurança que um Mac precisa. O avast! Free Antivírus para Mac oferece proteção gratuita contra os últimos malwares projetados para atacar os sistemas operacionais Mac. Como todos os outros produtos de segurança da AVAST, a versão Mac participa frequentemente de testes de companhias independentes. Recentemente o avast! Free Antivírus para Mac foi não só certificado pela AV-TEST, mas também recebeu 100% no último teste de segurança para Mac realizado pela AV-Comparatives em julho e agosto.

Estamos orgulhosos de compartilhar os resultados com você!

logos

Mais sobre o desempenho do avast! em ambos os testes.

A AV-TEST GmbH é líder mundial no fornecimento de serviços de testes de segurança computacional. O último teste foi dirigido aos produtos de segurança para Mac OS X e foi conduzido entre julho e agosto de 2014. Dezoito produtos antivírus participaram e os testes foram conduzidos na plataforma MacOSX 10.9.4. Os resultados podem ser encontrados aqui.

A nova versão 9 do avast! Free Antivírus para Mac ultrapassou com facilidade os produtos concorrentes. O software de segurança ofereceu altas taxas de detecção de malware, não diminuiu o desempenho do Mac e não produziu nenhum falso positivo em nossos testes. Andreas Marx, CEO da AV-TEST

Abaixo está um resumo do desempenho do avast!

Q: Qual produto foi testado?

A: O avast! Free Antivírus para Mac

Q: Qual versão foi testada?

A: ’9.0 (41877)

Q: Qual foi o desempenho do avast! no teste de detecção por demanda?

A: O avast! Free Antivírus para Mac atingiu o nível de 97.5%

Q: Qual foi o desempenho do avast! no teste de detecção por acesso?

A: O avast! Free Antivírus para Mac atingiu 100%

Q: Quantos falsos positivos foram relatados nos testes de detecção por demanda e por acesso?

A: Nenhum. O avast! não cometeu nenhum erro e reconheceu todos os malwares corretamente!

A AV-Comparatives é uma organização independente e sem fins lucrativos que oferece sistematicamente testes de produtos antivírus para PC e Mac, bem como soluções de segurança móvel. O teste foi realizado entre julho e agosto de 2014 e verificou o desempenho de 8 aplicativos de segurança para os OS X 10.9 Mavericks.

Os alertas de phishing e malware do avast! são muito bons. As mensagens pop-up deixam claro que a ameaça foi bloqueada e fornecem informações úteis aos usuários avançados, como o URL e o caminho do arquivo (…). O avast! Free Antivírus para Mac identificou 100% das amostras tanto com malwares para Mac quanto para Windows, além de possuir uma interface muito direta, ainda que uma funcionalidade sem igual, disse a AV-Comparatives em seu relatório

Logo abaixo você pode encontrar uma visão geral do desempenho do avast! frente à concorrência.

Resultados da AV-Comparatives

Por fim, uma figura vale mais do que mil palavras e acreditamos que o seu Mac merece! Baixe o avast! Free Antivírus para Mac aqui.

avast

Obrigado por utilizar o avast! Antivírus e por recomendar-nos aos seus amigos e familiares. Encontre as últimas notícias, divirta-se, participe de concursos e muito mais no Facebook, Twitter, Google+ e Instagram. Dono do próprio negócio? Descubra mais sobre os nossos produtos corporativos.

9, setembro, 2014

Você pensa que apenas as celebridades são hackeadas? Pense de novo…

As notícias da semana passada foram que fotos nuas de celebridades foram postadas em um site de compartilhamento de fotos, o 4Chan. Junto com as notícias surgiram muitas teorias e discussões sobre como o hacker conseguiu obter fotos e vídeos íntimos de uma longa lista de celebridades. Enquanto tentamos descobrir como o hacker teve acesso a estes arquivos pessoais, seria bom atualizarmos os nossos computadores para evitar as mesmas fragilidades: há medidas gerais que todos devem tomar agora para proteger seus dados pessoais.

Não culpe a nuvem

shutterstock_208714210

Uma das teorias que circula na internet é que o iCloud foi hackeado através de uma falha no aplicativo “Encontre o meu iPhone” da Apple. Kirsten Dunst, uma das celebridades cujas fotos pessoas foram roubadas tuitou o seguinte: “Obrigado iCloud”. Kirsten e outras vítimas hackeadas deveriam estar culpando a nuvem pelo que aconteceu? A teoria do hackeamento do iCloud é apenas uma teoria, os hackers teriam tido acesso às contas das celebridades através de emails phishing ou obtidos as senhas a partir de pessoas próximas às celebridades.

