Protecting over 200 million PCs, Macs, & Mobiles – more than any other antivirus


23, maio, 2014

A maioria das crianças recebem pedidos de compartilhamento de fotos e vídeos online: assegure-se de que seus filhos estão protegidos

As crianças estão online mais do que nunca pelo acesso à internet em casa, na escola e em aparelhos móveis. O quarto maior provedor de internet do Reino Unido criou a Internet Matters, uma organização sem fins lucrativos que ajuda os pais a manter seus filhos seguros quando estão online. De acordo com a Internet Matters, nove em cada dez crianças com menos de 10 anos está online e 26% das crianças entre 10 e 13 anos está online por mais de três horas por dia.

parents, online safety, protection

Redes Sociais 

Ainda que haja uma aparente mudança dos adolescentes do Facebook para outros aplicativos e redes sociais mais privados, como o Snapchat, é muito importante conversar com os filhos sobre as configurações de privacidade e a sua reputação online. A Internet Matters afirma que o número médio de amigos nos sites das redes sociais é de 272 para crianças entre 12 e 15 anos. Sente com seus filhos e vá às configurações de privacidade junto com eles. Isto irá lhe ajudar a entender melhor como as redes sociais funcionam e lhe dará a oportunidade de conversar abertamente sobre a importância da privacidade online. As crianças e os adolescentes não percebem quanto os sites das redes sociais podem destruir a sua reputação e que uma vez que algo é publicado online é difícil que seja removido completamente, além de que pode retornar no futuro, trazendo-lhes dificuldades.

shutterstock_144042481Cyberbullying e Estranhos 

Você ensina aos seus filhos que sejam gentis e cordiais com os outros, para que falem a você ou ao(à) professor(a) que um colega está fazendo bullying com eles. Também lhes diz para não falar com estranhos. Estas mesmas regras devem funcionar quando estão online. A Internet Matters afirma que 60% dos adolescentes já foram solicitados a compartilhar imagens e vídeos íntimos pessoais. Os que fazem bullying e os predadores sexuais entram na sua casa graças à Internet. Isto torna vital que você dialogue com seus filhos sobre com quem eles conversam e que assuntos discutem online. Deixe eles à vontade para virem até você e falarem sobre bullying ou quando alguém se aproxima deles de uma forma que os deixa desconfortáveis, seja nos sites das redes sociais ou em chats privados. Tenha certeza de que seus filhos somente se conectam ou conversam com pessoas que eles conhecem e confiam na vida real e que nunca revelem informações pessoais como o seu endereço ou imagens inapropriadas.

Como os seus filhos estão online? Você utiliza ou compartilha aparelhos móveis em sua família? Participe da nossa pesquisa anônima aqui!

Categories: Não categorizado Tags:
Os comentários estão fechados.