Protecting over 200 million PCs, Macs, & Mobiles – more than any other antivirus

19, dezembro, 2013

O que é a privacidade se o FBI pode ligar a câmera do seu notebook?

FBIspy2

Hmmm… Parece um filme de terror contra a privacidade. Mas não é. Há alguns dias foi divulgado pelo Washington Post que o FBI tem a tecnologia para ligar a webcam do seu notebook (ou desktop) sem acender a luz e, portanto, sem que você saiba que está sendo filmado(a). E tudo isto em tempo real, ao vivo e a cores. A habilidade faz parte das ferramentas de administração remota (RAT) utilizadas pelo FBI.

A notícia fez muitos cobrirem a câmera do computador… “Faz vários anos que o FBI é capaz de ativar secretamente a câmera do computador – sem ligar a luz que permite aos usuários saber que estão sendo filmados – e tem utilizado esta técnica principalmente nos casos de antiterrorismo ou sérias investigações criminais”, disse Marcus Thomas, ex Diretor Assistente da Operational Technology Division do FBI em Quantico e que agora trabalha para a Subsentio.

Mas o problema não para por aí. O FBI pode entrar neste “computador suspeito” e ver arquivos baixados, fotos e emails armazenados. Também o armazenamento online de arquivos (nuvem) parece estar sendo questionado. As revelações foram feitas a partir da investigação desde julho de 2012 de um suspeito chamado “Mo” que ameaçou explodir-se em um prédio cheio de pessoas inocentes caso as autoridades não libertassem James Holmes, suspeito de outro crime. Ele ameaçou vários outros estabelecimentos, mas nenhuma bomba foi encontrada nos locais.

Ouvimos falar muito da NSA e de Edward Snowden nos últimos meses e de suas táticas de quebra de privacidade. Este parece ser mais um passo que comprova que na internet podemos ter segurança (utilizando um antivírus e firewall), mas é difícil (ou impossível?) de obter privacidade. Quando nos conectamos à internet, parece que todas as portas estão abertas…

O FBI parece agir como o melhor dos hackers, utilizando pontos fracos na segurança dos programas de computação para obter o controle dos computadores dos usuários. Um email de phishing com um link pode ser a porta de entrada em outros casos. De qualquer forma, eles parecem ter usado estas técnicas com certa parcimônia, evitando uma disseminação em massa que poderia ser descoberta mais facilmente.

Solução? Bem, eles têm de parar com isso. Os diretores de algumas das principais empresas de tecnologia americanas (entre elas a Apple, Microsoft, Google, Twitter, Facebook, Yahoo!, ATT, Netlfix e Comcast) pediram no passado dia 17/12 que o governo dos Estados Unidos reformulasse os programas de vigilância e espionagem.

Que tal dar uma olhada no novo avast! SecureLine que criptografa e torna anônimo todo o seu tráfego na internet? Ele roda em Windows, iPhone/iPad e Android.

Obrigado por utilizar o avast! Antivírus e por recomendar-nos aos seus amigos e familiares. Encontre as últimas notícias, divirta-se, participe de concursos e muito mais no Facebook, Twitter, Google+ e Instagram. Dono do próprio negócio? Descubra mais sobre os nossos produtos corporativos.

Categories: Não categorizado Tags:
Os comentários estão fechados.