Os hackers teriam obtido acesso aos emails e senhas das celebridades através de brechas semelhantes às ocorridas no eBay ou do Heartbleed, que afetaram cerca de dois terços de todos os sites do mundo, incluindo o Yahoo Mail, OKCupid e o WeTransfer. Se as celebridades cujas fotos foram roubadas estavam afetadas por estas brechas e utilizaram as mesmas senhas em diversas contas, incluindo o iCloud, teria sido fácil para os hackers roubarem suas fotos pessoais.

Mesmo se o hacker tiver tido acesso os dados através das contas iCloud, a nuvem não deve ser culpada. O hacker, antes de qualquer outra coisa, é quem deve ser xingado. Contudo, todos temos de saber que há pessoas mal intencionadas por aí e precisamos proteger-nos a nós e aos nossos dados pessoais. A falta de consciência entre as celebridades também merece parte da culpa.

Saber onde você salva as coisas

Em 2011, quando fotos de Scarlett Johansson e Mila Kunis nuas apareceram, aprendemos que as celebridades não são imunes aos hackers. Na verdade, elas são alvos específicos e provavelmente continuarão as ser alvos. Parece que muitas celebridades não aprenderam a importância da segurança digital por ocasião do hackeamento de 2011. Cada usuário móvel, inclusive as celebridades, devem aprender as lições destes desafortunados eventos e repensar onde estão salvando seus dados pessoais e íntimos.

Muitos usuários móveis não sabem que seus dados não são salvos apenas nos seus equipamentos. Muitos aparelhos e aplicativos vem com funções de backup automático na nuvem. Backups na nuvem podem ser uma ferramenta muito útil para evitar a perda de dados, mas se você deseja apagar fotos íntimas do seu aparelho, você deve se lembrar também de apaga-las na nuvem.

Como proteger suas contas

Se os hackers conseguiram acessar os dados através de uma falha no iCloud, fraudes via phishing ou utilizando programas de força bruta, há um denominador comum em todos eles: senhas.

O especialista em malware móvel, Filip Chytry recomenda o seguinte para proteger suas contas:

  • Utilize senhas fortes: Senhas fortes são fundamentais quando o assunto é proteger as contas online. Senhas fortes devem ter pelo menos 8 caracteres, conter uma combinação de letras, números e símbolos. O ideal seria que você não conseguisse se lembrar da própria senha a primeira vez entrar em sua conta com sua nova senha. Você deve atualizar todas as suas senhas a cada três meses e depois de episódios de vazamento de contas online.
  • Utilize senhas diferentes para cada uma de suas contas: Não é fácil lembrar de senhas diferentes para todas as suas contas online, mas é vital que cada conta online tenha uma senha forte e diferente das outras. Senhas precisam ser pensadas como chaves, você não quer que a chave da sua casa abra o seu carro: contas online devem ter senhas diferentes. Gerenciadores de senha como o avast! EasyPass podem ajudar você a proteger suas senhas e contas.
  • Habilite a autenticação por dois fatores: Muitos sites e serviços oferecem autenticação por dois fatores, o que significa que para entrar em suas contas, além da senha, é preciso digitar um código numérico enviado ao seu telefone. Isto ajuda a verificar se a pessoa que está tentando entrar em uma conta é o seu verdadeiro dono e se é uma pessoa real (não apenas um programa tentando invadir a conta).
  • Baixe uma proteção antivírus para o seu aparelho móvel: Um antivírus, como o avast! Mobile Security, protege os seus aparelhos móveis não só contra malwares, mas também de links phishing. Sites de phishing se parecem com sites legítimos para enganar você e roubar suas credenciais de login, que pode ter sido a forma com que os hackers que publicaram as fotos pornográficas conseguiram acesso às contas das celebridades.

Se isto aconteceu com elas, também pode acontecer com você

Com frequência colocamos as celebridades em um pedestal, mas na verdade elas são pessoas normais como você e eu. Ninguém está imune aos hackers, mas tomando cuidado de onde você armazena seus dados pessoais e utilizando as ferramentas adequadas para protege-los, você está evitando que hackers possam ter acesso a eles. Todos devemos transformar estas circunstâncias em uma oportunidade de aprender a proteger nossas informações pessoais.

Obrigado por utilizar o avast! Antivírus e por recomendar-nos aos seus amigos e familiares. Encontre as últimas notícias, divirta-se, participe de concursos e muito mais no Facebook, Twitter, Google+ e Instagram. Dono do próprio negócio? Descubra mais sobre os nossos produtos corporativos.

31, julho, 2014

Segurança na internet – Parte 2: golpes na internet

A internet é um espaço de compartilhamento e diálogo. Mas junto com este ambiente positivo nos deparamos com conteúdos impróprios para crianças – como sites pornográficos – ou racistas e discriminatórios, cibercriminosos tentam roubar seus dados pessoais ou seus dados bancários (e de cartões de crédito). Às vezes, pode passar pela cabeça do usuário comum que ninguém tem interesse no seu computador e que nosso computador não pode ser encontrado nesta multidão.

Heartbleed, free antivirus, password, security

No mundo virtual de hoje em dia, o cuidado com sua senha e dados pessoais deve ser redobrado

É um engano, os criminosos é quem passam ocultos na multidão e utilizam o seu computador para base de ataques a outros, disseminando vírus (malwares) ou spam. Além disso, é bom você ter presente que os sistemas bancários e os sites contam, em geral, com um maior arsenal de segurança e que o seu computador (celular ou tablet), que é o verdadeiro ponto fraco em tudo isso.

Um dos golpes comuns é o que acontece quando você tem seus dados pessoais de identificação roubados. Pode ser o seu CPF, mas também os dados para entrar em um site (nome do usuário e senha). Da posse destes dados, os golpistas começam a atuar em seu nome, enviando e-mails, realizando compras, enfim, causando prejuízos não só financeiros, mas também à sua reputação. Podem disseminar informações falsas ou fotos e dados pessoais. Isto pode trazer dificuldades no seu emprego e em sua vida pessoal e familiar.

O cuidado com suas senhas é fundamental. Utilize senhas diferentes para serviços e sites na internet. Monte senhas chamadas fortes: com letras maiúsculas e minúsculas, símbolos e números. Algo que não seja evidente e possa ser descoberto rapidamente por outro computador. O avast! oferece uma solução automatizada para suas senhas, chamada avast! EasyPass. Desta forma, utilizando senhas seguras e diferentes, os golpistas não conseguirão facilmente adivinhar seus dados, entrar nos sites ou fazer compras em seu nome.

Esteja muito atento e não responda a emails e promoções que prometem um retorno depois que você fizer algum tipo de pagamento ou antecipação. Nunca participe como intermediário de operações financeiras. Desconfie de entidades que solicitam doações e procure encontrar os sites oficiais para contribuir. Nunca forneça seus dados bancários para “promessas de prêmios ou crédito pessoal”. Mais recentemente, falsas empresas oferecem emprego em troca de pagamento antecipado.

Outros golpes que estão se disseminando são o pedido de recursos para efetuar viagem para que, finalmente, duas pessoas que estavam namorando pela internet poderem se encontrar… Na verdade, depois de você pagar, nunca mais verá o seu amor… Que dicas podemos dar para desconfiar destes golpes? Em geral, exigem decisões rápidas e sigilosas e, curiosamente, estão cheias de erros de português, pois geralmente utilizam tradutores automáticos para aplicar os golpes em pessoas ao redor de todo o mundo.

Leia mais:
Segurança na internet – Parte 1: não tenha mais medo, aprenda com o avast!

Obrigado por utilizar o avast! Antivírus e por recomendar-nos aos seus amigos e familiares. Encontre as últimas notícias, divirta-se, participe de concursos e muito mais no Facebook, Twitter, Google+ e Instagram. Dono do próprio negócio? Descubra mais sobre os nossos produtos corporativos.

Comments off
24, julho, 2014

Segurança na internet – Parte 1: não tenha mais medo, aprenda com o avast!

O avast! é o primeiro antivírus gratuito que falou português. Há 11 anos junto com você e reunindo profissionais de mais de 40 países diferentes, acumulamos conhecimento para guiar você com segurança pela internet. Se você ainda tem “medo de fazer algo errado” quando utiliza o computador, esta série é para você. A AVAST se especializou no desenvolvimento de produtos de segurança e quer trazer a você uma série completa sobre os perigos que corremos na internet, as boas práticas para evitar golpes, perda de dinheiro e furto de identidade. Você está prestes a embarcar em um tutorial que lhe ajudará a escapar dos perigos do mundo virtual.

Reply-to-my-Email

Você se preocupa com os e-mails estranhos que recebe? Já ouviu falar de phishing, mas não sabe exatamente o que é? Então embarque conosco nessa série explicativa sobre o mundo virtual

Primeiro, ter “medo de fazer algo errado” é sintoma de sabedoria. O computador ou os smartphones e tablets são instrumentos tecnológicos avançados. Quem não conseguiu acumular conhecimento e experiência no uso destes equipamentos pode ficar um pouco intimidado com eles. Procurar informação na internet nem sempre é fácil, pois utilizam termos complicados. Simplificar e fazer acessível a tecnologia a todos é uma tarefa que assumimos com gosto.

Com mais de 220 milhões de usuários em todo o mundo, falando a sua língua, o avast! quer participar da responsabilidade de trazer a você uma internet mais segura. Nas próximas semanas, vamos abordar como evitar os golpes e ameaças na internet, os problemas que surgem a partir de e-mails indesejados (spam e phishing), o uso correto das tecnologias de segurança (antivírus e firewall), além de medidas de proteção à sua privacidade.

Queremos uma internet com o que ela tem de melhor: encontrar amigos, participar como cidadão dos debates públicos, obter informações, divertir-se, utilizar serviços bancários, fazer compras e muitas outras coisas legais. Também é saudável respeitar o número de horas dedicadas às tecnologias digitais: pratique esporte, encontre-se pessoalmente com seus amigos e outros colegas de trabalho, leve uma vida equilibrada.

Todas as medidas de precaução na sua vida real devem ser tomadas quando você utiliza a internet: entrar apenas em sites e lojas confiáveis, não falar para todo mundo os seus dados pessoais, trancar as portas e colocar alarmes. A AVAST acredita que segurança implica em prevenção: atuar antes de ter uma má surpresa.

Acompanhe a série e aprenda a se proteger na internet. Até a próxima quinta-feira.

Obrigado por utilizar o avast! Antivírus e por recomendar-nos aos seus amigos e familiares. Encontre as últimas notícias, divirta-se, participe de concursos e muito mais no Facebook, Twitter, Google+ e Instagram. Dono do próprio negócio? Descubra mais sobre os nossos produtos corporativos.

Comments off
22, julho, 2014

Fraudes spearphishing (caça submarina) esperam que você morda a isca

O avast! Internet Security protege você do phishing e das fraudes por email
Há alguns dias, Jaromir Horejsi, pesquisador do Laboratório de Vírus do avast! falou-nos sobre o Trojan bancário chamado Tinba. Os cibercriminosos por trás do Tinba utilizam uma técnica de engenharia social chamada spearfishing (caça submarina) para atingir suas vítimas.

Você provavelmente já ouviu sobre as fraudes por email que utilizam phishing. Este técnica clássica utiliza emails que parecem autênticos para atrair as vítimas para falsos sites e então conseguir que revelem informações pessoais. Também na semana passada, falamos sobre um email que Bob G., Evangelista da AVAST, recebeu e que dizia que ele havia ganhado o prêmio da loteria da Copa do Mundo. Os cibercriminosos por traz deste golpe lançaram uma rede pensando em capturar poucas pessoas e depois pedir-lhes que fornecessem dados bancários para que o prêmio pudesse ser entregue.

Outro grande perfil de tentativas de phishing, como o a fraude do email da DHL do último Natal, aproveitando-se da ansiedade do feriado. Um email que parece como algo legítimo, oferecendo todos os tipos de explicações urgentes e oportunidades únicas para explicar porque eles precisam dos seus dados pessoais. Não é difícil de entender porque pessoas caem neste golpe.

O spearphishing é semelhante em tudo exceto que a pesca é muito mais dirigida. O FBI diz que os cibercriminosos selecionam como alvos a grupos de pessoas com algo em comum: trabalharem na mesma empresa, terem conta no mesmo banco, terem ido ao mesmo colégio ou universidade, fazem compras no mesmo site, etc. Os emails parecem ter sido enviados pelas empresas ou pessoas das quais as vítimas normalmente recebem emails, tornando tudo mais enganoso. Isto é o que acontece com o Trojan Tinba que ataca neste momento a República Checa. Em ambas as táticas de engenharia social, o phishing e o spearphishing, uma vez que a vítima clica no link é levada a um site falso mas que parece verdadeiro onde lhe são pedidas senhas, números de contas bancárias, credenciais de usuário e logins, códigos de acesso, PINs, etc.

Como evitar ser uma vítima do spearphishing

  • A (grande) maioria das empresas, bancos, etc., não solicita informações pessoais por email.
  • Se estiver em dúvida, telefone (mas NÃO utilize o número de telefone que consta do email, pois também será falso).
  • Utilize um filtro de phishing. Tanto o avast! Internet Security quanto o avast! Premier incluem filtros antispam para detectar emails de fraudes e phishing.
  • Nunca clique em um link para um site seguro (dica: http:\\…) que venha por email: sempre digite o endereço (URL) manualmente.

Obrigado por utilizar o avast! Antivírus e por recomendar-nos aos seus amigos e familiares. Encontre as últimas notícias, divirta-se, participe de concursos e muito mais no Facebook, Twitter, Google+ e Instagram. Dono do próprio negócio? Descubra mais sobre os nossos produtos corporativos.

Comments off
18, julho, 2014

Senhas simples inspiram vestido personalizado

password dress

Lorrie Cranor lançou seu famoso vestido Senhas.


Senhas fracas se tornam inspiração de design

Se você utiliza 123456 ou senha como a sua própria senha, você pode vestir-se assim para que todo mundo veja. Isto é MUITO fácil de descobrir.

Para ilustrar este fato, Lorrie Cranor, artista e, sim, Diretora do CyLab Usable Privacy and Security Laboratory na Universidade Carnegie Mellon, desenhou o vestido baseando-se em uma extensa pesquisa que conduziu junto com seus alunos sobre a fraqueza das senhas baseadas apenas em textos. O quadro ao fundo também mostra uma nuvem das 1.000 palavras mais utilizadas do artigo RockYou.com hack. A professora Cranor fez um vestido de senhas. A peça está disponível à venda na Spoonflower.

Eu te amo, minha senha

A senha mais popular, 123456, forma o cenário. Mas o que mais intrigou Cranor não foi as “óbvias escolhas dos preguiçosos”, mas aquilo que as pessoas escolhem como senhas. Ela estudou uma lista e organizou as senhas em grupos. Muitas senhas caíram em mais de um grupo, por isso ela começou a pensar “como um daqueles preguiçosos” e buscou algum sentido nas suas escolhas.

O amor é um grupo forte e a pesquisa mostrou que as palavras relacionadas com o amor são a maioria entre as senhas não numéricas. Iloveyou em inglês e em outras línguas é muito comum. Os nomes de animais de estimação também são comuns e Princess (Princesa) apareceu tanto nas 1.000 senhas mais comuns quanto nas listas dos nomes de animais de estimação mais comuns. Chocolate é a senha mais comum entre os alimentos, junto com chicken (galinha) e banana(s).

Chicken (galinha) surpreende um pouco, assim como monkey (macaco) ser a 14ª senha mais popular. Será que os usuários tem alguma afinidade com macacos em algum jogo digital? Ou simplesmente gostam dos macacos? E por que bananas? Eles também comem bananas?

Algumas coisas sobre as quais só podemos especular…

Palavrões, insultos e linguagem adulta também aparecem nas 1.000 senhas mais comuns, “mas senhas grossas são menos comuns que as mais delicadas palavras de amor”, escreveu Cranor em seu blog.

Os números são ainda melhores. Três vezes mais pessoas escolheram 123456 em vez de password, e 12345 ou 123456789 também são muito populares. Parece que quando alguém pensa em utilizar um número como senha, todos correm para o mesmo número, ou sempre usam estes números na mesma posição em suas senhas.

As 10 piores senhas

O desenvolvedor de segurança SplashData publicou As dez piores senhas de 2013. Verifique se você utiliza alguma das que aparecem na lista:

Posição Senha Mudança comparada com 2012
1 123456 +1
2 password -1
3 12345678 Estável
4 qwerty +1
5 abc123 -1
6 123456789 Nova
7 111111 +2
8 1234567 +5
9 iloveyou +2
10 adobe123 Nova

Dicas e truques

1. Utilize um grupo aleatório de letras (maiúsculas e minúsculas), números e símbolos.

2. Utilize senhas com 8 ou mais caracteres.

3. Crie senhas únicas para cada conta.

Leia mais no blog do avast!:

Você odeia ter que atualizar suas senhas cada vez que um site é hackeado?

As senhas dos hackers são mais fortes do que as dos usuários comuns?

Obrigado por utilizar o avast! Antivírus e por recomendar-nos aos seus amigos e familiares. Encontre as últimas notícias, divirta-se, participe de concursos e muito mais no Facebook, Twitter, Google+ e Instagram. Dono do próprio negócio? Descubra mais sobre os nossos produtos corporativos.

Categories: General Tags: , , ,
Comments off